conecte-se conosco


POLICIAL

Polícia Civil prende homem por agredir a companheira e por fazer uso de documento falso

Publicado

A Polícia Civil de Sorriso (420 km ao norte de Cuiabá), por meio do Núcleo de Violência Doméstica e Crimes Sexuais, prendeu em flagrante nesta quarta-feira (04.05), um homem por lesão corporal e ameaça no âmbito da Lei Maria da Penha.

O suspeito de 38 anos também foi autuado pelos crimes de uso de documento falso e falsidade ideológica.

As diligências iniciaram logo após a vítima de 26 anos comparecer na Delegacia de Polícia para registrar a ocorrência. Ela contou que foi agredida fisicamente pelo companheiro, com tapa na cara e puxão de cabelo, e ainda foi ameaçada de morte.

Ao procurar a Polícia Civil a vítima manifestou o interesse de representar criminalmente pelas ameaças sofridas, bem como requereu as medidas protetivas estabelecidas na lei de crimes de violência doméstica e familiar.

Conforme a mulher, o suspeito é bastante ciumento ao ponto de não deixar ela ter amizade com ninguém, e não gosta que a companheira frequente academia de ginástica. Ao ser ouvida, a vítima contou que sempre é agredida pelo companheiro e está cansada de sofrer.

Ato contínuo os policiais civis realizaram buscas e localizaram o suspeito que é natural do Estado da Bahia. Durante a abordagem, ele não apresentou nenhum documento de identificação impresso, apenas mostrou pelo celular a foto de uma carteira nacional de habilitação (CNH) em seu nome.

No entanto, foi solicitado apoio à Polícia Civil baiana para confirmar a verdadeira identidade do suspeito, ocasião em que foi descoberto que os  dados que constavam na suposta CNH pertencia a outro homem.

Questionado, o suspeito assumiu que a CNH com a sua foto possuía dados pessoais falsos, e havia adquirido o documento falso em São Paulo pelo valor de R$ 2,5 mil.

Leia mais:  Homem de 61 anos é preso pela Polícia Civil após abusar sexualmente de enteada de 12 anos

Diante dos fatos, o agressor foi conduzido até a Delegacia de Sorriso, interrogado e autuado em flagrante por lesão corporal e ameaça no âmbito da violência doméstica e familiar, e por uso de documento falso e falsidade ideológica.

Após a confecção dos autos, o preso foi apresentado e colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Polícia Civil cumpre buscas e prende casal de traficantes em garimpo

Publicado

A Polícia Civil, por meio das Delegacias de Apiacás, Paranaíta, Nova Bandeirantes e Nova Monte Verde, deflagraram na manhã de sábado (28.05), a operação “Ouro de tolo”, para cumprimento de mandado de busca e apreensão em um garimpo, tendo como alvo um suspeito apontado como líder do tráfico de drogas na região.

A ação resultou na prisão em flagrante de um casal pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse ilegal de arma de fogo, além da apreensão de porções de entorpecentes, arma, munições, dinheiro e uma motocicleta.

As investigações iniciaram na Delegacia de Apiacás que identificou o envolvimento do casal com o tráfico de drogas, sendo o suspeito um líder do comércio de entorpecentes na região. Durante as diligências, os policiais descobriram que os investigados saíram da cidade e estavam no Garimpo Juruena, localizado a cerca de 200 quilômetros de Nova Bandeirantes.

Diante do apurado, a delegada Paula de Fátima Moreira Barbosa representou pelo mandado de busca e apreensão contra o principal suspeito que foi expedido pela Justiça e cumprido na manhã de sábado.

Durante as buscas no local, os policiais encontraram o casal em posse de drogas, arma e munições.

Diante dos fatos, os dois suspeitos foram conduzidos à delegacia, onde após serem interrogados foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e posse ilegal de arma e munições.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Três envolvidos em homicídio de jovens trabalhadores em Tapurah são localizados pela Polícia Civil
Continue lendo

POLICIAL

Suspeito de encurralar vítimas com faca dentro de loja tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicado

O autor de uma tentativa de homicídio ocorrida dentro de uma casa comercial em Nova Canaã do Norte teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, diante da representação feita na Delegacia do município. O suspeito foi preso em flagrante no dia 18 de maio após correr atrás das vítimas em posse de uma faca em uma loja de produtos agropecuários.

O caso ficou conhecido nacionalmente, após as imagens do atentado correrem todo o Brasil. O inquérito policial foi concluído com o indiciamento do suspeito por tentativa de homicídio, sendo a prisão preventiva decretada pela Justiça de Nova Canaã do Norte.

No dia dos fatos, o suspeito estava na loja conversando, momento em que teve um surto, começando a gritar e pegando uma faca que estava dentro do balcão. Em posse da arma, ele correu atrás de uma das vítimas, e posteriormente retornou para dentro loja, e ameaçou os funcionários do local com a faca.

As vítimas estavam encurraladas, quando o proprietário da loja pegou uma arma de fogo e efetuou um disparo para cima, conseguindo sanar a ação do suspeito.Com o disparo, o suspeito cessou as ameaças, e colocou a faca em cima de um freezer, pediu desculpa e saiu da loja, em seu veículo em alta velocidade.

Após os fatos, o suspeito foi detido pela equipe da Polícia Militar e encaminhado para o hospital municipal de Nova Canaã do Norte, para atendimento médico. Posteriormente, o foi conduzido a Delegacia, onde após ser interrogado, foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio,

Após o flagrante, o suspeito foi encaminhado para audiência de custódia, tendo o delegado representado pela conversão da prisão em flagrante para prisão preventiva.

O suspeito já é conhecido na região por ter problemas psicológicos e as imagens do atentado viralizaram nacionalmente.

Leia mais:  Foragido da Justiça de Barra do Garças tem prisão cumprida em Primavera do Leste
Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana