conecte-se conosco


ENTRETENIMENTO

Livro aborda saúde mental da população negra e racismo no Brasil

Publicado


source
Lucas Veiga e o livro
Francisco Costa

Lucas Veiga e o livro “Clínica do Impossível”

A luta contra o preconceito, em especial o de raça, é arduamente combatida por pessoas que entendem o retrocesso vivido por séculos. Elas buscam, incessantemente, restaurar a igualdade entre negros e brancos e permitir que a barbárie iniciada em outros tempos tenha fim o mais breve possível. Mas será que realmente o fim dessa barbárie está próximo? Quem levanta essa dúvida em seu novo livro é Lucas Veiga, idealizador da plataforma descolonizando.com , que lança “Clínica do Impossível: Linhas de Fuga e de Cura” (Editora Telha).

A obra contempla assuntos ligados às artes, filosofia, política e outras mais, em que o autor conecta esses temas com a fuga dos negros, necessária para a sobrevivência deles em meio à sociedade que os combatia tal qual um exército busca exterminar seu oponente. Essa fuga, palavra central da obra, é destrinchada e explicada como a única forma de libertação e conservação da memória negra na sociedade.

A obra evidencia a mancha deixada na história da humanidade, desde épocas coloniais, e que ainda persiste em diversos comportamentos racistas, sejam em palavras que já deveriam estar em desuso como ‘criado mudo’ ou no olhar de medo direcionado a pessoas negras em situação de vulnerabilidade.

Entretanto, ainda é possível notar a luta pela sobrevivência negra em setores como a literatura, os esportes, as artes e na vida política. E são essas as fugas que o autor nos ensina, para que possamos abrir novos caminhos para outras realidades.

“Clínica do Impossível” traz a batalha contra a máquina mortífera do racismo, que não descansa e faz com que o negro precise fazer o impossível, a cada dia, em busca de um horizonte menos caótico e amedrontador. O paradoxo é este: o impossível do fim imediato do racismo e a improvável desistência dos negros pela manutenção de seus direitos e liberdades.

Leia mais:  Emily Ratajkowski quase abandonou a carreira: 'Me sentia um fracasso'

Para sugestões de pauta e outros assuntos: [email protected]

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
publicidade

ENTRETENIMENTO

Anitta se revolta com casos de transfobia no ‘BBB 22’

Publicado


source
Anitta diz achar que nome de autora da mensagem deveria ser exposto
Reprodução/Instagram

Anitta diz achar que nome de autora da mensagem deveria ser exposto

Anitta usou o Twitter para expressar indignação com os ataques transfóbicos que a cantora Linn da quebrada vem sofrendo desde que entrou na casa do “Big Brother Brasil”.

Neste sábado a polêmica girou em torno de um  torpedo que perguntava para a cantora se ela estaria “solteiro”, usando o pronome masculino.

Anitta disse em tweet que acha que a produção do programa deveria expor o nome de quem escreveu a mensagem homofóbica. “Eu acho que o bbb deveria expor quem foi que mandou esse torpedo escr*to pra Linn. Transfobia homofobia é crime, c*. Mano, tem um ELA escrito na testa da mina e ainda ficam de p*taria… revoltante”, escreveu a funkeira.


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Leia mais:  Luísa Sonza sensualiza e demonstra maestria no 'Chá da Sonza'
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

Viih Tube responde fã sobre namorar de novo: “quanto eu tiver certeza”

Publicado


source
Viih Tube abriu sessão de perguntas para os fãs
Reprodução/Instagram

Viih Tube abriu sessão de perguntas para os fãs

Em uma série de perguntas e respostas com os seguidores, Viih Tube respondeu aos fãs se toparia voltar ao BBB novamente e se tem planos para voltar a namorar.

Quando um seguidor perguntou de ela voltaria para a casa do reality novamente esse ano, a ex-BBB foi direta: “ÓBVIO!”, começou; “Voltaria sem nem pensar, tô nem aí, que saudades”.

Outro seguidor a perguntou sobre a vida amorosa, já que a influencer está solteira desde que terminou com Bruno Magri. Respondendo a pergunta, Vihh Tube afirmou estar curtindo a vida de solteiro, mas que sente falta de ter alguém para dividir memórias.

“Claro! Eu amo minha vida de solteira, inclusive pela primeira vez tô curtindo de verdade, mas eu sempre amei namorar também, mimar quem você ama, criar memória com alguém, mas só vou namorar de novo quando eu achar alguém que eu tiver certeza que é a pessoa”, disse a ex-BBB.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Leia mais:  Anitta se revolta com casos de transfobia no 'BBB 22'
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana