conecte-se conosco


CUIABÁ

Limpurb fecha o ano de 2021 com média mensal de 608 procedimentos de poda e corte de árvores

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

A Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbanos (Limpurb) encerrou o ano de 2021 com uma média mensal de 608 procedimentos poda ou corte de árvores, somando as atuações das quatro equipes disponíveis para essas atividades. O número é considerado extremamente positivo pelo órgão vinculado à Prefeitura de Cuiabá, principalmente ao levar em consideração o contexto pandêmico ainda existente nos dias atuais.

“Em 2022, continuaremos aplicando mesma disposição para atender a população. Desde o início da pandemia da Covid-19, nosso setor não parou. Por isso, em nome do prefeito Emanuel Pinheiro, do vice José Roberto Stopa, do diretor-presidente da Limpurb, Vanderlúcio Rodigues, e do adjunto Anderson Matos, agradeço o empenho de todos os nossos servidores”, comenta o coordenador técnico de limpeza urbana, Valmir Molina.

De acordo com a Limpub, o serviço está dividido em quatro etapas, sendo elas: o recebimento da solicitação, a vistoria, a obtenção da autorização para execução do procedimento (no caso de corte), a operação e, por fim, o descarte correto do material. Segundo Molina, para que todas essas fases sejam cumpridas com eficácia, os servidores participam, periodicamente, de cursos de capacitação.

Ainda conforme ele, todos os trabalhos prestados nessa área são norteados pelas diretrizes contidas na Lei Complementar 004/92 e também no Decreto nº 5.144/2012. “São atividades que precisam ter todo cuidado e qualificação para realizar, pois contribuem para o desenvolvimento saudável da árvore, garantindo um crescimento harmonioso com a cidade e seguro para o cidadão”, explica o diretor-presidente da Limpurb, Vanderlúcio Rodrigues.

O coordenador relata ainda que Cuiabá possui muitas árvores com estrutura condenada e, em alguns casos, espécie inadequadas ao local onde foram plantadas. Nessas situações, o corte é o procedimento mais adequado é o de remoção da árvore. Tanto para a poda e corte, em espaços e vias públicas, a população pode solicitar os serviços por meio dos telefones (65) 3645-5500 ou (65) 3645-5511.

Leia mais:  Morre padre Celso, o ícone desenvolmentista da Região Oeste; Pinheiro lamenta

“As árvores trazem grandes benefícios para o cidadão, mas precisam receber esses cuidados. Por isso, executamos a remoção de galhos podres e enfermos, redução de copa. São priorizadas as árvores condenadas ou que representam risco de causar danos humanos ou materiais. Quando há interferência na rede elétrica, a concessionária de energia deve ser acionada e, em casos de urgência, o Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil”, finaliza Molina.

Comentários Facebook
publicidade

CUIABÁ

Morre padre Celso, o ícone desenvolmentista da Região Oeste; Pinheiro lamenta

Publicado


“Conheci padre Celso quando tinha meus 17, 18 anos em Brasília onde trabalhava com Jonas Pinheiro. Nos tornamos amigos de imediato. Fiquei extremamente consternado ao saber do seu falecimento. Rogo a Deus que amigos e familiares possam lembrar de suas belas palavras e ter a certeza de que Deus preparou um lugar merecido ao nosso querido monsenhor Celso”, lamenta o prefeito Emanuel Pinheiro.

O monsenhor Ermínio Celso Duca, conhecido como padre Celso, da Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Fátima do município de Araputanga (345km de Cuiabá), faleceu aos 93 anos. Padre Celso nasceu em Talamona, ao Norte da Itália, mas já morava em Mato Grosso desde 1975.

Ermínio Celso Duca contribuiu com o desenvolvimento do município de Araputanga. Ele foi diretor de emissora de rádio e presidente de cooperativa dentre outros trabalhos sociais de grande importância para o município e região.

“Não tenho dúvidas de que Araputanga vai parar amanhã para prestar as últimas homenagens a esse grande homem de Deus”, finaliza Pinheiro.

O corpo do religioso está sendo velado desde as 22h desta quinta-feira na Igreja Matriz e a celebração da missa de honra fúnebres será realizada nesta sexta-feira (21) a partir das 16h, após o sepultamento.

A prefeitura de Araputanga decretou feriado municipal nesta sexta-feira e luto por três dias.

Comentários Facebook
Leia mais:  Morre padre Celso, o ícone desenvolmentista da Região Oeste; Pinheiro lamenta
Continue lendo

CUIABÁ

Prefeito lamenta a morte de servidor da Educação, Sinval Nepomuceno da Silva

Publicado


Assessoria

Clique para ampliar

Sinval Nepomuceno da Silva faleceu na última quarta-feira (19), às 17 horas, vítima de câncer. O servidor da Secretaria Municipal de Educação, estava internado desde o dia 16 de janeiro na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Pascoal Ramos. Divorciado, deixa três filhos e três netas.

Técnico em Manutenção e Infraestrutura (TMIE), na função de Vigilante, Sinval trabalhou e sede da Secretaria Municipal de Educação e atualmente estava lotado na Creche Dona Micaela.

Servidor público municipal há 21 anos, tomou posse em março de 2000. Seu sobrinho e afilhado Jonair da Silva, lembra com carinho do ‘Cacique”, como costumava chamá-lo. “Meu tio estava sempre disposto a lutar e estudar as causas indígenas, falava como ninguém a língua Pareci, conhecia todas ervas e remédios naturais. Amava futebol, e sabia todas as técnicas elétricas. Sou grato por ele ter feito parte da minha missão enquanto ser-humano, e também dos alicerces com que me educou”, disse Jonair.

O prefeito Emanuel Pinheiro lamentou o falecimento do servidor. “Quero externar minha solidariedade aos filhos, netos e familiares. Deus conforte os corações de todos”, lamentou o prefeito Emanuel Pinheiro. 

O corpo de Sinval foi cremado, nesta quinta-feira (20) às 12 horas, em Cuiabá.

Comentários Facebook
Leia mais:  UBS do Residencial Ilza Terezinha Picolli Pagot atende em horário reduzido até terça (25)
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana