conecte-se conosco


MATO GROSSO

Sema-MT capacita profissionais sobre gestão ambiental para municípios

Publicado


Participantes do curso de Descentralização da Gestão Ambiental da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) avaliam que além de um conteúdo atualizado, a capacitação possibilitou uma interação e troca de experiências entre municípios e Estado. O encerramento das aulas aconteceu na tarde desta sexta-feira (12.11), no auditório da Assembleia Legislativa, em Cuiabá.

Conforme a superintendente de Gestão da Desconcentração e Descentralização (SGDD), Helen Farias Ferreira, a audiência deste curso foi grande. Além de cerca de 100 pessoas participando de modo presencial, as aulas online estão com mais de 700 acessos em cada vídeo. 

“Percebemos que o aproveitamento do curso foi muito bom, o nosso retorno foi muito positivo. Agradecemos a todos os participantes pelo apoio, colaboração e comparecimento. Não se faz nada sozinho, somos uma equipe, e por isso também agradeço todos da Sema que se empenharam na realização deste evento”. 

Ela conta que nos seus mais de 20 anos de Sema, sempre houve um sonho de que a gestão ambiental pudesse ser descentralizada, e compartilhada com os municípios, e esse curso possibilita que isso se torne realidade. 

A gerente de Unidades de Conservação da prefeitura de Cuiabá,  Zilda Helena da Silva, ressalta que o curso foi além do conteúdo, possibilitou às pessoas sanar dúvidas e a troca de experiências entre os participantes.  

“É essencial que todos estejam falando uma linguagem só. Além de um curso, é o momento dos municípios conversarem sobre a legislação, e sobre como proceder de uma forma universal para todos”, conta. 

A engenheira sanitarista da prefeitura de Água Boa, Áurea Soares de Campos, avalia que a atualização dos profissionais é muito importante para bons resultados. Ela atua há quase 20 anos na área de análise de projetos.  

Leia mais:  Comandante-geral da PMMT é homenageado com medalha Mérito da Força Nacional

“Esse curso é de extrema importância porque toda vez que há mudança na legislação é importante trazer as pessoas para que elas possam de fato entender o processo e atingir o verdadeiro objetivo que é o nivelamento dos técnicos. Isso aconteceu muito bem, o curso foi excelente, com profissionais super experientes da Sema que sempre nos atenderam muito bem. Só tenho a agradecer ao Estado por ter nos oportunizado essa capacitação. 

No último dia do curso os alunos presenciais participaram de uma aula de campo em um empreendimento da Capital, para acompanhar como é feita uma vistoria pela Sema-MT.

O curso é realizado pela Superintendência de Gestão da Desconcentração e Descentralização (SGDD), com apoio da Superintendência de Educação Ambiental e Atendimento ao Cidadão (SUEAC).

As aulas aconteceram de 8 a 12 de novembro, na modalidade presencial e online, para profissionais que fazem parte do quadro de servidores das Prefeituras Municipais e, nesta edição, profissionais autônomos.

Conteúdo do Curso

A capacitação trouxe aulas expositivas sobre a estrutura organizacional da secretaria municipal, articulação institucional, licenciamento ambiental de atividades de indústria (LAC e LAS), de infraestrutura, de mineração, de serviços e atividades agropecuárias.

Também faz parte do conteúdo informações sobre o Cadastro Ambiental Rural (CAR), outorga de recursos hídricos, educação ambiental, resíduos sólidos, Unidades de Conservação, legislação ambiental, aula prática de licenciamento e Georreferenciamento das ações descentralizadas.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Curta-metragem “Olhos da Alma” estreia no Cine Floresta nesta quarta-feira (1º)

Publicado


Estreia, nesta quarta-feira (1º.12), o curta-metragem “Olhos da Alma”. O projeto foi selecionado no edital MT Nascentes, da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT). O filme será exibido no Cine Floresta, a partir das 18h, e o ingresso será gratuito.

O curta, produzido e filmado em Alta Floresta, conta a história de Maria, uma jovem adulta marcada pelas tristes memórias de violência sofridas na infância. É uma história de perdão e resiliência.

Grande parte do elenco e da equipe é de Alta Floresta. A proponente do projeto, Renata Crizanto, ressalta a qualidade da produção audiovisual de Mato Grosso. “Eu acompanho muita coisa boa que é produzida aqui, inclusive os festivais de cinema do estado. Fazer parte desta história é uma grande oportunidade para fortalecer ainda mais o cinema mato-grossense. Trabalhar com tantos profissionais excelentes no que fazem é maravilhoso”, diz Renata, que também assina a produção executiva.

Para a roteirista e diretora Maria Andreia Santos ver seu filme finalizado e pronto para ser exibido nas telas do cinema é uma vitória. “Eu comecei a escrever este roteiro em 2016, mas durante vários anos ele ficou guardado. Graças ao fomento para o setor da cultura foi possível concretizar este sonho. O tema do filme é muito sensível, porém necessário. E o cinema nos possibilitou levantar questionamentos sobre o mesmo assunto em diferentes níveis, de forma cuidadosa e reflexiva”.

Os bastidores do curta-metragem podem ser vistos nas redes sociais do projeto no Instagram e Facebook. Em uma parceria com a Comissão de Gênero do IFMT Campus Alta Floresta, uma live foi realizada para ajudar a identificar e acolher crianças abusadas e também para garantir o acesso à informação e difusão dos métodos mais assertivos de acolhimento e responsabilização dos agressores. O conteúdo pode ser acessado aqui.

Leia mais:  Curta-metragem "Olhos da Alma" estreia no Cine Floresta nesta quarta-feira (1º)

Serviço

Estreia do curta-metragem “Olhos da Alma”

Quando: 1º de dezembro de 2021 (quarta-feira), às 18h

Local: Cine Floresta, localizado na Av. Ariosto da Riva, 2519 – Centro, Alta Floresta-MT

Recomendação: chegar com 1h de antecedência para retirar o ingresso

*Com informações da assessoria

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MATO GROSSO

Sine Estadual disponibiliza mais de 2,7 mil vagas de emprego nesta semana

Publicado


O Sistema Nacional de Emprego (Sine), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), divulga nesta semana 2.740 vagas de emprego disponíveis. As oportunidades estão espalhadas em diversas áreas nos 32 postos do Sine instalados em 29 municípios no Estado de Mato Grosso.

Em Cuiabá e Várzea Grande, para o público em geral, são 242 oportunidades de emprego para as áreas de: instalador de película solar (insulfilm), funileiro de veículos (reparação), coordenador de mídia, manicure, professor de matemática do ensino fundamental, representante comercial autônomo, técnico em segurança do trabalho e veterinário.  

Já para as Pessoas com Deficiência (PCDs) estão disponíveis 15 vagas, dentre elas: agente de portaria, ajudante de carga e descarga de mercadoria, ajudante de obras, assistente de vendas, auxiliar administrativo, auxiliar de limpeza, auxiliar de logística, consultor de vendas, pedreiro e técnico em segurança do trabalho. 

No município de Primavera do Leste (a 240 km da capital) são 417 oportunidades disponíveis nas áreas de borracheiro, estoquista, ajudante de carga e descarga de mercadoria, auxiliar de instalação (equipamentos de rádio), trabalhador agrícola polivalente, instalador hidráulico e vendedor de comércio varejista. Para carpinteiro e pedreiro são 100 vagas para cada área. 

Em Sinop (a 477km da capital) estão disponibilizadas 297 vagas, como: assistente administrativo, motorista entregador, churrasqueiro, bobinador-eletricista, Instalador de aparelhos telefônicos, operador de caixa, babá e motorista de ônibus urbano. 

Para Sapezal (a 560 km da capital) são 255 oportunidades nas áreas de operador de pá carregadeira, adestrador de animais, auxiliar de linha de produção, vigia, ajudante de serviço de aplicação de produtos agroquímicos, soldador eletricista de manutenção em geral. Somente para operador de máquina agrícola e ajudante de motorista são 67 e 57 vagas, respectivamente. 

Leia mais:  Transformação Digital no serviço público é tema de Webinar

Já em Nova Mutum (a 259 km da capital) foram disponibilizadas 160 vagas, como: frentista, promotor de vendas, auxiliar administrativo, técnico em meio ambiente, segurança e saúde, armazenista, classificador de grãos e lavador de veículos.

Os municípios de Lucas do Rio Verde, Alto Araguaia, Sorriso, Rondonópolis e Canarana somam 773 vagas. 

Segundo Simone Koehler, coordenadora do Sine MT, é importante frisar que as vagas ofertadas pela Rede Sine são diárias e que a todo momento novas vagas são cadastradas, de acordo que as mesmas vão sendo preenchidas. 

“Se o trabalhador fez uma verificação de oportunidade, e naquele momento não tinha uma vaga disponível, de acordo com o seu perfil profissional, que ele não desanime e continue buscando as vagas do Sine”, finaliza. 

Os trabalhadores podem fazer a verificação de vagas diariamente, utilizando o portal www.empregabrasil.mte.gov.br ou pelo aplicativo de celular Sine Fácil Trabalhador.

Atendimento

Além do trabalho de intermediação de mão de obra, o Sine realiza serviço de habilitação do seguro desemprego, atendimento orientado sobre a utilização da Carteira de Trabalho Digital e Previdência Social. É preciso verificar na unidade a disponibilidade das vagas, que são ofertadas diariamente.

Os interessados podem comparecer aos postos de atendimento, portando documentos pessoais e comprovante de residência, facilitando os trâmites do atendimento. Procure os postos mais próximos de sua residência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana