conecte-se conosco


POLÍTICA NACIONAL

Tarcísio de Freitas diz que ‘fantasma do MST’ deve ser banido do país

Publicado

Tarcísio de Freitas participa de evento na Associação Comercial de Presidente Prudente
YouTube: Associação Comercial de Presidente Prudente/ Reprodução 26.7.2022

Tarcísio de Freitas participa de evento na Associação Comercial de Presidente Prudente

Nome de Jair Bolsonaro ao governo de São Paulo, o ex-ministro Tarcísio de Freitas (Republicanos) afirmou na manhã desta terça-feira, em evento na Associação Comercial de Presidente Prudente, que o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST) tem de ser “banido do Brasil”.

Tarcísio ouviu o apelo de um comerciante do Pontal do Paranapanema, região pobre do extremo oeste do estado, por maior desenvolvimento econômico à localidade para que ela deixasse de ser considerada “a região dos sem-terra e dos presídios”. O pré-candidato então defendeu o fim da organização, sob aplausos dos presentes.

“O Portal do Paranapanema tem que deixar de ser a terra do MST. Aliás, esse fantasma do MST tem que ser banido do Brasil, porque a única coisa que eles trouxeram até hoje foi insegurança, para o campo, para o crédito, para investimento”, afirmou Tarcísio.

Após a declaração, o ex-ministro defendeu “transformar assentados em produtores” e dar acesso a crédito ao “sujeito que está com a orelha queimada de sol e calo na mão” — referindo-se ao agricultor que, segundo ele, seria usado politicamente pela organização.

O movimento social de luta por reforma agrária é historicamente ligado ao Partido dos Trabalhadores e também alvo frequente de ataques do presidente da República. Responsável pela produção de alimentos orgânicos e envolvida no ativismo político, a organização reivindica a redistribuição e ocupação de terras improdutivas, fato pelo qual é associada a invasões de propriedade pelos críticos.

Questionada, a pré-campanha do Republicanos respondeu que “Tarcísio defende o fortalecimento do agro, que é uma força motora do estado de São Paulo, e isso passa por proteger a propriedade privada”.

Leia mais:  PF pretende indiciar Bolsonaro por fake news sobre Covid-19

“Para garantir o desenvolvimento do setor, é preciso dar segurança para o proprietário, para o investidor e também dar acesso a crédito às pessoas que estão hoje em situação de assentamento para que façam parte do grupo que produz riquezas para São Paulo”, afirmou em nota.

João Paulo Rodrigues, coordenador nacional do MST e assentado em Euclides da Cunha Paulista, no Pontal do Paranapanema, afirmou que o movimento trabalha pela melhoria de vida dos agricultores e que São Paulo “precisa de um governador que tenha coragem para banir a fome e o desemprego, a desigualdade social, a concentração de renda e o latifúndio, e a intolerância, o autoritarismo e o discurso de ódio”.

“Se o candidato quiser, podemos dar uma aula sobre a vida no interior de São Paulo. Temos escolas em todas as regiões do estado e podemos indicar algum curso para iniciantes no território paulista”, disse Rodrigues.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Política

Comentários Facebook
publicidade

POLÍTICA NACIONAL

Aprovação do governo é maior entre quem recebe auxílio, diz PoderData

Publicado

Jair Bolsonaro
Isac Nóbrega/PR – 07.06.2022

Jair Bolsonaro

A primeira rodada da pesquisa PoderData, após início do pagamento do Auxílio Brasil com reajuste para R$ 600, mostra que o governo de Jair Bolsonaro (PL) está mais bem avaliado entre quem recebe o benefício do que entre a população em geral. Segundo o levantamento, que foi realizado entre 14 e 16 de agosto de 2022, a taxa de aprovação da atual gestão atual é de 45% entre as pessoas que receberam algum pagamento do programa substituto do Bolsa Família no último mês.

Já a taxa de desaprovação do governo nesse grupo é de 51%. No entanto, a pesquisa aponta um movimento favorável à administração Bolsonaro nos últimos 15 dias.

O levantamento aponta, ainda, um crescimento de Bolsonaro entre os beneficiários em termos de intenção de voto. Há duas semanas, o mandatário tinha 25% nesse grupo. Agora, são 39%.

Os dados da pesquisa foram coletados através de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 3.500 entrevistas em 331 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais parta mais ou para menos. O intervalo de confiança é de 95%. O registro no TSE é BR-02548/2022

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Política

Comentários Facebook
Leia mais:  PF pretende indiciar Bolsonaro por fake news sobre Covid-19
Continue lendo

POLÍTICA NACIONAL

PoderData: 56% desaprovam governo de Jair Bolsonaro

Publicado

PoderData: 56% desaprovam governo de Jair Bolsonaro
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

PoderData: 56% desaprovam governo de Jair Bolsonaro

O governo de  Jair Bolsonaro (PL) é desaprovado por 56% do eleitorado brasileiro, de acordo pesquisa PoderData realizada de 14 a 16 de agosto. Além disso, 40% aprovam a gestão do atual presidente.

De acordo com a pesquisa, a aprovação do governo é ligeiramente mais favorável entre os beneficiários do Auxílio Brasil: 45% aprovam e 51% desaprovam.

Veja em quais grupos Bolsonaro tem mais dificuldade:

  • sexo – só 34% das mulheres aprovam o governo; entre homens, a taxa sobe para 46%
  • idade – aprovação é mais alta entre os adultos de 25 a 44 anos (47%)
  • região – moradores do Nordeste (61%) são os que mais desaprovam a gestão Bolsonaro
  • renda – desaprovação é de 61% entre os que têm renda familiar de até 2 salários mínimos

Os dados foram coletados de 14 a 16 de agosto de 2022, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 3,5 mil entrevistas em 331 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. O registro no TSE é BR-02548/2022.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Política

Comentários Facebook
Leia mais:  Lula joga Molon para "escanteio" e reforça apoio a Ceciliano ao Senado
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana