conecte-se conosco


CUIABÁ

Prefeitura de Cuiabá reforça necessidade de imunização dos profissionais da educação e solicita reconsideração de medida judicial

Publicado


Jorge Pinho

Clique para ampliar

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, informou na manhã de hoje (8), que via Procuradoria Geral do Município (PGM), solicitará reconsideração de medida judicial à juíza Gleide Bispo dos Santos que determinou  o retorno das atividades escolares da rede municipal no formato presencial, atendendo a um pedido do Ministério Público do Estado de Mato Grosso.  O gestor defende ainda a realização de uma audiência de conciliação para que o tema seja discutido.

“Não fomos ainda notificados oficialmente, mas informo que não se trata de descumprir uma medida, mas sim, da solicitação de reconsideração e análise do pedido de audiência”, explicou o prefeito.

Desde 2020, em razão da pandemia causada pelo Coronavírus, os mais de 54 mil alunos da rede pública municipal permanecem estudando, mas de forma remota. 

Pinheiro reforçou que as atividades presenciais estão previstas para o dia 4 de outubro, após a vacinação de 100% dos profissionais da Educação, respeitado inclusive o prazo de 15 dias após a segunda dose.

“Ficamos mais de um ano e meio com as escolas fechadas, e falta só um mês para retornarmos, seguindo nosso calendário, às aulas presenciais. Quero uma segurança maior para os alunos e profissionais da educação”, ponderou o gestor. 

O prefeito cita que muitas escolas da rede estadual tiveram de fechar as portas devido a ocorrências de casos nessas unidades de ensino. “Temos um exemplo do que não deu certo, com o retorno das atividades muitas escolas estaduais já tiveram que encerrar as atividades por causa de registros de casos da Covid. Em Cuiabá,  são 167 unidades de ensino, 54 mil alunos, sete mil trabalhadores diretos e temos ainda os indiretos que, diariamente estarão as unidades escolares, sob risco de contraírem o vírus”, comentou.

Leia mais:  Prefeitura projeta plano de mobilidade que irá preparar Cuiabá para os próximos 10 anos; população participa por meio de pesquisa

Ele lembra que recentemente estudos apresentados nos Informes Epidemiológicos sobre o coronavírus em Cuiabá, apontaram desaceleração na transmissão do vírus.  Nas semanas epidemiológicas (SE) 31 e 32 (1º a 14 de agosto), o risco de transmissão ficou em torno de 1,0 e nas SE 33 e 34 o risco de transmissão ficou em 0,92. Isso significa que, cada 100 indivíduos contaminados podem transmitir a doença para 92 pessoas, o que representa uma desaceleração da propagação da doença na capital. “Estamos no caminho correto. São menos de trinta dias. Devemos agir com segurança”. 

O prefeito pede para que as pessoas não façam comparações entre  bares/restaurantes com as instituições de ensino. “Crianças se juntam, brincam, se abraçam. Já nos bares, são adultos,  e cada um responde pelos seus atos. Além disso, temos medidas restritivas para esses estabelecimentos que devem ser rigorosamente cumpridas, com diminuição da capacidade de pessoas no local e as pessoas não vão para restaurantes e bares todos os dias. E Cuiabá é a prova de que estamos no caminho certo com a redução nos casos da Covid”, comentou Emanuel.  

As atividades presenciais na rede pública municipal de ensino de Cuiabá foram suspensas em março de 2020. Desde então, as atividades pedagógicas estão sendo desenvolvida de forma remota, com a utilização de estratégias de ensino a distância (EAD), disponibilizada aos estudantes por meio físico e também em diferentes plataformas como o @portaldaescolacuiabana, no canal do Youtube. Além disso, a Secretaria Municipal de Educação intensificou ações e programas voltados a alfabetização (ProAc) e a Melhoria da Proficiência (PROMP), entre outros.  

 

Comentários Facebook
publicidade

CUIABÁ

Prefeitura disponibiliza caminhões-pipas para apoio em operação no Pantanal durante o fim de semana

Publicado


Assessoria

Clique para ampliar

A Prefeitura de Cuiabá irá colaborar em mais uma ação de resgate aos animais silvestres do Pantanal Mato-grossense, que tiveram seu habitat atingido por queimadas. Por meio de uma parceria firmada com a Associação É o Bicho MT, três caminhões-pipas foram disponibilizados para apoio durante a operação que será realizada na região do município de Poconé.

Os veículos, sendo dois da Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbanos (Limpurb) e um da Defesa Civil, saem de Cuiabá às 18h desta sexta-feira (24) e permanecem durante todo fim de semana no local onde ocorre a ação. O trabalho em conjunto com a Associação segue uma determinação do prefeito Emanuel Pinheiro.

“Nossa gestão tem um comprometimento também com as causas animais e não podíamos ficar inertes diante dessa situação que tem causado grande sofrimento aos animais do nosso Pantanal. Estamos dando nossa contribuição e, sempre que necessário, vamos fortalecer esse tipo de parceria”, comenta o prefeito Emanuel Pinheiro.

A união com a É o Bicho tem resultado em diversas ações que visam combater queimadas irregulares, que afetam diretamente os animais silvestres. No último fim de semana, por exemplo, foi realizada na Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251) uma blitz educativa para conscientização contra incêndios.

A Associação É o Bicho MT é uma das instituições que tem ajudado a amenizar o sofrimento causado pelas queimadas aos animais silvestres da região de Poconé. Contando com o apoio da Prefeitura de Cuiabá, ela tem buscado arrecadar frutas que possam servir de alimento para os bichos que vivem em áreas atingidas pelo fogo.

Esse é o segundo ano que acontece essa campanha, sendo que, em 2020, foram mais de 300 toneladas de frutas arrecadadas e 580 mil litros de água. A Associação conta com diversos voluntários e que todos aqueles que querem fazer parte do grupo ou ajudar com doações podem entrar em contato pelo perfil do Instagram @eobichomt.

Leia mais:  Dia do Agente de Trânsito e Transporte: uma profissão que salva vidas

Comentários Facebook
Continue lendo

CUIABÁ

Blitz da Semana da Pessoa com Deficiência chama atenção dos motoristas sobre inclusão social

Publicado


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

“No trânsito todos somos iguais – Deficientes ou não!”.  A mensagem  de conscientização foi ratificada pela Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência durante blitz informativa realizada na quinta-feira (23), nas proximidades da Praça Luiz Albuquerque, no bairro Porto, em Cuiabá.

A ação de sensibilização integra a programação da 1ª Semana Municipal da Pessoa com Deficiência coordenada pela Secretaria Adjunta da Pessoa com Deficiência da Prefeitura de Cuiabá.

“Sabemos que a informação e o conhecimento da população quantos aos direitos e deveres da pessoa com deficiência já foram amplamente divulgados por meio de inúmeras ações ao longo dos anos. No entanto, esse é um tema que precisa ser cada vez mais massificado, principalmente no trânsito. Infelizmente, muitos consideram os deficientes como empecilhos que atrapalham a mobilidade”, declarou o secretário-adjunto da Pessoa com Deficiência, Rubens da Silva (Rubinho da Guia).

Com ajuda de uma faixa, os servidores da Assistência Social não mediram esforços para ampliar a divulgação sobre o tema. “Ficamos cada vez mais gratos em participar de ações de mobilização iguais a essa, pois sabemos que de pouquinho em pouquinho, mais sementes são plantadas e essas pessoas com limitações passam cada vez mais sendo respeitadas”, disse a coordenadora da Secretaria Adjunta da Pessoa com Deficiência, Rosenildes Phomann.

Quem também não escondeu a satisfação de colaborar com a divulgação, é a assistente social, Joyce Santos. “Fazer parte da pasta social do município faz com que há cada dia nos tornamos pessoas melhores”, afirmou.

“Mantemos uma semana bem produtiva. Especialistas no assunto relacionados a segurança dos direitos desse público, estão contribuindo para o nosso fortalecimento. Mais uma vez,  obrigada pela gestão Emanuel Pinheiro que realmente se preocupa com a inclusão social de todos”, finalizou o secretário.

Leia mais:  Blitz da Semana da Pessoa com Deficiência chama atenção dos motoristas sobre inclusão social

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana