conecte-se conosco


MATO GROSSO

Governo de MT lança novas linhas de crédito para o trade de turismo e capital de giro

Publicado

A Desenvolve MT, instituição financeira do Governo de Mato Grosso, está retomando a oferta de linhas de crédito para capital de giro e crédito específico ao trade de turismo.

O capital de giro é para qualquer tipo de empresa que precisa potencializar o fluxo de caixa, comprar mercadorias e aproveitar oportunidades de negócios. E para o turismo é para o empreendedor que precisa de capital de giro e investimento fixo.

A iniciativa é direcionar todos os esforços para as empresas no processo de retomada da atividade econômica pós-pandemia, e também acelerar a retomada da atividade econômica e manter um bom ambiente de negócios, capaz de gerar empregos e melhorar a renda dos mato-grossenses.

‘’Um dos setores que mais recebeu apoio na pandemia do Governo foi o turismo, e o segmento vem se recuperando. O crédito vem para alavancar as empresas já estabelecidas, a meta da agência é ampliar o valor em concessão de crédito neste ano”, explica o presidente da Desenvolve MT, Jair Marques.

Até abril deste ano, já foram liberados mais de R$ 3,8 milhões em crédito aos empreendedores. Em 2021, a Desenvolve MT liberou R$ 21,1 milhões em crédito para diversos setores como serviços, turismo, bares e restaurantes e outros.

Atualmente a agência mantém uma carteira de crédito de aproximadamente R$ 54.862.278,00 de recursos, com 2.206 clientes ativos em circulação em 92 municípios.

Vale ressaltar, que além das novas linhas, a agência possui em seu portfólio outros quatros programas de crédito destinado para diversos segmentos da economia.

Desenvolve Capital de Giro

Recurso rápido para a empresa, no valor de até R$ 100 mil, com prazo total de até 36 parcelas para quitação, sendo até seis meses de carência. A taxa de juros de 2% ao mês, com 30% de bônus de adimplência para pagamento em dia na fase de amortização.

Leia mais:  Prefeito de Campo Novo: "Esse governo olha para o desenvolvimento e não esquece do social"

Para o microempreendedor individual (MEI) o capital de giro pode ser de até R$ 20 mil. A empresa precisa ter um ano de histórico de faturamento e estar sediada em Mato Grosso.

Desenvolve Turismo

Dentro da categoria do turismo, são quatro modalidades ofertadas para investimentos ao microempreendedor individual, micro e pequena empresa. 

As empresas precisam ter histórico mínimo um ano de faturamento, estar sediada no Estado de Mato Grosso e possuir o cadastro de prestadores de serviços turísticos (Cadastur), do Ministério do Turismo. Veja abaixo o que pode ser financiado para o setor de turismo.  

Obra Civil – A iniciativa oferece uma linha de crédito no valor de até R$ 1milhão, com prazo total de 72 meses para quitação, e carência de 24 meses. Taxa de juros de 1,20% ao mês, com bônus de 30% para pagamento em dia na fase de amortização. O foco do crédito é para a empresa que pretende financiar infraestrutura física, como implantação, ampliação e modernização e reforma e outros.

Máquinas e Equipamentos – Crédito destinado a financiar máquinas e equipamentos nacionais novos. Com valor de até R$ 500 mil, prazo total de 60 meses para quitação, com carência de 12 meses. Taxa de juros de 1% ao mês, com bônus de adimplência de 30% para pagamento em dia.

Transporte – Crédito destinado a financiar até 80% do veículo utilizado exclusivamente para empresas que atuam em atividades econômicas relacionadas ao turismo.

O valor da linha de crédito é de até R$ 500 mil. Taxa de juros de 1,20% ao mês, sendo 30% para pagamento em dia na fase de amortização. Prazo total de até 60 meses e carência de três meses.

Leia mais:  Sorteio mensal do Nota MT beneficia 149 instituições de 50 municípios

Capital de Giro – A linha de crédito destinado a capital de giro, o valor vai até R$ 100 mil. Com prazo de 48 meses, e carência de até seis meses com taxa de juros de 2% ao mês, e 30% para pagamento em dia na fase de amortização. Para o microempreendedor individual (MEI) o capital de giro pode ser de até R$ 20 mil. 

A solicitação do crédito é feita toda online através do site.

Mais informações (65) 3613-7900.

Fonte: link

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Escola de Governo oferta curso sobre planejamento orçamentário

Publicado

A Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), por meio da Secretaria Adjunta da Escola de Governo, oferta em parceria com a Secretaria Adjunta do Orçamento Estadual da Secretaria de Fazenda (Sefaz) o curso “Planejamento Orçamentário – teoria e prática com enfoque na legislação de Mato Grosso”. Ao todo, 120 vagas foram disponibilizadas.

A qualificação ocorrerá entre os dias 23 e 27 de maio, no auditório da Controladoria Geral do Estado (CGE/MT), das 8h às 12h, e possui carga horária de 20 horas. Interessados têm até sexta-feira (20) para se inscrever. Inscreva-se AQUI.

O curso objetiva capacitar servidores do Poder Executivo estadual para a elaboração e utilização eficiente do orçamento público como instrumento de planejamento e controle da gestão pública.

Mais informações podem ser obtidas com a Escola de Governo pelo telefone (65) 3613-3611.

Supervisão de texto de Nayara Takahara.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Governo investe R$ 105,8 milhões: "esses recursos impactam diretamente na vida da população", afirma prefeito
Continue lendo

MATO GROSSO

Sefaz apresenta para a sociedade diretrizes orçamentárias de 2023

Publicado

A Secretaria de Fazenda (Sefaz) realiza, na próxima sexta-feira (20.05), uma audiência pública onde será debatido o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) do próximo ano. Para possibilitar maior participação da sociedade o evento será online, transmitido pelo canal da Sefaz no YouTube (Sefaz Mato Grosso), a partir das 09h.

Durante a audiência pública será aberto um espaço para debate sobre a estruturação do PLDO 2023. Os interessados em sugerir inclusões no projeto, fazer perguntas ou sanar dúvidas poderão se inscrever por meio de um formulário que será disponibilizado no início da audiência pública, na descrição do vídeo no Youtube.

Durante a audiência, será apresentada a estrutura do PLDO 2023, as metas fiscais, bem como as prioridades governamentais para o próximo exercício financeiro. O objetivo é manter a transparência no processo de elaboração da peça orçamentário e possibilitar que o cidadão e os representantes da sociedade civil organizada contribuam com o projeto.

Com as contribuições colhidas na audiência pública, a Sefaz vai finalizar a elaboração do PLDO 2023 e encaminhar à Assembleia Legislativa. Já na Casa de Leis o projeto passará por novas audiências públicas e pela apreciação dos deputados estaduais.

Além de determinar as metas e as prioridades para o ano seguinte, a Lei de Diretrizes Orçamentárias também orienta a elaboração da Lei Orçamentária Anual (LOA), que estima as receitas e fixa as despesas da administração pública estadual. A LDO é elaborada anualmente com base em dispositivos da Constituição Federal e da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

Serviço

Audiência Pública sobre o Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO 2023)

Data: sexta-feira (20.05), a partir das 9h

Como participar: transmissão online pelo canal da Sefaz no Youtube – https://www.youtube.com/c/SefazMatoGrosso_MT

Leia mais:  Forças de Segurança de MT e Goiás apreendem 25 quilos de cocaína na divisa entre os dois Estados
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana