conecte-se conosco


MATO GROSSO

Primeira-dama entrega recursos para entidades filantrópicas contempladas pelo Fundo de Apoio às Ações Sociais

Publicado

A primeira-dama de Mato Grosso, Virginia Mendes, que é presidente do Fundo de apoio às Ações Sociais (FUS-MT), entregou, na quinta-feira (09.06), cheques com recursos no valor total de R$ 1,3 milhão para entidades que trabalham com os projetos sociais aprovados no FUS. O objetivo é minimizar a situação de pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social.

Desde o início da gestão, a primeira-dama se dedica de forma voluntária e sem função remuneratória, para realizar ações voltadas ao social. Entre tantas atuações, está sua ida a São Paulo em 2019, em busca de referências para o melhor modelo para criação e implementação do Fundo de Apoio às Ações Sociais e posterior empenho no convencimento de todos da importância dele para os trabalhos de assistência social. 

“Sempre participei ativamente das decisões do Conselho Deliberativo do Fundo, que é atualmente presidido pela secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria de Carvalho. Busquei ao máximo encontrar formas de subsidiar as ações e trabalhos realizados pela Assistência Social, e o FUS-MT é fruto de uma atuação direta que fiz questão de realizar”, ressalta Virginia Mendes, que evidencia a aprovação e apoio irrestrito do governador Mauro Mendes.

Entre as fontes de recursos do FUS-MT estão recursos oriundos do Fundo de Desenvolvimento Industrial (Fundeic), recursos provenientes também de convênios firmados com o Governo Federal, com organismos internacionais, de transferências de outros fundos e até mesmo de doações de pessoas físicas e jurídicas com fins específicos para aplicação em ações sociais financiadas pelo Fundo.

“A criação do FUS-MT vem confirmar que esse Governo está voltado para o social e que está empenhado em ajudar quem mais precisa. Para mudar é preciso agir e quando agimos unidos a prosperidade é muito maior”, finaliza a primeira-dama.

Leia mais:  Jogos Olímpicos das Apaes de MT são realizados em Peixoto de Azevedo

Um dos projetos selecionados pelo FUS foi o Semente Ribeirinha, da associação Flor Ribeirinha, contemplado com R$ 358.800,00. O projeto é direcionado a crianças de 04 a 12 anos de idade, com o intuito de repassar os saberes da cultura popular.

“Essa é uma iniciativa que surgiu no ponto de cultura “Quintal da Dona Domingas”. As crianças aprendem e têm o contato com a cultura da comunidade São Gonçalo Beira Rio, como a dança regional e o artesanato, e través desses saberes nós potencializamos o desenvolvimento motor, cognitivo e afetivo de todos os participantes.  Esse recurso e reconhecimento da primeira-dama com certeza vai potencializar esse projeto. Queremos fazer o melhor dessa oportunidade e plantar sementes em outras comunidades tradicionais e essa será a porta que vai se abrir”, observa o gestor cultural da Associação Flor Ribeirinha, Avinner Brandão.

Os projetos de futebol e jiu jitsu da Ronda Ostensiva Tático Móvel (Rotan), da Polícia Militar, também foram contemplados com R$ 125.025,00 e R$ 318.390,00, respectivamente. Segundo o comandante da Rotan, tenente-coronel Dorileo, a instituição desenvolve há mais de nove anos os dois projetos. Além de evitar o envolvimento de crianças e adolescentes com o mundo do crime, também dá a oportunidade, principalmente, àquelas em situação de vulnerabilidade social, com encaminhamento para o mercado de trabalho e inclusive no próprio esporte.

“Esse recurso vem em boa hora porque temos quase 400 alunos matriculadas e existem mais de 500 na fila de espera. Ele vai possibilitar aumentar a capacidade de atendimento a mais famílias, com a contratação de novos professores, aquisição de material e para logística”, ressaltou.

Foram contemplados também o projeto Judô Bope, do Batalhão de Operações Especiais. O comandante do Bope, tenente-coronel Frederico Lopes, explica que o projeto atende 350 crianças e o recurso será de grande valia para promover condições adequadas para o desenvolvimento do esporte.

Leia mais:  Governo de Mato Grosso investe mais de R$ 43 milhões em Matupá

“A primeira-dama conheceu o projeto e gostou da didática e dinâmica com que ocorrem as atividades e, a partir disso, destinou o recurso para que possamos fazer adequações na estrutura física, como do tatame, do vestiário e dos banheiros, e melhorar as condições de atendimento às crianças. Assim, também será possível fazer melhor recepção dos pais e responsáveis que acompanham as crianças e as incentivam para permanecerem no judô”, destacou o comandante.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

“Construção do novo Hospital Regional de Alta Floresta é a prova de que estamos focados em salvar vidas”, afirma governador

Publicado

O governador Mauro Mendes afirmou, durante assinatura da ordem de serviço para construção do Hospital Regional de Alta Floresta, realizada nesta terça-feira (28.06), que a gestão está focada em salvar vidas. Com o início dessa obra, Mato Grosso já soma seis hospitais em construção no Estado, totalizando um investimento de mais de R$ 700 milhões

“A construção do novo Hospital Regional de Alta Floresta é a prova de que estamos focados em salvar vidas. Ao todo, são seis grandes hospitais em obra em Mato Grosso – dois em Cuiabá e quatro no interior do Estado. Esse é o maior pacote de obras e ampliação de leitos na saúde pública no Estado. O principal beneficiado com essas novas unidades de saúde são os usuários do SUS, que contarão com estruturas mais modernas e de qualidade”, disso o governador Mauro Mendes, durante a assinatura da ordem de serviço.

Hospital Regional de Alta Floresta contará com 111 leitos de enfermaria e 40 leitos de UTI, sendo adulto, pediátrico, neonatal e unidade semi-intensiva neonatal para atendimentos de média e alta complexidade de seis municípios da região.

Projetada pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), a unidade hospitalar receberá o investimento de R$ R$ 112,3 milhões e conta com um cronograma de aproximadamente 22 meses de execução, com entrega prevista para 2024.

“A atual gestão não apenas inicia a construção do novo Hospital Regional de Alta Floresta, mas beneficia a população dos seis municípios da região Alto Tapajós de Saúde. Um novo e moderno hospital servirá de referência para toda a região”, avaliou a secretária estadual de Saúde, Kelluby de Oliveira.

Além de Alta Floresta, o Hospital Regional será referência para os municípios Apiacás, Carlinda, Nova Bandeirantes, Nova Monte Verde e Paranaíta. A unidade de saúde contará com um total de 151 leitos, sendo 111 leitos de enfermaria e 40 leitos de UTI. A obra é feita pela Lotufo Engenharia e Construções LTDA.

Leia mais:  Sema inicia aceiros mecânicos no Parque Estadual Encontro das Águas

O hospital também terá 10 consultórios médicos, 2 consultórios para atendimento a gestantes, 6 salas de centro cirúrgico, além de espaços para banco de sangue, banco de leite materno e realização de exames, como tomografia e colonoscopia.

“Falando especificamente de Saúde, esse investimento é grandioso. Quatro novos Hospitais Regionais que são destinados para o interior do estado e um deles aqui em Alta Floresta, para atender a população de toda a região. É uma gratidão muito grande a esse governo”, disse o prefeito de Alta Floresta, Chico Gamba.

Presentes no lançamento da obra do hospital, políticos e autoridades de Mato Grosso também ressaltaram a importância da unidade de saúde para a região, além de destacarem as ações do Governo para os municípios do estado.

O senador Wellington Fagundes parabenizou o governador pelos inúmeros investimentos realizados no estado. “Tem obras por todas as regiões de Mato Grosso. Em Nova Brasilândia, passará uma ferrovia desafogando a BR 163. Essa é a primeira ferrovia do Brasil por autorização do governo do estado. Além disso, são mais de 2.500 quilômetros de asfalto que será concluído neste governo. Obras que não aconteceram no passado por incompetência dos antigos gestores governamentais”, ressalta Fagundes 

O senador Jayme Campos vê o início da obra do hospital como uma superação. “Quando o governador Mauro Mendes assumiu a gestão, eu perguntei qual seria a receita do bolo para sair da dificuldade que o estado atravessava naquele momento com crise na saúde, segurança, salários dos servidores públicos atrasados, pagamento dos fornecedores e prestadores de serviço também atrasado. Eu quase não via uma luz no fim do túnel, mas o Mauro é um homem que faz compromisso que pode cumprir e um gestor de excelência, que demonstrou seriedade e responsabilidade. E o resultado disso estamos vendo aqui”, pontua o parlamentar.  

Leia mais:  Jogos Olímpicos das Apaes de MT são realizados em Peixoto de Azevedo

Para deputado federal Neri Gueller, a cidade de Alta Floresta está se destacando economicamente e socialmente em razão dos investimentos recebidos. “Com este legado e com tantas obras, as pessoas vão dizer que essa gestão ficou marcada e com certeza vai fazer com que a região seja boa para se morar e uma das mais importantes do país. Que o desenvolvimento com a participação da sociedade continue, porque a participação de cada um é importante”, entende Neri.

O deputado estadual Nininho também acredita que as obras na cidade promovem o desenvolvimento e a visibilidade para a região. “Todas essas obras da região, como as pontes na MT 419, na MT 325 e na MT 206, entre outras, estão proporcionando o desenvolvimento dessa região. Tenho dito que tenho orgulho de, junto com os colegas parlamentares, de dizer que conheço esse estado como a palma das minhas mãos e tenho falado que o que está acontecendo nesse estado eu imaginava que iria demorar uns 30 anos para acontecer, mas, de repente, vemos essa transformação toda sendo feita. Isso é gratificante”, celebra o deputado. 

Acompanharam o governador Mauro Mendes, durante a agenda, os deputados federais Neri Geller, Carlos Bezerra e Nelson Barbudo; os deputados estaduais Dilmar Dal Bosco, João Batista, Xuxu Dal Molin, Nininho, Pedro Satélite e Silvano Amaral; a secretária de saúde, Kelluby de Oliveira, e o secretário de desenvolvimento econômico, César Miranda, o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Mendes, e o prefeito de Alta Floresta, Chico Gamba. Também estiveram presentes os prefeitos de Apiacás, Carlinda, Colíder, Nova Bandeirantes, Nova Monte Verde e Paranaíta, além de outras autoridades da região. 

Novos Hospitais

Além do início das obras do Hospital Regional de Alta Floresta, o Governo de Mato Grosso também iniciou neste ano a construção dos Hospitais Regionais de Tangará da Serra, de Juína e do Araguaia, em Colniza.

Leia mais:  Perícia Médica de Rondonópolis passa a atender na unidade do Ganha Tempo

Em Cuiabá, o Estado executa as obras do Hospital Central, que ficou paralisado por mais de 30 anos, e do novo Hospital Julio Muller.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MATO GROSSO

Entrega de novos ônibus escolares reforça o conceito de educação com qualidade

Publicado

Com a entrega de 104 novos ônibus para o transporte escolar rural em 84 municípios, nesta segunda-feira (27.06), o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), cumpriu a meta estabelecida para o primeiro semestre, entregando 223 veículos de um total de 600 unidades, que atenderão os 141 municípios de Mato Grosso. O evento foi realizado no Palácio Paiaguás (Salão Nobre Cloves Vettorato) e reuniu prefeitos, parlamentares estaduais e federais, além de secretários de Estado.

Em 2022 o Programa de Renovação da Frota investiu R$ 218 milhões, entre recursos do tesouro estadual, convênios com o Governo Federal e emendas parlamentares. Antes disso, em 2021, o Estado investiu na aquisição de outros 19 ônibus escolares.

O governador Mauro Mendes enalteceu o esforço da gestão e da parceria com parlamentares, para que essa iniciativa desse resultado. “Transporte escolar é garantia de acesso à educação. Não é apenas um direito do cidadão, mas uma questão de cidadania”. Segundo ele, desde o início de sua gestão, em 2019, as bancadas em Mato Grosso e em Brasília foram procuradas para que dessem suporte à Educação. “Nem todos contribuíram de forma proativa, mas a maioria aceitou a convocação e a entrega de hoje é prova disso”, completou o governador.

O secretário de Estado de Educação esclareceu que o índice de evasão escolar na área rural diminuiu muito em relação aos anos anteriores. “Tudo isso se deve, sem sombra de dúvidas, às condições que hoje a Seduc oferece. Seja em material didático, uniformes, kit escolar, adoção de tecnologias digitais, acessibilidade em sala de aula e, principalmente, pelo transporte escolar de qualidade”.

Jossimar José Fernandes, o Zema, prefeito de Nortelândia, representou seus pares na cerimônia. Ele observou que a Constituição Federal determina que toda criança tenha direito à educação. “No entanto”, disse, “para que este direito seja considerado e para que a criança consiga ter educação de qualidade, depende de vários fatores, sendo que o transporte escolar é um dos mais importantes”.

Leia mais:  Governo de Mato Grosso investe mais de R$ 43 milhões em Matupá

Zema enalteceu os esforços do Estado e da Seduc, não apenas em entregas de ônibus e equipamentos às escolas, mas também nas reformas e construção de novas unidades em vários municípios. “Vê-se este esforço e o resultado será uma educação de melhor qualidade”, completou.

O discurso traçado, tendo base o futuro da educação, também foi abordado pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União Brasil), pela deputada federal Rosa Neide (PT) e pelo senador Wellington Fagundes (PL), que representaram os demais parlamentares presentes. “Sabemos que o transporte escolar está no conjunto de direitos que fazem a cidadania, mas é com ações como esta do Governo do Estado, que tudo se concretiza”, definiu Fagundes.

“Necessitamos ter e dar educação à nossa população, para que tenhamos um futuro melhor, com cidadãos críticos e independentes. Mas, para que isso aconteça, é primordial fazer e exigir que seja feito algo agora. Quando o transporte escolar é visto como direito do cidadão e que este cidadão possa ser no futuro o construtor de uma sociedade digna, este transporte é tido como qualitativo”, contribuiu Eduardo Botelho. “Apontar erros não basta. Precisamos arregaçar as mangas e lutar por uma sociedade mais justa, e o transporte escolar faz parte dessa nossa linha de atuação parlamentar”, finalizou Rosa Neide.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana