conecte-se conosco


DIAMANTINO

Profissionais da Educação Infantil participam de palestra com Erik Penna

Publicado

Os profissionais da Educação Infantil da Rede Municipal de Educação de Diamantino participaram de mais uma programação do plano de formação continuada promovida pela Secretaria Municipal de Educação. Nesta terça-feira (10.05) o professor Erik Penna, internacionalmente reconhecido como orador motivacional, ministrou a palestra com o tema “O dom de motivar na arte de educar”. O evento foi realizado em parceria com o Sebrae-MT no Centro de Eventos Juarez de Abreu.

Rose Carris, titular da pasta, ressaltou que buscou repetir o sucesso do primeiro evento com o mesmo palestrante convidado. “Nós tivemos um retorno muito positivo por parte dos profissionais do Ensino Fundamental que participaram da palestra no mês passado. Agora o público alvo foi os profissionais da Educação Infantil que tiveram também a oportunidade de aprimorar o conhecimento através da rica experiência do professor Erik Penna”, declarou.   

Segundo Erik Penna, a palestra aborda o comportamento humano, a importância do otimismo no momento pós pandemia, motivação no processo ensino-aprendizagem, a inserção do tema educação empreendedora, baseado no comportamento das pessoas, especialmente do profissional da educação.

“Paulo Freire dizia que a educação necessita de formação técnica, mas também de sonhos e  utopia. Nós vamos falar de motivação, sonhos utopia que levam aos sete passos para o profissional de alta performance”, afirmou.  

O palestrante ressaltou a importância do investimento em capacitação por parte da administração pública. “É importantíssimo investir nesse público alvo. Quero parabenizar a administração na pessoa do prefeito e da secretária de educação por estarem investindo no principal que é o capital humano”, frisou.

Erik Penna é autor de seis livros e do best-seller ‘A Arte de Encantar Clientes’. O palestrante já ministrou mais de 1 mil palestras no Brasil, Uruguai, Portugal e Estados Unidos e é o 1º lugar no Google como ‘Palestrante em Excelência no Atendimento’ e ‘Palestrante de Motivação’.

Leia mais:  Prefeitura e Câmara realizam Audiência Pública para apresentação de metas fiscais do 1º quadrimestre

Comentários Facebook
publicidade

DIAMANTINO

Prefeitura e Câmara realizam Audiência Pública para apresentação de metas fiscais do 1º quadrimestre

Publicado

A Prefeitura Municipal de Diamantino e a Câmara municipal realizará, no dia 26 de maio, Audiência Pública para avaliação do cumprimento das metas fiscais do primeiro quadrimestre do exercício de 2022 conforme informações apuradas no RRRO – Relatório Resumido da Execução Orçamentária e no RGF- Relatório de Gestão Fiscal. O demonstrativo é apresentado em cumprimento à Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

A audiência será realizada às 16h, no Plenário da Câmara Municipal e haverá transmissão ao vivo na página do facebook  e Youtube.  Os resumos também poderão ser acessados, após a audiência, no Portal da Transparência, no site oficial da Prefeitura.

Na ocasião, serão apresentados os relatórios contábeis e financeiros que facilitam o acompanhamento das ações da administração pública referentes ao primeiro quadrimestre do ano. Enquanto o RRRO traz a movimentação orçamentária dos poderes Executivo e Legislativo, o RGF demonstra despesas empenhadas e liquidadas.

Comentários Facebook
Leia mais:  Com apoio da prefeitura, agricultora de Diamantino é protagonista na produção de hortaliças
Continue lendo

DIAMANTINO

Com apoio da prefeitura, agricultora de Diamantino é protagonista na produção de hortaliças

Publicado

Mulher forte e destemida é a agricultora familiar Maria Aparecida Pires, conhecida como Cida, na comunidade Caeté, distante cerca de 25 quilômetros de Diamantino. Ela é proprietária do Sítio Primavera, lote 56, onde vive há mais de 23 anos. Na propriedade, Cida, o esposo e o filho plantam e tiram o sustento do lar com toda assistência da Secretaria Municipal de Agricultura.

Como toda mulher rural, a Cida acumula as tarefas domésticas e do campo, mas é do cultivo de hortaliças que ela mais se orgulha da rotina diária de trabalho. “A gente vive daqui, é de onde a gente tira o sustento da família, paga conta, come e bebe”, contou.

Na propriedade da Cida se produz de tudo: batata, mandioca, pepino, pimentão, banana, abobrinha, pimenta de cheiro, berinjela, tomate, quiabo, tomate, mas o sonho dela e da família é ampliar a produção com cultivo de peixe e outros produtos que já deram certo. “Espero produzir muito, muito mais, investir principalmente em irrigação nesse momento da seca”.

Para ajudar nesse processo, um tanque de peixes já está sendo aberto pela Secretaria Municipal de Agricultura e logo estará disponível para o novo empreendimento rural familiar. “A gente recebe todo apoio da prefeitura, da secretaria, do secretário. A gente procura e eles sempre conseguem um trator, semente, calcário, apoio do agrônomo, o que precisar eles estão à disposição da gente”, relatou.

A assistência que a Secretaria proporciona aos trabalhadores rurais gera reconhecimento. “Esse apoio é essencial, porque se não tiver o apoio deles só a gente não dá conta de comprar tudo isso. Antes a gente não tinha esse atendimento, as estradas nossas eram muito ruins, hoje a gente tem o atendimento, tem como entregar as verduras. Que continue assim, ajudando não só eu, mas todas as comunidades. A agricultura familiar é tudo”, declarou.

Leia mais:  Secretaria de Agricultura busca solução para abastecimento de água na comunidade do Teixeira

O secretário Edson da Silva (Giripoca) acompanhou as ações realizadas no Sítio Primavera, onde conferiu no local as demandas necessárias. “Esse acompanhamento é contínuo, nós estamos buscando diminuir as solicitações que chegam e levando soluções o mais rápido possível. Essas famílias precisam de todo o apoio desde a semente, tratamento do solo, assistência técnica, abertura de tanques e outras ações que estamos intensificando na secretaria”, explicou.

Solidariedade

Além do protagonismo no campo, Cida também ajuda a colocar alimento em outras mesas de quem precisa por meio de doações. Os legumes e verduras não comercializados são entregues no CRAS-Centro de Referência de Assistência Social do município.   “Não tenho coragem de jogar nada fora, porque quando eu não tinha nada, tinha que comprar. Conversei com meu marido pra gente poder doar e quero continuar doando enquanto a gente tem bastante”, finalizou.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana