conecte-se conosco


MATO GROSSO

Polícia Civil recebe 2 mil cestas básicas para distribuir a famílias em situação de vulnerabilidade social

Publicado


A Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Coordenadoria de Polícia Comunitária, recebeu 2 mil kits com alimentos básicos e produtos de higiene e limpeza, do programa “Vem ser Mais Solidário” coordenado pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc).

A retirada das cestas básicas ocorreu na manhã desta quarta-feira (24.11), na Arena Pantanal, em Cuiabá, e faz parte do lançamento da campanha institucional “Natal Solidário PJC 2021”, promovida em parceria com a Diretoria do Interior. 

Os alimentos não perecíveis serão entregues pela Polícia Civil a famílias em situação de vulnerabilidade social dos 141 municípios de Mato Grosso, proporcionando assim um natal mais feliz e fraterno.

Cada cesta é composta por arroz, feijão, óleo, macarrão, café, açúcar, sal, sardinha, farinha de trigo, extrato de tomate, além de kit de limpeza e de higiene pessoal, com sabonete, água sanitária, detergente líquido e sabão em barra.

Foram entregues 140 kits para cada uma das treze Delegacias Regionais do interior: Água Boa, Alta Floresta, Barra do Garças, Cáceres, Guarantã do Norte, Juína, Nova Mutum, Pontes e Lacerda, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sinop, Sorriso e Tangará da Serra.

Os kits das Delegacias Regionais de Cuiabá e Várzea Grande serão distribuídos pela equipe da Coordenadoria de Polícia Comunitária na região metropolitana, durante a ação simultânea que ocorrerá no dia 17 de dezembro.

Além das cestas repassadas pela Unidade de Ações Sociais e Atenção a Família (UNAF), as Delegacias Regionais também estão promovendo nas respectivas unidades arrecadações de alimentos, roupas e brinquedos que contribuirão com a campanha “Natal Solidário PJC 2021”.

Conforme o coordenador de Polícia Comunitária, Jefferson Dias Chaves, este ano a Polícia Civil fará a campanha de natal de forma integrada, trabalhando com um único objetivo de atender o maior número possível de famílias. 

Leia mais:  Coral Mato Grosso lança disco remix e documentário inspirados em linguajar cuiabano

“É uma forma de unirmos mais uma vez para uma missão tão nobre, que é levar um pouco de alento para as famílias que não tem sequer o que comer. É fundamental essa parceria com a Setasc que nos dá esse incentivo, para que cada regional retorne para sua unidade, e aumente mais ainda essa colaboração para nossa campanha solidária”, finalizou o delegado.

A assessora da primeira-dama, professora Julieta Domingues, falou sobre a importância da adesão da Polícia Civil ao trabalho social coordenado por Virgínia Mendes, que tem como princípio fazer com que nenhuma família sinta a dor da fome.

“Esta é a segunda etapa dessa parceria que somente fortalece e estreita os laços com a Polícia Civil. Há alguns meses já houve a primeira entrega de alimentos, e agora é segundo momento de grande porte, onde estão sendo encaminhadas para os treze polos, 2 mil kits destinados às famílias mais vulneráveis, e que precisam do olhar e da força da mão do estado”, destacou a professora.

Julieta agradeceu a Polícia Civil pelo empenho na campanha solidária. “A Polícia Civil é nossa parceira, a qual precisamos do apoio e queremos sempre por perto”. 

Após percorrer mais de 700 quilômetros para chegar na Capital, a investigadora Rayd Wassem Osti, da Regional de Guarantã do Norte, descreveu a satisfação em buscar as cestas básicas e poder levar para as pessoas mais necessitadas de sua região. “Meu sentimento de resume em gratidão. É maravilhoso poder carregar esperança em forma de alimento e principalmente ajudar aqueles que realmente precisam e passam por necessidades”, disse a policial civil.

Parceria

O Governo do Estado, por meio da primeira-dama Virginia Mendes, é a idealizadora da ação social que tem como objetivo amenizar o sofrimento das pessoas em situação de vulnerabilidade, bem como ajudar famílias mato-grossenses que foram fragilizadas e atingidas pela pandemia.

Leia mais:  1º Comando Regional faz planejamento de reforço no policiamento da Capital

A distribuição dos alimentos nos municípios está sob a responsabilidade das Secretarias Municipais de Assistência Social e orientação e monitoramento da Setasc. As famílias beneficiadas são cadastradas no Cadastro Único dos Programas Sociais.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Governo vai investir R$ 12,5 milhões na manutenção das rodovias da Região Oeste

Publicado


Durante viagem a região Oeste, o governador Mauro Mendes e o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, assinaram o contrato para realização de serviços de conservação corretiva e preventiva na malha rodoviária da região. Serão investidos R$ 12.509.351,85, em recursos originários do programa Mais MT, para a execução dos serviços durante um prazo de 24 meses.

Os municípios que serão beneficiados são Cáceres, Curvelândia, Lambari D’Oeste, Rio Branco, Salto do Céu, Araputanga, Figueirópolis D’Oeste, Glória d’Oeste, Indiavaí, Jauru, Mirassol D’Oeste, Porto Esperidião, Reserva do Cabaçal, São José dos Quatro Marcos, Conquista D’Oeste, Pontes e Lacerda, Vale de São Domingos e Vila Bela da Santíssima Trindade.

Entre os serviços previstos no contrato estão a recomposição de aterro, remoção de barreira, execução de contenção, reparo de meio fio, limpeza de bueiro, instalação de placas, reparos em pontes, entre outros, em mais de 350 km de rodovias pavimentadas e mais de mil quilômetros de rodovias não pavimentadas.

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT) realizou um pregão eletrônico para contratação de empresas para manutenção e conservação da malha rodoviária de todo o estado. Na última segunda-feira (29.11), foi publicada a homologação do resultado em 7 dos 11 lotes. O valor total a ser investido pela Sinfra-MT em todo o Estado é de R$ 93.539.262,78.

De acordo com o secretário Marcelo de Oliveira, o objetivo da contratação é garantir uma maior durabilidade das rodovias da malha estadual. “As rodovias são essenciais para o transporte de cargas e pessoas e nós precisamos viabilizar alternativas para melhorar a condição das estradas. O Governo tem a obrigação de zelar pelo patrimônio público e é isso que a gestão Mauro Mendes está fazendo”.

Leia mais:  Inscrição para 25 vagas de nível superior da Sema começa nesta segunda-feira (6)

Região Oeste

Nesta sexta-feira (03) o governador Mauro Mendes e sua comitiva percorreram municípios da região oeste. Foram vistoriadas obras de infraestrutura, escolas e anunciados investimentos de R$ 173 milhões.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MATO GROSSO

Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso promove primeira mulher ao posto de coronel

Publicado


A força feminina chegou ao posto mais elevado do militarismo no Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso (CBMMT) com a promoção da primeira mulher à patente de coronel. A militar Luciana Bragança Brandão da Silva, 40 anos, da Regional Bombeiro Militar – V, em Cáceres (a 220 km de Cuiabá), foi promovida na cerimônia de comemoração ao Dia do Patrono, realizada na última quinta-feira (02.12), na Praça das Bandeiras, em Cuiabá. 

“É uma alegria, uma honra, ser agraciada pelo governador Mauro Mendes, no posto de coronel. Neste momento, meu sentimento é de reconhecimento por todo trabalho ao longo desses quase 21 anos de dedicação no intenso trabalho na corporação. Além disso, a felicidade redobra ao ser a primeira mulher, coronel bombeiro militar do Estado de Mato Grosso”, declarou a primeira coronel do CBMMT.

Com a promoção, ela passa a integrar o primeiro escalão, equipe com outros 14 coronéis, liderada pelo comandante-geral do CBMMT, Alessandro Borges Ferreira, com mesmo nível de força na participação, tomada de decisão e construção do modelo de ação da corporação dos bombeiros em nível estadual.

“Essa promoção é exclusivamente por mérito, são oficiais de excelente qualidade, na missão de comando, por isso está ocupando espaço.  Eu tenho certeza que futuramente teremos outras mulheres coronéis no Corpo de Bombeiros”, enalteceu o comandante-geral.

A nova coronel concorreu com outros cinco militares, 4 homens e 1 mulher, que almejavam as duas únicas vagas à patente mais alta da corporação, sendo ela aprovada na acirrada seleção. 

A chegada ao posto é resultado de total dedicação às diversas missões técnicas e administrativas, desempenhada ao longo de 20 anos de trabalho na carreira militar. Além do longo processo de diversos estudos técnicos, teórico e prático, conforme detalhado em seu currículo de três páginas, requisito indispensável para justificar a ascensão na carreira.

Leia mais:  Sine Estadual é inaugurado no Brasnorte

A coronel Luciana possui graduação de Gestão em Segurança Pública e Privada, com três especializações dentro da mesma área, uma com foco na Gestão Estratégica. Além disso, um grande leque de formação em mais de 10 cursos de especialização na área militar.

Em 2018, ela também foi responsável pelo comando do 1º Batalhão do CBM, o maior e mais antigo do Estado. Sob seu comando estiveram 183 profissionais, para atuação nos municípios de Cuiabá, Santo Antônio do Leverger, Barão de Melgaço e Chapada dos Guimarães.

O excelente trabalho foi reconhecido com diversas homenagens recebidas ao longo das carreiras, com o recebimento de 10 medalhas de reconhecimento ao mérito e dois títulos; Mulher do Ano e Cidadão Mato-grossesnse, e também Varzeagrandense, em 2021.

No posto de Comandante da Regional da Fronteira Oeste do Estado (de Cáceres a Rondolândia), ela atuou na gestão das ações no combate aos incêndios florestais, principalmente no Pantanal de Cáceres.

A nova coronel foi prestigiada pelo noivo, filha, cunhada e sobrinho presentes na cerimônia, além dos demais membros da corporação e demais autoridades civis que aplaudiram sua conquista da primeira mulher ao posto mais elevado da corporação.

Ainda na mesma solenidade, Dia do Patrono, outras 11 mulheres militares dos bombeiros foram promovidas; uma coronel, uma 1º Tenente, duas sub-tenentes, três a 2º Sargento e quatro a 3º Sargento.

Breve história das mulheres no CBMMT

O ingresso da mulher no quadro do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso teve início no ano de 2001, a partir do primeiro Curso de Formação de Oficiais com vagas para o gênero. Desde então, o número de mulheres vem crescendo dentro da corporação.

Atualmente, o CBMMT possui em seu quadro 1.331 militares, sendo 88 mulheres. Duas delas ocupam posto liderança. Uma comandante mulher na Unidade do Batalhão de Emergências Ambientais (BEAMT), em Cuiabá. Outra mulher no posto de comando é a coronel Luciana Bragança Brandão da Silva, que comanda a Unidade Regional do CBMMT no munícipio de Cáceres.

Leia mais:  PM forma 13 policiais para condução e adestramento de cães em ações policiais

Dia do Patrono

A cerimônia alusiva ao Dia do Patrono é realizada anualmente pela corporação para homenagear Dom Pedro II, nascido em 02 de dezembro de 1825, regente do Brasil e criador da primeira instituição de combate a incêndios do país.

A solenidade é o maior evento da corporação, marcada por conceder promoções nesta data, sendo que neste ano, outorga de outros 117 membros da corporação foram. Também houve a entrega de uma de uma frota de 17 viaturas – 5 unidades de resgates e 12 caminhões auto tanque, que foram compradas com recurso de R$ 10 milhões do Programa Mais MT.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana