conecte-se conosco


MATO GROSSO

Polícia Militar prende quadrilha fortemente armada e frustra plano de roubo em Poconé

Publicado


A Polícia Militar prendeu, neste domingo (21.11), em Cuiabá, uma quadrilha fortemente armada que planejava roubo à cidade de Poconé. Nove pessoas foram presas com uma submetralhadora, uma espingarda semiautomática e um carro roubado. 

Um dos suspeitos contou aos policiais que havia recebido ordens de uma facção criminosa para levar o carro, armas e parte dos suspeitos para a realização de roubo em Poconé.

A polícia chegou aos suspeitos durante patrulhamento tático pela Avenida General Mello, quando avistaram dois homens e uma mulher saindo de uma residência, no bairro Poção. Os suspeitos perceberam a presença da viatura da PM e um deles foi visto arremessando algum objeto ao solo. O trio foi abordado pelos policiais. 

Durante a ação, a equipe policial avistou mais pessoas suspeitas em alguns cômodos no imóvel, eles tentaram fugir, mas foram capturados pela polícia. Na checagem aos dados dos suspeitos, os policiais identificaram um homem que estava foragido da justiça com três mandados de prisão em aberto por crimes de roubo no Estado de Sergipe.  

Na casa, a PM encontrou uma tornozeleira eletrônica rompida, os policiais descobriram que o objeto arremessado no chão por uma das pessoas se tratava da chave de um carro da marca Honda roubado, o veículo estava estacionado do outro lado da avenida. Ainda na residência, os policiais apreenderam duas armas de fogo longas, sendo uma espingarda semiautomática da marca Gauge calibre 12 carregada com oito munições intactas e uma submetralhadora da marca Lanchester calibre 9 mm. Sete homens e duas mulheres receberam voz de prisão.   

Os policiais constataram que o carro Honda havia sido roubado no último dia 14, no bairro Jardim Aquários, na Capital. De acordo com o boletim de ocorrência, os três suspeitos renderam a vítima que deixava uma residência levando o veículo. A PM localizou o proprietário do carro e fez a restituição do automóvel à vítima.  As nove pessoas foram conduzidas à Delegacia. A ocorrência foi entregue para a Polícia Judiciária Civil.  

Leia mais:  Seminário vai debater a valorização da produção literária e dos autores mato-grossenses

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Seminário vai debater a valorização da produção literária e dos autores mato-grossenses

Publicado


Ocorre nesta quarta-feira (1º.12), às 19h, o seminário “Caminhos e desafios para a valorização dos autores mato-grossenses”. O evento será online, com transmissão pelo canal Instituto Saberes no YouTube. A proposta do seminário é debater políticas públicas que valorizem e fortaleçam a produção literária mato-grossense e seus autores. O evento é um dos projetos contemplados no edital Movimentar, da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

Durante o evento será apresentado um panorama das produções mato-grossenses e exemplos de municípios que implementaram políticas de fomento à produção, leitura, e aquisição de obras. Além disso, o Instituto Saberes apresentará uma minuta de projeto de lei para criação da Feira Literária Mato-grossense (FLIM) e a Política Estadual de Valorização dos Autores Mato-grossenses, que serão colocados sob consulta pública e posteriormente protocolados na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT).

O seminário pretende envolver gestores públicos, profissionais que atuam em bibliotecas, profissionais da educação e mediadores de leitura, na valorização dos autores e das obras mato-grossenses, bem como a inclusão dessas obras no currículo escolar.

O evento contará com a participação do secretário de estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), Beto Dois a Um, e do secretário-adjunto de Cultura (Secel-MT), Jan Moura. Também participam os escritores Eduardo Mahon, Marta Cocco e Luciene Carvalho, a professora Dra. Vanilda Reis, e a presidente do Instituto Saberes, Vanilda Reis.

Serviço

Seminário “Caminhos e desafios para a valorização dos autores mato-grossenses”

Quando: 1º de dezembro de 2021 (quarta-feira), às 19h

Link para a transmissão: https://www.youtube.com/watch?v=f3-ZWuF55k0

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil empossa mais 17 delegados; após formados, irão integrar unidades do interior
Continue lendo

MATO GROSSO

Polícia Civil abre investigação para apurar crime de maus-tratos e lesão contra bebê de 10 meses

Publicado


A Polícia Civil em Paranatinga abriu investigação para apurar o crime de maus-tratos seguido de lesão corporal grave contra uma bebê de apenas 10 meses de idade, que deu entrada no Hospital Regional de Rondonópolis, no último sábado (27.11), com diversas fraturas pelo corpo.

A mãe da criança, de 25 anos, foi detida em flagrante após o hospital acionar o Conselho Tutelar, que comunicou a Polícia Militar. Os militares conduziram a mulher à 1ª Delegacia de Rondonopópolis, onde ela foi atuada em flagrante por lesão corporal qualificada.

A criança deu entrada na unidade hospitalar em Rondonópolis depois de ser encaminhada pelo Hospital de Paranatinga. As lesões apresentadas não condiziam com o que a mãe havia informado, de que a bebê havia caído de um triciclo. A menina estava com ferimentos em várias partes do corpo, inclusive com sinais antigos das lesões. A equipe do hospital então acionou o Conselho Tutelar, que posteriormente chamou a polícia.

Um tio da criança ficou responsável por ela no hospital de Rondonópolis, enquanto a mãe foi conduzida à delegacia.

Paranatinga

Nesta segunda-feira, em diligências para localizar o padrasto e suspeito também das agressões contra a criança, os policiais chegaram até a residência do casal, na Vila Concórdia, em Paranatinga. No local, os investigadores encontraram uma pessoa que tem diversas passagens por tráfico de drogas, além do dono da casa. Em buscas no imóvel, foram apreendidas porções de entorpecentes, como maconha, cocaína e pasta base de cocaína.

Os dois suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Polícia e autuados em flagrante por tráfico. Em relação ao crime de maus tratos, o suspeito de 24 anos será investigado pelo delito contra a criança. 

Leia mais:  Segunda-feira (29): Mato Grosso registra 552.613 casos e 13.999 óbitos por Covid-19

O delegado Hugo Abdon explica que a apuração sobre o crime de maus tratos seguido de lesão corporal segue pela Delegacia de Paranatinga e vai reunir os laudos médicos sobre o estado da criança, além da declaração dos Conselhos Tutelares de Paranatinga e de Rondonópolis, entre outras diligências necessárias.

O Poder Judiciário em Rondonópolis converteu a prisão em flagrante da mãe em prisão preventiva e ela segue detida na unidade prisional feminina do município.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana