conecte-se conosco


ESPORTES

Com dois gols de Lucca,Ponte conquista primeira vitória fora de casa e sobe seis posições na tabela

Publicado

Em um jogo pegado em que os gols saíram todos no primeiro tempo, a Ponte Preta conquistou a primeira vitória fora de casa, vencendo o Ituano por dois a um, e ganhou seis posições na tabela (posição que ainda pode mudar até o final da rodada), chegando à 13ª posição e jogando o adversário para a zona de rebaixamento.

Os dois gols saíram dos pés do artilheiro Lucca, mas com grande participação de Fessin: ele recebeu o pênalti que o atacante cobrou para o fundo das redes abrindo o placar e deu o passe que gerou o segundo gol. “Meu trabalho é o mesmo, independentemente dos gols. Graças a Deus onde passei pude ser feliz, e hoje estou aqui, jogando onde gosto e me sinto bem”, diz Lucca.

A equipe do técnico Hélio dos Anjos volta a campo às 16h30 deste sábado (11), contra o Londrina, no Majestoso.

O jogo

A Ponte teve o primeiro lance de ataque logo aos dois minutos, mas o chute de Leo Naldi acabou saindo por linha de fundo. Aos quatro,  Fessin e Lucca fizeram bela tabelinha, a primeira de diversas da dupla que ocorreriam no jogo, mas o chute do camisa 10 saiu mascado, sem perigo.

Aos oito, Danilo Gomes cobrou escanteio no primeiro pau, mas João Victor afastou.  Aos oito, Danilo fez passe perfeito para Fessin, que invadiu a área, limpou a marcação e foi parado com um pênalti claro. Lucca cobrou com perfeição aos dez e abriu o placar, com Pegorari só olhando a bola entrar: 1 a 0 para a Ponte.

Aos 12, Bernardo saiu em ataque alvinegro, mas foi parado com falta.  Fessin cobrou, mas a defesa do Ituano bloqueou. Aos 14, lance período dos donos da casa, mas Thiago Oliveira cortou. Aos 23, Lucca completou cruzamento de Artur, mas a bola foi para fora. No minuto seguinte, porém, o artilheiro pontepretano ampliou.

Leia mais:  CONMEBOL Sudamericana: Erick e Zé Roberto marcam e Ceará vence com o The Strongest de virada na altitude de La Paz

Após tabelinha com Fessin, Lucca se livrou do zagueiro e chutou. Pegorari espalmou, mas Lucca ficou com a sobra e fez o segundo. Aos 27, porém, os donos da casa descontaram com Aylon, em lance de bola parada. O atleta do Ituano cabeceou, sem chance de defesa para Caíque França.

O Ituano se animou com o gol e tentou chegar ao empate, mas a Ponte conseguiu conter o ímpeto adversário.   Aos 40, novo bom lance da Macaca,  que terminou com Leo Naldi chutando, mas Pegorari defendeu. Aos 45, Danilo Gomes avançou pelo meio e chutou, mas o goleiro adversário defendeu e logo depois, aos 48, o juiz apitou o final da etapa inicial.

No segundo tempo, aos sete Fraga tentou o passe para Bernardo na ponta direita, mas o chute saiu muito forte, pela linha de fundo. Aos oito, Danilo Gomes fez boa jogada, mas foi bloqueado na finalização.

Aos nove, Chrigor recebeu passe no ataque e passou por Caíque França, mas foi desarmado por Fábio Sanches antes de finalizar – a arbitragem, porém, já sinalizava impedimento no lance. O Ituano queria o empate e pressionava. Aos dez, Aylon fez cruzamento da esquerda para Chrigor, que cabeceou e exigiu grande defesa do goleiro alvinegro.

Aos 14, o Ituano balançou as fredes, mas o gol foi corretamente anulado por impedimento. Aos 24, Léo Naldi recuperou a bola para a Ponte no campo de defesa e foi parado com falta ao sair para o ataque.

Aos 28, quase Ramon  fez o terceiro. Ele recebeu bom passe de Luca e ficou cara a cara com  Pegorari, mas preferiu passar para Fessin e o goleiro defendeu com a ponta dos dedos. Aos31, Echaporã fez bom passe para Jean Carlos, que se livrou de dois e foi parado com falta.

Leia mais:  Sampaio domina o CSA e vence mais uma no Castelão

Aos 33, Bernardo avançou pela direita e foi derrubado próximo à área.  Após a cobrança de Formiga houve bate e rebate e Pegorari ficou com ela. Aos 37, Echaporã recebeu bola de Naldi, deu corte seco em Kaio e chutou uma bomba, que explodiu no travessão.

A Ponte seguira controlando o ímpeto do adversário e tentando explorar contra-ataques, e aos 45 o juiz deu mais seis minutos de acréscimo.  A Ponte teve ainda mais uma chance aos 50, após falta em Igor Formiga. Bernardo cobrou na barreira e Wallyson ainda mandou uma bomba no rebote, que saiu pela linha de fundo.

Os donos da casa ainda tentaram mais uma vez, mas a Macaca soube segurar a pressão e o placar até o apito final, aos 52 minutos, consolidando a vitória: Ponte Preta 2 x 1 Ituano.

Ficha do jogo

Ponte Preta: Caíque França, Bernardo, Thiago Oliveira, Fábio Sanches e Artur (Jean Carlos); Fraga (Moisés Ribeiro), Léo Naldi e Ramon (Wallisson); Fessin (Igor Formiga), Danilo Gomes (Echaporã) e Lucca. Técnico: Hélio dos Anjos.

Ituano: Pegorari; Pacheco, Léo Santos, Rafael Pereira e Roberto (Mário Sérgio); Caique, Kaio (Iago Telles) e Lucas Siqueira (Lucas Nathan);  Aylon (Gabriel Barros), Chrigor e João Victor (Calyson). Técnico: Mazola Jr.

Gols: No primeiro tempo, Lucca marcou pela Ponte aos dez e aos 24 minutos, e Aylon marcou pelo Ituano aos 27.

Arbitragem:  Jean Pierre Gonçalves de Lima apitou, com os assistentes Lúcio Beiersdorf Flor e Mauricio Coelho Silva Penna. O quarto árbitro foi José Guilherme Almeida e Souza, e o VAR ficou a cargo de Rodrigo Carvalhaes de Miranda.

Cartões: Thiago Oliveira, Jean Carlos e Bernardo (Ponte).

Público:
 1584

Renda: R$ 25.170,00

Jogo válido pela décima primeira rodada, disputado no estádio Novelli Júnior

Leia mais:  Vasco é superado pelo Novorizontino no Campeonato Brasileiro

fonte: https://pontepreta.com.br/com-dois-gols-de-luccaponte-conquista-primeira-vitoria-fora-de-casa-e-sobe-seis-posicoes-na-tabela/

Comentários Facebook
publicidade

ESPORTES

Na Venezuela, Santos empata com Desportivo Tachira

Publicado

Na noite desta quarta-feira (29), o Santos FC empatou em 1 a 1 com o Deportivo Táchira-VEN, no Estádio Pueblo Nuevo, na Venezuela, no primeiro confronto das oitavas de finais da Conmebol Sul-Americana.

Com o empate fora de casa, na partida de volta, no dia 6, na Vila Belmiro, uma vitória simples classifica o Peixe para as quartas de finais.

Já no sábado (2), o Alvinegro volta as atenções para o Campeonato Brasileiro, e enfrenta o Flamengo, na Vila Belmiro, às 19h00.

O jogo
Na primeira volta do ponteiro, o Santos FC já teve sua primeira jogada de ataque criada. Após trama em frente da área, Zanocelo ajeita para Bruno Oliveira, que chuta forte, mas a bola passa por cima do gol.

Aos 19 minutos, outra jogada mais perigosa do time santista. Ângelo avança pela direita, tabela com Bruno Oliveira e arrisca de fora da área, e o goleiro faz a defesa.

Dez minutos depois, a equipe da casa abre o placar, com gol contra de Zanocelo.

Já aos 42 minutos, Camacho acha Zanocelo que bate em cima da marcação, na sobra, Jhojan Julio arrisca, mas o goleiro faz a defesa.

No segundo tempo, aos 13 minutos, Sánchez ganha a bola do adversário e deixa com Bruno Oliveira, que bate por cima do gol.

Após falha da equipe venezuelana no meio campo, Rwan pega sobra, vê o goleiro adianta e arrisca de longe um bonito chute, e a bola passa perto do gol, aos 32 minutos.

O Santos FC buscou o empate até o fim, e aos 42 minutos, encontrou o seu gol na partida. Rwan faz boa jogada pela esquerda, se livra da marcação, e toca para Sánchez de frente para o gol. O uruguaio rola para Angulo, livre, que bate no canto oposto do goleiro para colocar a igualdade no placar e dar números finais ao jogo.

Leia mais:  Corinthians empata em 0 a 0 com o Santos na Neo Química Arena, pelo Campeonato Brasileiro

FICHA TÉCNICA
Deportivo Táchira FC 1 x 1 Santos FC
Local: Estádio Pueblo Nuevo, em  San Cristóbal, na Venezuela.
Data: quarta-feira, 29 de junho de 2022
Horário: 21h30
Árbitro: Gery Vargas (BOL)
Assistentes: José Antelo e Edwar Saavedra (BOL)
Cartões Amarelos: Francisco Flores e Marrufo (DTFC); Vinícius Balieiro (SFC)
Gols: Vinícius Zanocelo (contra) aos 29min do primeiro tempo; Ângulo aos 42min do segundo tempo.
Deportivo Táchira: Varela; Camacho, Restrepo, Ariano e Marrufo; Francisco Flores, Garcés (Simisterra), Chacón (Marlon Fernández) e Cova; Robert Hernández (Figueroa) e Uribe (Farías). Técnico: Alexandre Pallarés
Santos FC: João Paulo; Vinícius Balieiro (Auro), Luiz Felipe, Kaiky e Lucas Pires; Camacho (Willian Maranhão), Vinícius Zanocelo (Carlos Sánchez) e Bruno Oliveira; Jhojan Julio (Lucas Braga), Angulo e Ângelo (Rwan). Técnico: Fábian Bustos

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue lendo

ESPORTES

Criciúma e Náutico empatam nos Aflitos

Publicado

O Criciúma somou mais um ponto fora de casa na disputa do Campeonato Brasileiro da Série B. O Tigre enfrentou o Náutico na noite desta quarta-feira (29/06), no estádio dos Aflitos, no Recife (PE), e empatou em 1 a 1. O gol do confronto válido pela 15ª rodada da competição nacional foi marcado por Léo Costa, no primeiro tempo.
Com o resultado, a equipe comandada pelo técnico Cláudio Tencati soma 20 pontos na tabela de classificação da Série B. Em uma sequência de dois jogos fora de casa, os carvoeiros encaram o Ituano na próxima rodada. A partida ocorre às 16 horas no estádio Novelli Júnior, em Itu (SP).
O Tigre foi ofensivo desde os primeiros minutos. Logo aos cinco, Fellipe Mateus cobrou falta e o goleiro mandou para o escanteio. Novamente o camisa 10 do Criciúma levou perigo em duas cobranças de falta. Na primeira, ele levantou na área e Rodrigo cabeceou por cima da meta. Na sequência, Lucas Xavier, também de cabeça, quase abriu o placar. A insistência deu certo e aos 31 minutos, Léo Costa marcou de cabeça. Os carvoeiros seguiram no ataque, mas o Náutico empatou com Bruno Bispo. No último minuto do primeiro tempo, o árbitro assinalou a penalidade para os donos da casa e Gustavo defendeu a cobrança de Pedro Vitor.
Na segunda etapa, aos 11 minutos, Lucas Xavier fez boa jogada e bateu perto da meta. Quatro minutos depois, Rodrigo escorou de cabeça e Léo Costa quase faz os eu segundo. Thiago Alagoano arriscou e longe aos 29 minutos, a bola desviou e foi para fora. Nos minutos finais, o Tigre teve boas oportunidades com Hélder, Arilson e Renan Bressan. No último lance, Caio Dantas fez boa jogada, girou e chutou com perigo.
Léo Costa comemora o gol do Tigre nos Aflitos. Foto: Celso da Luz/ Assessoria de imprensa Criciúma E.C.

Leia mais:  São Paulo empata sem gols com o Juventude pelo Brasileirão

fonte: https://www.criciuma.com.br/noticias/o-clube/criciuma-e-nautico-empatam-nos-aflitos

Fonte: Agência Esporte

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana