conecte-se conosco


POLICIAL

Ação conjunta apreende defensivo de comercialização proibida no Brasil

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Vinte e nove sacos de defensivos agrícolas transportados ilegalmente foram apreendidos e três homens presos, após ação conjunta da Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal, nesta sexta-feira (19.11), em Nova Xavantina (645 km a leste de Cuiabá).

O trabalho integrado foi realizado pelos policiais civis da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Delegacia Regional de Água Boa, da Delegacia de Nova Xavantina, com apoio os policiais rodoviários federais.

Os suspeitos de 41, 53 e 59 anos foram autuados em flagrante por contrabando ou descaminho, crime ambiental e de armazenamento irregular de defensivos agrícolas. Dois veículos, Fiat Uno e Voyage, utilizados para transportar os produtos também foram apreendidos.

As diligências iniciaram após denúncia anônima de transporte e comércio ilegal de defensivos agrícolas, em dois carros circulando na região de Nova Xavantina. 

Durante apuração das informações, as equipes visualizaram quando o carro Fiat Uno, com as mesmas características, estacionou em uma casa no bairro Cohab Henry 2. Logo em seguida, chegou no local o veículo Voyage com dois ocupantes.

Após conferirem o porta-malas do Fiat Uno, um dos suspeitos saiu conduzindo o automóvel que estava carregado com os defensivos agrícolas. Enquanto os outros sairam no Voyage. 

Foi feito o acompanhamento dos carros e realizada a abordagem do Uno e no porta-malas localizados 30 sacos de dez quilos cada, e no rótulo descrito  fertilizante do tipo sulfato de manganês monoidratado. Já na abordagem ao segundo carro, Voyage, nada de ilícito foi encontrado. 

No entanto, após análise visual preliminar, constatou-se que os produtos dentro dos sacos apresentavam estrutura granular de cor âmbar, o que diverge das características do produto sulfato de manganês monoidratado, indicando se tratar do produto benzoato.

Leia mais:  Polícia Civil cumpre mandado de prisão contra homem por descumprimento de medidas protetivas

Diante dos fatos, os três envolvidos foram encaminhados até a Delegacia de Nova Xavantina, para esclarecimentos.

Ao serem ouvidos pelo delegado Raphael Diniz Garcia, o condutor do Uno contou que os defensivos são de propriedade de um dos comparsas, bem como desconhecia o conteúdo e foi chamado somente para fazer o transporte.

Ainda segundo relatos, a carga de defensivo agrícola foi retirada de uma empresa transportadora, na manhã desta sexta-feira (19). Então eles colocaram os sacos no Fiat Uno.

Junto com os suspeitos os policiais localizaram uma agenda contendo anotações sobre os 29 sacos de sulfato de manganês e benzoato, indicando o conhecimento acerca dos produtos apreendidos e contradizendo a versão apresentada. 

Após serem interrogados os conduzidos foram autuados em flagrante delito. Os 29 sacos de defensivos agrícolas foram apreendidos e serão periciados.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Policiais civis da Defron participam de curso de tiro em Cáceres

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Policiais civis da Delegacia Especial de Fronteira (Defron), participaram do curso de aperfeiçoamento de tiro realizado na sexta-feira (03.12), no Clube de Tiro Pantaneiro no município de Cáceres (225 km a oeste de Cuiabá).

A capacitação direcionada para atividades práticas, contemplou exercícios de disparos com diversos tipos de armas de fogo, em diferentes distâncias, e com técnicas avançadas para aferição de equipamento.

 A instrução foi ministrada pelo Segundo Sargento do Exército Brasileiro, Arlébio de Oliveira Alcântara; pelo 3º SGT PM Eliseu Campos da Costa; pelo 3º SGT PM Maurizon Gomes dos Santos e pelo TEN CEL PM Dulcezio Barros Oliveira. 

Conforme a delegada da Defron, Juda Maali Pinheiro Marcondes, o curso foi extremamente salutar para o aprimoramento necessário dos servidores da delegacia, os quais atuam diuturnamente nesta faixa fronteiriça enfrentando inúmeras adversidades.

“Razão pela qual se torna importante e necessária a participação recorrente dos policiais civis em cursos dessa natureza”, destacou a delegada de polícia. 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil e PRF apreendem 74 quilos de cloridrato de cocaína camuflados em motor de veículo
Continue lendo

POLICIAL

Padrasto investigado por estupro de vulnerável tem prisão cumprida pela Polícia Civil

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um padrasto acusado de estupro de vulnerável no município de Peixoto de Azevedo (691 km ao norte de Cuiabá), foi preso pela Polícia Civil, na sexta-feira (03.12), em rápida ação para cumprimento de mandado de prisão.

O suspeito de 44 anos teve a ordem de prisão temporária decretada pelo juízo da 2º Vara da Comarca local, após investigação da Delegacia de Peixoto de Azevedo para apurar o crime.

A ocorrência foi registrada na quinta-feira (02), quando a genitora da vítima de 12 anos procurou a Polícia Civil. Conforme narrativa, a menina que possui autismo contou com detalhes para sua mãe, os abusos que vinha sofrendo por parte do padrasto.  

Diante da gravidade dos fatos, imediatamente a Polícia Civil representou pela prisão do investigado que foi deferida pelo Poder Judiciário. Com o mandado judicial, os policiais civis efetuaram a prisão do padrasto.

O suspeito foi conduzido à Delegacia de Peixoto de Azevedo, interrogado e em seguida apresentado e colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil e PRF apreendem 74 quilos de cloridrato de cocaína camuflados em motor de veículo
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana