conecte-se conosco


POLÍTICA NACIONAL

Eduardo Leite rebate críticas de Virgílio: “Espero que recobre a consciência”

Publicado


source
Governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB)
Reprodução / CNN Brasil

Governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB)

Nesta terça-feira (23), em coletiva de imprensa, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite , rebateu as críticas feitas pelo ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio. Na ocasião, o político gaúcho disse que Virgílio estava falando “aquilo que o candidato ao lado dele” não desejava falar, em referência ao seu principal rival nas prévias do PSDB, o governador de São Paulo, João Doria.

“Espero que ele recobre a consciência e volte a falar sobre ele e não sobre os outros”, disse Leite, acrescentando não ser inferior por ser mais jovem e que saiu da prefeitura de Pelotas, da qual era gestor, com boa aprovação. Ele também mencionou ter conseguido eleger a sucessora, o que Virgílio não conseguiu em Manaus (AM) quando também foi prefeito.

Após ver a união de Doria e Virgílio — que, inclusive, realizaram uma coletiva juntos mais cedo — Leite disse que a suspensão das prévias do partido serviu para mostrar que seus adversários, na verdade, atuam de forma conjunta .

Oficialmente, os três disputam o posto de representante do PSDB na eleição presidencial. Mas, na prática, os candidatos com chance de vitória são Leite e Doria.

Comentários Facebook
Leia mais:  Bolsonaro grava vídeo pedindo que senadores aceitem Mendonça para o STF; assista
publicidade

POLÍTICA NACIONAL

Bolsonaro grava vídeo pedindo que senadores aceitem Mendonça para o STF; assista

Publicado


source
Bolsonaro e André Mendonça
Reprodução

Bolsonaro e André Mendonça

O presidente Jair Bolsonaro gravou um vídeo nessa segunda-feira desejando ”boa sorte” ao ex-ministro da Justiça André Mendonça, que será sabatinado na próxima quarta-feira para o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal no Congresso . Na gravação, o mandatário disse que terá ”um representante de todos nós dentro do Supremo Tribunal Federal”.

[


“A gente espera, obviamente, que seja aprovado e tenhamos, então, um representante de todos nós dentro do Supremo Tribunal Federal. André, boa sorte. Senhores senadores, espero, de coração, que aprovem o nome dele […] Ao ser aprovado, temos um representante lá a altura dos interesses da nossa nação”, declarou o chefe do Executivo.

Leia Também

Indicado ao STF por Bolsonaro desde julho, Mendonça enfrentou resistência de Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado, para pautar sua sabatina na Casa. Alcolumbre chegou a dizer que estava ”tudo parado” ao ser questionado sobre a indicação do ex-palaciano de Bolsonaro.

Para assumir a cadeira na Corte, Mendonça precisa ser aprovado pela maioria simples no Senado Federal, ou seja, ter o ”sim’ de 41 dos 81 parlamentares. O ex-advogado-geral da União foi indicado para vaga no STF após a aposentadoria do ministro Marco Aurélio Mello.

Leia mais:  Eleições 2022: PT negocia federação partidária com PCdoB e PSB

Comentários Facebook
Continue lendo

POLÍTICA NACIONAL

Alckmin diz que possibilidade para ser vice de Lula ‘caminha’

Publicado


source
 Geraldo Alckmin e Lula
Reprodução

Geraldo Alckmin e Lula

Em reunião na manhã desta segunda-feira (29), o ex-governador Geraldo Alckmin , que está de saída do PSDB , ouviu um apelo de dirigentes de centrais sindicais para que aceite ser vice na chapa encabeçada pelo ex-presidente Lula (PT).

Estavam presentes os comandos da Força Sindical, UGT, Nova Central e CTB. Apenas os representantes da última, que é ligada ao PCdoB, não foram diretos no apelo.

Em resposta, Alckmin disse ter se preparado novamente para concorrer ao governo do estado, mas afirmou que “surgiu a hipótese federal”. Essa hipótese exigirá trabalho, mas, segundo o ex-governador, “caminha”.

“Preparei-me novamente pra ser governador do estado. Surgiu a hipótese federal. Os desafios são grandes. Essa hipótese caminha e eu considero essa reunião com as quatro principais centrais histórica”.

Leia Também

Chamou a atenção dos presentes o fato de Alckmin ter tratado em sua fala da conjuntura internacional e dos caminhos para o Brasil sair da crise. As questões estaduais ficaram de fora.

Outro ponto foi o fato de o ex-governador ter aceitado rapidamente o encontro. O convite havia ocorrido na sexta-feira. Com saída anunciado do PSDB, Alckmin não deu pistas para qual partido migrará.

“Dentro da situação atual, seria muito importante que ele aceitasse (ser vice de Lula). Nós daremos todo o apoio”, afirmou Miguel Torres, presidente da Força.

O ex-governador paulista deve se reunir com sindicatos ligados à alimentação no dia 8 e aos metalúrgicos no dia 16.

Leia mais:  Doria não descarta aliança com Sérgio Moro na eleições presidenciais de 2022

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana