conecte-se conosco


ESPORTES

Artilheiros da temporada decidem e Leão vence Tombense na Ilha

Publicado

Atuação sólida e mais três pontos para o Leão na Série B! Jogando na noite desta sexta-feira, na Ilha do Retiro, pela 6ª rodada da competição, o Sport venceu a Tombense por 2 a 0, com gols de Búfalo Parraguez e Luciano Juba. Artilheiro e vice-artilheiro do time na temporada, respectivamente. Os três pontos fizeram o Maior do Nordeste chegar aos 11 e assumir a vice-liderança, com o complemento da rodada ainda por acontecer.

O início de jogo já mostrava o que seria a postura rubro-negra diante de mais de 10 mil torcedores na nossa casa. Com bastante volume, chances e muitas alternâncias no ataque. Tanta foi a pressão inicial, que o goleiro adversário levou cartão amarelo por cera ainda aos 20 minutos da primeira etapa. Por preciosismo e falta maior capricho no terço final, o jogo foi para o intervalo empatado e sem gols, que pareciam bem maduros.

Acionado pelo técnico Gilmar Dal Pozzo, Búfalo Parraguez voltou ao time depois de dois jogos lesionado e foi figura decisiva. Colocou ainda mais poder de ataque e decretou a abertura do placar após escanteio batido, desvio de Rafael Thyere e golpe na bola dentro da pequena área. Feito um camisa 9! Enfim o gol saiu e a tranquilidade tomou conta para a equipe leonina trabalhar a bola com mais calma.

Sem abaixar o ímpeto, o Leão continuou atacando e o segundo tento aconteceu 16 minutos mais tarde. Luciano Juba, em nova finalização precisa de fora da área. O camisa 46 girou o corpo em domínio orientado e belo gesto. Para concluir, emendou com a já reconhecida canhota. O goleiro ainda se esticou e tocou na bola, mas ela só parou quando estufou as redes. 2 a 0 para o Sport e três importantes pontos assegurados na tabela.

Leia mais:  Coritiba venceu a equipe do América pelo placar de 1 a 0

Calendário – Próximo jogo do Sport será em data especial. Dia 13 de maio, sexta-feira que vem, contra a Chapecoense, fora de casa.

Sport 2×0 Tombense – Maílson; Ewerthon, Rafael Thyere, Sabino, Lucas Hernández (Chico); William Oliveira (Ronaldo), Bruno Matias, Everton Felipe (Giovanni); Jáderson (Ray Vanegas), Luciano Juba e Kayke (Búfalo Parraguez).

Gols: Ambos no segundo tempo. Búfalo Parraguez, aos 13 e Luciano Juba, aos 29.

Público e renda: 10.067 pessoas, para uma renda de R$ 157.085,00.

fonte: https://sportrecife.com.br/futebol/artilheiros-na-temporada-decidem-e-leao-vence-a-tombense-na-ilha/

Comentários Facebook
publicidade

ESPORTES

CSA-AL sai na frente, mas Náutico busca o empate nos Aflitos

Publicado

Tudo igual no confronto entre Náutico e CSA-AL pelo Brasileirão SportingBet Série B. Pela oitava rodada, Timbu e Azulão ficaram no 1 a 1, nesta quinta-feira (19). Giva Santos marcou para os alagoanos e Victor Ferraz fez para os pernambucanos em jogo disputado nos Aflitos, no Recife.

Com o ponto somado por cada um, o Náutico chegou aos oito e está em 13º lugar. Já o CSA-AL conquistou também a mesma pontuação, mas está em 16º pelos critérios de desempate da Série B.

+Confira a tabela do Brasileirão SportingBet Série B!

O jogo

O Azulão foi quem controlou as jogadas ofensivas no início, mesmo atuando fora de casa. Logo aos três minutos, Gabriel arrancou, bateu forte e Lucas Perri espalmou. Já aos 24, Lucas Marques cobrou escanteio, a bola encontrou Gabriel na segunda trave, que levantou na medida, ela ficou com Giva Santos, que fuzilou e abriu o placar no Recife.

Com o placar adverso, o Timbu buscou o ataque. Aos 32, Marcelo Carné fez uma bela defesa em finalização de Rhaldney. Enquanto aos 38, Jean Carlos recuperou a posse, tirou o goleiro e chutou, no entanto Lucão salvou em cima da linha. Já aos 42, Carné interveio mais uma vez em lance de Bryan.

No segundo tempo, mesmo com a vantagem no placar, o CSA manteve sua ofensividade. Aos quatro minutos, Didira serviu Rodrigo Rodrigues de calcanhar, ele bateu no ângulo e Lucas Perri foi buscar. Já aos 22, o arqueiro do Timbu fez uma linda defesa em pancada de Felipe Augusto.

O Azulão seguiu com as melhores chances, porém, foi o Náutico quem conseguiu ir às redes: quando o relógio marcou 39 minutos, Leandro Carvalho cobrou escanteio, Victor Ferraz apareceu na primeira trave, testou firme para o fundo do gol e deu números finais ao confronto.

Leia mais:  Com Wesley, Verdão inicia preparação para enfrentar o Emelec no Allianz Parque

fonte: https://www.cbf.com.br/futebol-brasileiro/competicoes/campeonato-brasileiro-serie-b/2022/73

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Continue lendo

ESPORTES

Vasco empata sem gols com o Guarani na Arena da Amazônia

Publicado

Na noite desta quinta-feira (19/05), em partida válida pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, o Vasco da Gama mediu forças com o Guarani na Arena da Amazônia, em Manaus. Mesmo apoiado por sua apaixonada torcida, que compareceu em grande número ao maior palco do futebol amazonense, o Gigante da Colina não conseguiu alcançar o terceiro triunfo consecutivo no torneio nacional e empatou sem gols com o Bugre.

Apesar da não conquista do resultado positivo, o Almirante ampliou sua série invicta (já são oito partidas sem derrota) e assumiu a terceira colocação com 14 pontos, dois a menos que o Cruzeiro, que lidera o Campeonato Brasileiro com 16 pontos. O próximo compromisso vascaíno será na próxima quinta-feira (26/05), às 19 horas, diante do Brusque (SC), em São Januário. Mais de 11 mil ingressos já foram emitidos para o confronto.

Foto: Daniel Ramalho/Vasco.com.br

O JOGO

O duelo de duas equipes de muita tradição no futebol brasileiro começou bastante equilibrado, com muita disputa no meio-campo e sem chances de gol para ambos os lados. A primeira grande oportunidade da partida foi do Guarani, aos 16 minutos, com Júlio César. O atacante arriscou da intermediária e obrigou Thiago Rodrigues a fazer uma grande intervenção. O arqueiro cruzmaltino voltou a trabalhar no minuto seguinte, dessa vez após arremate de Diogo Mateus. O jogo seguiu sem fortes emoções e só voltou a esquentar na metade final do primeiro tempo. Aos 34 minutos, Gabriel Pec cruzou, Figueiredo tocou para áera e Andrey Santos finalizou para fora.

A investida cruzmaltina serviu para acordar o Bugre, que criou as principais chances da etapa final. Aos 38, Bruno José recebeu de Giovanni Augusto e chutou com perigo. Na sequência, após cobrança de escanteio, Giovanni Augusto apareceu outra vez, dessa vez para acertar a trave. No rebote, Ernando cabeceou e Thiago Rodrigues fez um milagre, evitando o gol do Guarani.

Foto: Daniel Ramalho/Vasco.com.br

Na volta para o segundo tempo, Zé Ricardo promoveu a entrada de Matheus Barbosa no lugar de Juninho. Antes mesmo do cronômetro chegar aos cinco minutos, o Vasco chegou duas vezes, com Figueiredo e Raniel. As finalizações, entretanto, não conseguiram vencer o goleiro Kozlinski. A equipe de São Januário seguiu pressionado, especialmente com Gabriel Dias, nas bolas paradas, e Gabriel Pec, porém não obteve sucesso. O mesmo vale para o Guarani, que assustou em algumas oportunidades, com Lucão do Break, mas também não conseguiu tirar o zero do placar.

fonte: https://vasco.com.br/vasco-empata-sem-gols-com-o-guarani-na-arena-da-amazonia/

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana