conecte-se conosco


POLICIAL

Polícia Civil apreende 43 quilos de maconha que seriam comercializados em Nova Mutum

Publicado

Quarenta e quatro tabletes de maconha foram apreendidos pela Polícia Civil, na noite de quinta-feira (09.06), em Nova Mutum (264 km ao norte de Cuiabá). Um homem foi preso em flagrante e duas adolescentes apreendidas por ato infracional.

A ação da Delegacia de Nova Mutum foi deflagrada com apoio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF) do município. O carregamento estava sendo transportado em um veículo abordado pelas equipes na BR 136.

Além da grande quantidade totalizando 43 quilos maconha, foram apreendidas 11 porções de cocaína, um cartela de LSD, balanças de precisão, entre outros materiais.

O suspeito de 40 anos foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Já as menores de 15 e 17 anos, ambas com várias passagens pela polícia, responderam ato infracional análogo ao crime de tráfico de drogas.

Conforme o delegado regional de Nova Mutum, João Romano da Silva Junior, as diligências iniciaram após denúncia feito pelo disque 197, sobre uma carga de entorpecentes que chegaria na cidade.

Com base nas informações os policiais civis integrados passaram a monitorar a praça de pedágio da rodovia, quando na noite de quinta-feira (09), avistaram um veículo Fiat Argo com as mesmas características mencionadas na denúncia.

Ato contínuo foi feita a abordagem do automóvel com dois ocupantes, sendo o condutor e a passageira de 15 anos. No banco traseiro do veículo havia um plástico lacrado com fita contendo 44 tabletes de maconha

Questionado o motorista contou que havia sido contratado pela menor para fazer uma corrida até Nova Mutum, bem como a contratante justificou que o plástico era produtos de cosméticos. Porém, o pacote exalava forte cheiro de maconha. Já a adolescente admitiu que era droga e seria entregue para outra menor residente em Nova Mutum.

Leia mais:  Três veículos produto de roubo/furto em diferentes estados são recuperados na região de fronteira

Em seguida os policiais civis foram até a casa da segunda envolvida, onde foram encontradas mais porções de maconha, além de 11 porções de cocaína, duas balanças de precisão e outros objetos.

A segunda adolescente relevou que quando recebesse o carregamento, separaria e pesaria para depois repassar aos outros comparsas comercializarem.

Após o flagrante, o trio foi conduzido para delegacia, interrogados e autuados em flagrante e ato infracional, respectivamente. Após a confecção dos autos, o preso e as apreendidas foram colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Tio de 62 anos é preso pela Polícia Civil por estupro de vulnerável contra sobrinha

Publicado

Um homem investigado pela Polícia Civil pelo estupro de vulnerável contra a própria sobrinha foi preso nesta sexta-feira (01.07). O crime ocorreu na cidade de Denise e é investigado pela Delegacia de Barra do Bugres.

A Polícia Civil apurou que o investigado de 62 anos cometeu os abusos sexuais contra a vítima que atualmente está com 13 anos. Os abusos teriam iniciado quando ela tinha 10 anos.

A vítima procurou ajuda do Conselho Tutelar após assistir a uma palestra na escola sobre violência sexual, na cidade de Denise.

O fato foi registrado na Polícia Civil que deu início à investigação e apurou que, além do suspeito de 62 anos, outro tio da vítima também é investigado por cometer abusos contra a adolescente.

A partir das informações coletadas na investigação, a delegada Renata Evangelista representou pela prisão dos dois envolvidos. As buscas seguem para localizar o segundo envolvido.

O homem preso nesta sexta-feira respondeu anteriormente por outro crime de estupro.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Três veículos produto de roubo/furto em diferentes estados são recuperados na região de fronteira
Continue lendo

POLICIAL

Polícia Civil cumpre prisão preventiva de trio envolvido em diversos roubos em Várzea Grande

Publicado

Três criminosos envolvidos em diversos roubos em Várzea Grande tiveram mandados de prisão preventiva cumpridos pela Polícia Civil, nesta sexta-feira (01.07), dentro do trabalho investigativo realizado pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos do município (Derf-VG).

Os suspeitos foram identificados como autores de um roubo a residência em que uma família foi feita refém no bairro Nova Várzea Grande. O crime ocorreu no dia 22 de fevereiro, quando os criminosos invadiram a casa, rendendo o casal e as duas filhas de 03 e 07 anos, fazendo ameaças e subtraindo diversos bens.

Durante o roubo, enquanto um dos suspeitos ficou com as vítimas, as ameaçando e exigindo que fizessem transferências bancárias, os outros dois vasculhavam a casa subtraindo bens de valor, que foram colocados no veículo da vítima que também foi utilizado na fuga.

No dia 1º de março, o trio praticou um roubo a um hotel em Várzea Grande, ocasião em que foram presos em flagrante pelo crime. Na ocasião, um dos assaltantes estava em posse do celular roubado da vítima do roubo a residência.

Além dos dois roubos, os suspeitos possuem diversas passagens anteriores por crimes de roubos, furtos, associação criminosa e tráfico de drogas. Dois deles também foram identificados como autores de outro roubo a residência ocorrido no mês de janeiro em Várzea Grande.

Diante dos fatos, o delegado da Derf-VG, Maurício Maciel Pereira Junior, representou pela prisão preventiva dos suspeitos, em decorrência do envolvimento do roubo a residência em que a família foi feita refém. Os mandados foram expedidos pela Justiça e cumpridos pela equipe da Derf no presídio onde cumprem pena em decorrência dos outros crimes.

Leia mais:  Repressão a organizações criminosas resulta em 82 prisões no primeiro semestre de 2022

“Em virtude das investigações que apontaram o envolvimento dos investigados no roubo e de todo histórico dos suspeitos, foi representado por nova prisão preventiva, garantindo que eles permaneçam presos pela prática dos crimes”, concluiu o delegado.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana