conecte-se conosco


DIAMANTINO

Dr. Manoel recebe projeto para reconstrução da ponte sobre o Rio Ribeirão do Ouro

Publicado

O projeto da obra de reconstrução da ponte sobre o Rio Ribeirão do Ouro, destruída no dia 17 de fevereiro deste ano durante temporal, foi entregue ao prefeito Dr. Manoel Loureiro, nesta segunda-feira (13.06). A entrega foi realizada no gabinete da Prefeitura de Diamantino pela equipe responsável pela elaboração do projeto.

O investimento previsto é de R$ 1,1 milhão, sendo cerca de R$ 600 mil de recursos próprios e R$ 550 mil do Governo Federal, por meio da Secretaria Nacional da Defesa Civil.

A nova estrutura da ponte em concreto armado e protendido terá passarela dos dois lados com guarda-corpo. Possui 12,2 m de extensão, 10,10 m de largura e 5,5 m de altura, apoiados sobre os pilares. Além das técnicas modernas utilizadas, terá a disponibilidade de uma pista de 6 metros com passagem para dois carros.

De acordo com as descrições apresentadas na planta do projeto de engenharia, a complexidade da obra se deu em razão de todo o sistema construtivo da ponte que requer elementos estruturais maiores, técnicas diferenciadas e empresa especializada para a execução dos serviços. 

Dessa forma, a nova ponte será construída em concreto armado, que possui uma estrutura com aço e concreto protendido, baseado em um aço de protensão tracionado que pode ser ancorado antes ou depois da concretagem. A técnica é utilizada para estruturas de grande porte que garante resistência do material, qualidade da obra, economia nos custos e celeridade na construção. 

A ponte será erguida com aterro dos dois lados do rio, onde sofreu os maiores impactos provocados pela enchente que desestabilizou o solo e comprometeu toda a estrutura. A base aterrada vai regularizar a movimentação da terra com volume estimado de 2.047,6 m².

Leia mais:  Assistência Social de Diamantino promove campanha sobre violência contra a pessoa idosa

O prefeito Dr. Manoel destacou que está acompanhando o andamento do trabalho e reitera que tem como prioridade em entregar a nova ponte. Fato é que a Prefeitura investirá recurso próprio para dar celeridade à obra.  

“Tivemos todo o cuidado para que a obra iniciasse de forma segura, sabendo que esta é uma área de risco que trouxe grandes transtornos aos moradores. Isso, no entanto, dependia de passar por várias etapas e atender todas as exigências preconizadas pela Defesa Civil e acompanhamos de perto tudo isso. Uma obra desse porte requer planejamento e mão de obra especializada que possa garantir um serviço de qualidade. Zelamos para que esse projeto fosse bem elaborado e vencemos mais uma etapa importante para que essa entrega ocorra o mais rápido possível”, afirmou o prefeito. 

O projeto, que foi elaborado pela Proconsult Projetos e Construtora LTDA, já foi encaminhado para o setor de Licitação da Prefeitura de Diamantino para que seja dado início ao processo licitatório por dispensa de licitação.

Comentários Facebook
publicidade

DIAMANTINO

Laboratório Municipal retoma Projeto Escolha Saúde com coleta para exames nas comunidades rurais

Publicado

O projeto Escolha Saúde, executado pelo Laboratório Municipal em parceria com as unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF), está de volta para atender as comunidades rurais em Diamantino. As ações estiveram suspensas em razão da pandemia, mas foram retomadas no mês de junho no Assentamento Bojuí, onde foram atendidos mais de 60 pacientes.

De acordo com o biomédico Dr. Emerson de Sá, coordenador do Laboratório Municipal, “são ofertados desde exames simples como hemograma até os especiais em relação à dosagem de hormônios, sorológicos e outros”, comentou.  

O público atendido varia entre criança, jovens, adultos e idosos, que recebem a consulta com médica e são encaminhados para a coleta de materiais para os exames. Quando há necessidade, as equipes se deslocam para fazer o atendimento domiciliar. 

A enfermeira Kelia Abreu, coordenadora da ESF Bojuí, explicou que o atendimento é realizado após agendamento ou através de demanda espontânea. “Durante a consulta, o médico avalia a necessidade de realizar o exame e fazer o pedido. Com a ida da equipe do laboratório na unidade de saúde, é coletado material para análise e diagnóstico”, explicou. 

A profissional da saúde falou ainda sobre a importância de facilitar o acessso à saúde da população que, sem o projeto, teria que se deslocar até a cidade para fazer os exames.  “É uma ação de suma importância porque a distância entre a comunidade Bojuí e o Laboratório Municipal pode chegar a 50 quilômetros. Com a vinda do laboratório, a aproximação é facilitada para o paciente usufruir desse benefício que é a continuidade do atendimento através de exames laboratoriais”, explicou.

Atendimento domiciliar

Durante a ação, que ocorreu na última sexta-feira (24.06), equipes do Laboratório e da ESF se deslocaram até algumas residências de pacientes acamados e idosos que não têm condições de comparecer à unidade para receber o atendimento. A maioria desses usuários tem dificuldade de locomoção e dependem  acompanhamento por profissionais em suas moradias.

Leia mais:  Dr. Manoel assina ordem de serviço para construção de passarela na ponte sobre o Rio Diamantino

Viviane Maria da Silva, agente comunitária de saúde que trabalha há 12 anos na comunidade Bojuí, conhece a situação dos moradores que precisam dos serviços de atenção domiciliar. A profissional comenta como o Escolha Saúde é uma ação que auxilia no cuidado da saúde dessas pessoas.  

“Trabalhamos com planejamento para comunicar os pacientes sobre o dia que ocorrerá a ação. É uma comunidade com pessoas que têm condições de vir até a unidade de saúde e outras que dependem do atendimento domiciliar. São acamados, pessoas com problemas mentais, que precisam desse olhar diferenciado. Nós vamos até a casa desses pacientes e levamos esse atendimento”, completou.

Nos próximos meses serão atendidas as unidades de saúde do Posto Gil e Caeté. As datas serão informadas aos pacientes pelas equipes de saúde que atendem estas comunidades.

Fonte: Prefeitura de Diamantino MT

Comentários Facebook
Continue lendo

DIAMANTINO

Assistência Social de Diamantino promove campanha sobre violência contra a pessoa idosa

Publicado

A Secretaria Municipal de Assistência Social, Trabalho e Cidadania promoveu a campanha Junho Violeta – no mês de conscientização sobre a violência contra a pessoa idosa. Para intensificar o debate sobre o tema foi realizada, nesta quarta-feira (29.06) uma Roda de Conversa conduzida por autoridades e profissionais de diversas instituições, com transmissão ao vivo da Câmara Municipal através da página do facebook da Prefeitura.

Em seguida, houve pitstop com entrega de informativo sobre os direitos do idoso.

A ação contou com a participação do CRAS – Centro de Referência da Assistência Social, do Grupo Viver Legal e da Secretaria Municipal de Saúde. Participaram da Roda de Conversa, o vice-prefeito Jozenil Costa Lube, a vereadora Michele Carrasco, a assistente social Ana Cristina dos Santos, a presidente do Conselho Municipal do Idoso, Maria Luiza Dias, a coordenadora do CRAS, Cleir Jovina dos Anjos, o Tenente PM Zanetti, representando a Polícia Militar, a psicóloga Luciana Mendes Santos, e o coordenador do Grupo Viver Legal, Lucas Gabriel Garcia.

Fonte: Prefeitura de Diamantino MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Infraestrutura recupera 17 km de estrada na II Sete Placas e Dr. Manoel vistoria obra
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana