conecte-se conosco


POLICIAL

Autor de feminicídio ocorrido em Ribeirão Cascalheira é preso no interior do Pará

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

O autor do feminicídio que vitimou Nayara Rodrigues Azevedo, ocorrido em março deste ano, na região rural de Ribeirão Cascalheira, no nordeste do esta do, foi preso nesta quinta-feira (18.11), no interior do Pará.

E.C.P.F., de 28 anos, foi preso pela Polícia Civil do município de Eldorado dos Carajás, após troca de informações entre a Delegacia de Ribeirão Cascalheira e policiais civis do estado vizinho.

Depois de diversas diligências, a equipe de investigação de Ribeirão Cascalheira conseguiu descobrir o paradeiro do autor do feminicídio, que estava com a prisão decretada pela Justiça de Mato Grosso. As informações foram repassadas aos policiais civis paraenses, que cumpriram o mandado na tarde de hoje.

O corpo de Nayara, de 23 anos, foi encontrado no dia 29 de março deste ano, em uma residência de um assentamento na zona rural de Ribeirão Cascalheira. A vítima foi alvejada com disparos de arma de fogo e golpes e o estado do corpo indicava que ela havia sido morta há pelo menos três dias.

Conforme o boletim de ocorrência inicialmente registrado, a mãe do suspeito do crime acionou a Polícia Militar e disse que há três dias não via o filho e a nora, ambos moradores de Querência. Na manhã do dia 29 de março, a mulher foi até a residência que o casal utilizava para passar finais de semana a lazer e fica próxima à casa dela, e disse que sentiu mau cheiro no local. Segundo ela, seguiu até casa e notou que a chave estava na porta e, ao entrar, sentiu um cheiro forte e acionou a polícia.

Dentro da casa, os policiais miilitares encontraram marcas de sangue no piso da cozinha. No quarto, em cima da cama, estavam duas armas e no chão, o corpo da vítima já em estado de decomposição.

Leia mais:  Três suspeitos de tráfico e porte ilegal de arma de fogo são presos em Pontes e Lacerda

A equipe da Polícia Civil foi acionada e iniciou a apuração do crime. De acordo com o delegado Sérgio Luís Henrique, inicialmente, a mãe do suspeito se mostrou desesperada e declarou à Polícia Civil que o filho podia ter sido sequestrado. Na semana seguinte ao crime, a mulher mudou a informação dada anteriormente aos policiais civis e disse que o filho tinha ido ao estado de Goiás para comprar gado.

Diante das informações coletadas que apontavam para a autoria do crime, o delegado representou pela prisão do suspeito, que foi deferida pelo juízo da comarca local. No decorrer da investigação, os investigadores obtiveram mais informações que indicaram o suspeito como o autor do feminicídio.

Posteriormente, o autor do crime será recambiado a Mato Grosso. 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Polícia Civil recupera dinheiro de vítima de golpe na compra de veículo pela internet

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Lucas do Rio Verde (354 km ao norte de Cuiabá), em parceria com a Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Informáticos (DRCI), recuperou R$ 30 mil subtraídos de uma vítima que negociava a compra de um veículo.

A ocorrência de estelionato por meio eletrônico foi registrada no dia 04 de outubro, após o comunicante procurar a Polícia Civil, informando que a vítima de 34 anos estava negociando a compra de uma camionete Chevrolet S10.

Conforme narrativa, a pedido da vítima o comunicante foi até Lucas do Rio Verde para ver o objeto da negociação (camionete), e depois de comprada levaria o veículo até a cidade de Novo Progresso, no Estado do Pará. 

Diante do pedido da vítima que é amiga do comunicante, este foi até Lucas do Rio Verde onde olhou a S10 e verificou que estava tudo certo.

Então a vítima fez a transferência do valor total do veículo acordado com o suspeito, para uma conta bancária em nome de uma mulher. Porém somente após a transferência, o comunicante e a vítima descobriram que se tratava de um golpe.

Após os fatos a DRCI foi acionada para dar apoio nas investigações e, com base nas informações passadas pelo comunicante e vítima, foi possível recuperar parte do valor subtraído, com o bloqueio de R$ 30 mil transferidos para a conta da suspeita.

As investigações seguem em andamento para identificar os envolvidos no crime.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Foragido por integrar organização criminosa é preso em Campo Novo do Parecis
Continue lendo

POLICIAL

Autor de roubo à residência tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

O autor de um roubo à residência praticado em Nova Xavantina (645 km a leste de Cuiabá), foi preso pela Polícia Civil, na tarde de segunda-feira (29.11), durante ação para cumprimento de mandado de prisão.

Com vários antecedentes criminais, o suspeito de 26 anos, teve a prisão preventiva decretada pelo juízo da Comarca local, após investigação da Delegacia de Nova Xavantina para apurar a ocorrência de crime contra o patrimônio.

O roubo ocorreu no mês de outubro, no bairro Tonetto. A vítima estava na porta da casa quando foi abordada pelo jovem, o qual alegou que estava no local para realizar um serviço a pedido do esposo da vítima. Logo que adentrou no quintal do imóvel, o suspeito armado anunciou o assalto.

Após acionamento a equipe passou a diligenciar para esclarecer o crime, e de posse das características físicas do autor repassadas pela vítima, foi possível identificá-lo.

Conforme o delegado de Nova Xavantina, Raphael Diniz Garcia, o investigado possui diversas passagens pelos crimes de roubo, furto, tentativa de homicídio e tráfico de drogas.

Diante dos indícios de autoria, a Polícia Civil representou pela prisão preventiva em desfavor do suspeito, prontamente deferido pela Justiça. Com o mandado judicial os policiais civis localizaram o procurado, que foi conduzido até a Delegacia de Polícia e interrogado acerca dos fatos.

Após as providências cabíveis o preso foi apresentando para audiência de custódia e posteriormente encaminhado ao Presídio Major Zuzi Alves da Silva, em Água Boa, ficando à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Investigado por homicídio ocorrido no início do mês, em Juína, é preso pela Polícia Civil
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana