conecte-se conosco


MATO GROSSO

Mato Grosso divulga suas potencialidades na 45ª Expocruz

Publicado


Mato Grosso estará presente na 45ª Feira Internacional de Santa Cruz de La Sierra (Expocruz), que ocorre de 17 a 26 de setembro deste ano, no pavilhão oficial do Brasil, na cidade boliviana. O governador do Estado, Mauro Mendes, participará da abertura do evento.

No estande mato-grossense serão divulgadas as potencialidades econômicas e turísticas de Mato Grosso. Além de prospectados novos investimentos e negócios do Estado e intensificado o intercâmbio comercial e cultural com os países que compõem a América do Sul.

No espaço, os participantes da feira vão conhecer mais de perto as ações empreendidas pelas Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec-MT), Secretaria Adjunta de Turismo (Seadtur-MT), Secretaria de Cultura, Esporte Lazer de Mato Grosso (Secel-MT).

A Sedec, por exemplo, apresentará na exposição o programa “Pensando Grande Para os Pequenos”, que tem como objetivo estimular e oportunizar a maior participação dos micros e pequenos negócios na formação do Produto Interno Bruto (PIB), na geração de renda e emprego de Mato Grosso, com efeito prático nas finanças públicas.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda, a participação nesse tipo de evento é importante porque confere oportunidade para ampliar as relações com o comércio externo. “Eventos dessa natureza fazem parte da ação estratégica de internacionalização do governo de Mato Grosso. Essa é uma maneira de efetivar a integração com os países vizinhos para viabilizar políticas sociais, econômicas, culturais e ambientais que promovam o desenvolvimento para todos”, frisa.

Participações

Esta é a sétima participação de Mato Grosso na Expocruz. Em 2020, a exposição foi suspensa devido à pandemia da covid-19. No ano anterior, a feira contou com a presença de 23 países, movimentando cerca de 100 milhões de dólares.

Leia mais:  CGE e Seplag reúnem órgãos para implantação do Sigadoc
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Governo de MT não assinou contrato de compra de vacina com Instituto Butantan, apenas protocolo de intenção

Publicado


O Governo de Mato Grosso esclarece que assinou um protocolo de intenção de compra de vacinas contra a Covid-19 junto ao Instituto Butantan no início de 2021. A gestão estadual avalia se haverá a necessidade de aquisição futura do imunizante, tendo em vista a disponibilização de vacinas em larga escala pelo Plano Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde.

Até o momento, o Governo do Estado não assinou contrato junto ao Instituto Butantan para a compra de mais doses de vacina.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  CGE e Seplag reúnem órgãos para implantação do Sigadoc
Continue lendo

MATO GROSSO

Seduc esclarece comunidade sobre mudanças em escolas do Grande Cristo Rei

Publicado


A secretaria de Estado de Educação esclarece que o redimensionamento da Educação Básica é uma ação de planejamento da rede pública estadual e municipal. É feito com base nas necessidades e particularidades de cada município.

Em Várzea Grande, a Seduc vai ceder o prédio da Escola Heroclito Leôncio Monteiro, no bairro Cristo Rei, para o município de Várzea Grande. O redimensionamento, neste caso, também envolve a Escola Estadual Dom Bosco, localizada na mesma região. Para tirar dúvidas da comunidade escolar e explicar como será essa etapa do redimensionamento, a Seduc realizou uma reunião na unidade nesta terça-feira (21.09).

Hoje, a Escola Heroclito Leôncio Monteiro possui 492 estudantes matriculados, sendo 241 nos anos iniciais do Ensino Fundamental e 251 nos anos finais do Ensino Fundamental.

A Escola Dom Bosco atende 639 alunos, sendo 291 nos anos iniciais do Ensino Fundamental e 348 nos anos finais.

Planejamento para 2022

Recebendo o prédio da Escola Heroclito, a partir de 2022, o planejamento da secretaria municipal de Educação é atender estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental e vai abrir matrículas para crianças de 4 e 5 anos.

Além dos 241 alunos dos anos iniciais que já estão na escola, vai receber os 291 da Escola Dom Bosco.

A Escola Dom Bosco continuará atendendo os 348 estudantes dos anos finais do Ensino Fundamental e receberá os 251 dos anos finais da Heroclito.

Entenda o redimensionamento

O redimensionamento cumpre a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB – 9.394/96), que passou a ser estruturada por etapas e modalidades de ensino, englobando a Educação Infantil, o Ensino Fundamental obrigatório de nove anos e o Ensino Médio.

Trata-se da organização dos alunos que estão na mesma etapa/modalidade em uma única unidade escolar, otimizando, assim, o espaço existente, ampliando o número de vagas, buscando garantir o acesso à educação básica.

Leia mais:  Governo de MT não assinou contrato de compra de vacina com Instituto Butantan, apenas protocolo de intenção

O reordenamento das estruturas físicas de educação inclui a cessão de uso de escolas aos municípios, transferência de alunos para outras unidades e entrega dos prédios alugados pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc). Nos casos da cessão aos municípios, o Governo dará todo suporte, inclusive financeiro, com as reformas necessárias.

Profissionais

O profissional pedagogo pode escolher se permanece na escola que for cedida ao município ou se quer ser atribuído para outra unidade da rede estadual. Vale destacar que o profissional que permanecer na unidade, o Estado fará um termo de cooperação com o município. Esse profissional não terá nenhum prejuízo em sua carreira, continua com o mesmo subsídio e pode participar dos processos seletivos da Seduc.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana