conecte-se conosco


POLÍTICA MT

“Início das obras da ferrovia Rondonópolis-Cuiabá é vitória da sociedade organizada”, afirma Avallone

Publicado

A primeira ferrovia estadual do país foi viabilizada legalmente graças a uma proposta de emenda à constituição de autoria dos deputados Carlos Avallone e Eduardo Botelho (DEM)

Foto: DIVULGAÇÃO / ASSESSORIA

“O dia 27 de Junho entrará para a história de Mato Grosso, marcando o início efetivo das obras da ferrovia ligando Rondonópolis a Cuiabá. A luta de Vicente Vuolo, da Assembleia Legislativa, do governo do estado, da classe política, do empresariado e da sociedade organizada para trazer os trilhos até a capital é vitoriosa, abrindo novas perspectivas de desenvolvimento para a baixada cuiabana e todo o estado”, afirmou o deputado Carlos Avallone (PSDB).

A Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) emitiu, no último dia 13, a primeira licença de instalação (LI) para a construção dos primeiros 8,67 km da ferrovia estadual. Para a liberação houve a análise técnica do setor de licenciamento e vistorias presenciais de equipes ao local. A licença também foi referendada pelo Conselho Estadual de Meio Ambiente (Consema) em março deste ano, após audiência e consulta pública à sociedade.

 A licença permite que a concessionária Rumo S/A comece na próxima segunda-feira (27) a instalação dos primeiros trilhos a partir do Parque Industrial Intermodal de Rondonópolis. Outras licenças serão emitidas para cada trecho da ligação com Cuiabá e, posteriormente, com Nova Mutum e Lucas do Rio Verde, na região médio-norte. O investimento previsto é de R$ 12 bilhões para a construção dos 740 km da ferrovia e dos terminais.

Presidente da Comissão de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Recursos Minerais, que participou das audiências públicas e continuará fiscalizando o respeito à legislação ambiental durante toda a obra, Avallone lembrou que a Assembleia Legislativa tem sido protagonista no processo de implantação da ferrovia Senador Vicente Emílio Vuolo.

Leia mais:  Audiência pública debate impactos de projeto que afrouxa proteção do Pantanal

 A primeira ferrovia estadual do país foi viabilizada legalmente graças a uma proposta de emenda à constituição de autoria dos deputados Carlos Avallone e Eduardo Botelho (DEM). A PEC 16/2020 alterou a Constituição de Mato Grosso possibilitando concessões ferroviárias dentro do estado.

“Foi esta PEC que permitiu a criação desta ferrovia estadual e assegurou as condições legais para que o governo do Estado fizesse a licitação. É uma obra fundamental para o escoamento da nossa produção, reduzindo custos e aumentando a competitividade dos produtos. E o que é melhor, a construção de um ramal até a capital vai impactar positivamente a economia dos municípios da baixada cuiabana, gerando empregos e a prestação de vários tipos de serviços agregados ao modal”, disse Avallone.

 O deputado ressaltou também que está trabalhando para assegurar que os milhares de novos postos de trabalho sejam preenchidos preferencialmente pela população da baixada e demais municípios na área de influência da ferrovia.

 A previsão é de geração de 58 mil empregos diretos e indiretos por ano. Ao final da construção da nova linha e terminais, a previsão é de que sejam criados um total de 235 mil novos postos de trabalho.

 “Por isso, ao receber a proposta da Lei de Diretrizes Orçamentárias, aumentamos de 10 mil para 100 mil o número de vagas nos programas de capacitação em 2022. Da mesma forma, vamos ampliar as capacitações para 2023. Não seria justo que estes empregos fossem preenchidos por mão-de-obra de fora, quando temos graves problemas sociais e alto índice de desemprego especialmente na Baixada Cuiabana”, ressaltou Avallone.

Governo, Assembleia, Fiemt, Famato e Fecomércio trabalharão em parceria para viabilizar estas qualificações para que possamos gerar emprego e renda e melhorar a qualidade de vida da população, informou o deputado.

Leia mais:  Projeto institui ensino gratuito da língua inglesa a profissionais de turismo de MT

Projeto de expansão

O projeto da Ferrovia Vicente Emílio Vuolo prevê um corredor logístico ligando os municípios de Rondonópolis, Cuiabá e Lucas do Rio Verde, passando por outros 13 municípios: Jaciara, Juscimeira, Dom Aquino, São Pedro da Cipa, Campo Verde, Santo Antônio de Leverger, Santa Rita do Trivelato, Planalto da Serra, Rosário Oeste, Nova Brasilândia, Primavera do Leste, Poxoréo e Nova Mutum.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
publicidade

POLÍTICA MT

Projeto institui ensino gratuito da língua inglesa a profissionais de turismo de MT

Publicado

Foto: Helder Faria

O deputado estadual Valdir Barranco (PT) apresentou na última quarta-feira (22), na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (Almt), o Projeto de Lei 617/2022 que institui a criação do programa “Inglês Básico” que visa oferecer curso básico de inglês gratuitamente para os profissionais envolvidos com o setor do turismo no Estado de Mato Grosso.

De acordo com o projeto, consideram-se profissionais envolvidos com o turismo aqueles que atuam nas áreas de hotelaria, transporte, gastronomia e lazer, como recepcionistas, porteiros, taxistas, motoristas, garçons, guias, artesãos, entre outros.

A capacitação será oferecida por meio de celebração de parcerias com organizações da sociedade civil e empresas privadas. Consta na proposta, o Estado do Mato Grosso é conhecido pelo ecoturismo e tem como principais cidades: Chapada dos Guimarães, Nobres, Campo Novos do Parecis, Vila Bela da Santíssima Trindade, Barra do Garças, etc. “Mesmo durante a pandemia, o território mato-grossense recebeu muitos turistas. E com a retomada da circulação de viajantes, a tendência é que o Estado passe a receber ainda mais visitantes após a baixa provocada pela pandemia”, citou Barranco.

“Cabe ao Poder Legislativo estadual propor medidas que favoreçam a capacitação de profissionais envolvidos com a área do Turismo. Este projeto tem como objetivo solicitar, junto ao Poder Executivo, que este ofereça cursos básicos de inglês gratuitamente aos profissionais”, destaca o deputado.

“Assim, é importante que os profissionais envolvidos com o turismo estejam preparados para prestar seus serviços aos turistas estrangeiros. E nem todos os trabalhadores dos setores relacionados com atividades turísticas tiveram a oportunidade de aprender a língua inglesa, que permite melhor comunicação com os visitantes de outros países”, finalizou o deputado.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Leia mais:  Botelho anuncia obras de asfalto e recebe demandas de escola em Paranatinga
Continue lendo

POLÍTICA MT

Deputado Botelho entrega ônibus escolar para Santa Rita do Trivelato

Publicado

Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

Santa Rita do Trivelato recebeu mais um ônibus escolar para o transporte de alunos da zona rural, graças à atuação do deputado Eduardo Botelho (União Brasil), presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, que destinou emenda no valor de R$ 357,9 mil. A entrega foi realizada, nesta segunda-feira (27), no pátio do Palácio Paiaguás, em Cuiabá. No total, o governo do estado entregou 105 ônibus para as 84 cidades, investimento superior a R$ 42 milhões.

Com serviços prestados a Trivelato, este é o segundo veículo destinado por Botelho ao município. Recentemente, o deputado visitou a cidade, verificou a obra de construção da quadra poliesportiva indicada por ele à Escola Cândido Portinari, já em fase de conclusão.

O secretário de Educação de Santa Rita do Trivelato, Paulo Madson Vieira da Silva agradeceu a parceria de resultados e agradeceu a importante iniciativa. “Botelho tem abraçado a Educação e nosso município tem muito a agradecer essa parceria que traz melhorias para nossos alunos e os profissionais da Educação. Isso nos faz continuar acreditando em dias melhores por presenciar ações como essas em todos os municípios do estado. Somos gratos pelo deputado conhecer a realidade do nosso município e se comprometer a trazer melhorias para a nossa população”, destacou o secretário.  

Ele explica que com mais um ônibus escolar será possível melhorar as condições de transporte dos alunos das comunidades Pacoval, Rota da Fazenda Chapada Azul, na divisa com Rosário Oeste e Paranatinga, num percurso de aproximadamente 220 km diários até a Escola Municipal Nova Brusque e o Centro de Educação Infantil Pacoval, na zona rural, além de alunos das escolas Municipal Três de Novembro e Estadual Cândido Portinari, na zona urbana.

Leia mais:  Deputado Botelho entrega ônibus escolar para Santa Rita do Trivelato

Botelho comemorou a entrega dos veículos, viabilizados através de emendas e indicações parlamentares. “É muito importante para ajudar os alunos, principalmente, os que moram na zona rural, porque hoje as prefeituras estão com dificuldade de investimentos e que bom estão recebendo esses ônibus novos. É a parceria do governo do estado, da Assembleia Legislativa dando certo e entregando ônibus para os municípios”, afirmou o deputado.  

Outras indicações de Botelho estão sendo efetivadas na ordem de R$ 1,2 milhão para Trivelato. Sendo que, além do ônibus escolar, um caminhão traçado de R$ 589 mil, poço artesiano d R$ 100 mil e mais R$ 150 mil para a construção de campo society. Além de apoio para o Festival de Pesca Esportiva e Cultural, que acontece de 5 a 7 de agosto.  

Mais ações – Indicou a construção da Biblioteca Pública Municipal “Preparando para o Futuro” e aquisição de livros; Indicou pavimentação de ruas; Indicou iluminação do campo de futebol; A construção de muro ou alambrado para proteção da Escola Municipal na comunidade Pacoval de Nova Brusque; a ampliação do Centro de Educação Infantil Nascer do Sol; Recursos para aquisição de um barco escolar com motor e equipamentos de segurança para o transporte escolar seguro dos alunos da Ilha Vale do Paraíso; a criação de um Hospital Materno Infantil público para atendimento especializado e exclusivo de mulheres e crianças no município de Sorriso, para atender a Região Centro do Estado de Mato Grosso (Sorriso, Nova Mutum, Santa Rita do Trivelato, Lucas do Rio Verde, Tapurah, Ipiranga do Norte, Itanhangá); a construção de hospital veterinário público para atendimento dos animais domésticos no município de Sorriso, para atender a Região Centro do Estado de Mato Grosso (Sorriso, Nova Mutum, Santa Rita do Trivelato, Lucas do Rio Verde, Tapurah, Ipiranga do Norte, Itanhangá) e indicou o programa “Luz para Todos” à comunidade do Assentamento Ponte de Barro.

Leia mais:  Governador Mauro Mendes assina convênios de R$ 55 milhões com Diamantino

Também participaram da cerimônia de entrega a comitiva de Santa Rita do Trivelato, liderada pelo prefeito Egon Hoepers, e composta pelos assessores da Prefeitura: a assessora pedagógica Celma Regina Mendes dos Santos, o assessor cultural Vilmar Pinho e do Transporte Escolar, Francisco Carneiro.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana