conecte-se conosco


CUIABÁ

Prefeitura pede ajuda para localizar família de jovem acolhida no “Hotel Albergue”

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

A Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência, busca encontrar a família de uma jovem acolhida há pouco mais de uma semana no “Hotel Albergue”.

“Diná”, de 22 anos, como foi  identificada inicialmente, foi encontrada no dia 6 de julho, em situação de risco social, sem portar nenhum tipo de documento. Ela estava em um posto de combustível, localizado às margens da rodovia BR-364, na região do Distrito Industrial.

Reconhecendo que a jovem precisava de ajuda, populares procuraram pelos serviços ofertados pelo Centro de Referência de Assistência Especializado- Creas. Na sequência,  o primeiro atendimento foi prestado e a jovem encaminhada à  unidade de acolhimento.

“O caso da Diná é um tanto complicado pois, ela apresenta sinais nítidos de transtorno mental, não tendo condições de relatar sua trajetória de vida, os dados civis ou sequer o nome dos familiares, muito menos sua cidade de origem. O nosso primeiro passo é tentar contatar a família para conhecer os reais motivos para identificar que tipo de ajuda atenderá a pessoa”, disse a assistente social e responsável pelo acolhimento no “Hotel Albergue”, Marilândia Silva Nunes.

Marilândia conta que foi solicitado apoio à Politec, no entanto sem êxito, pois não foi possível coletar as digitais para identificá-la.

Atualmente, o “Hotel Albergue” abriga 87 pessoas em situação de rua, sendo a maioria das vagas ocupadas por homens. Já nas unidades de acolhimento estão com 112 pessoas abrigadas, sendo 39 no Albergue Manoel Miráglia, 45 no Albergue do Porto e 28 no Albergue da Guia. Cada unidade tem capacidade de atendimento de até 50 pessoas.

Leia mais:  Emanuel Pinheiro sanciona Lei Complementar sobre as medidas para o retorno das aulas em sistema híbrido na capital

“Todos os dias ocorrem desligamentos voluntários devido à dificuldade de permanecer em isolamento social. O número muda de um dia para o outro conforme as ações de acolhimento e desligamento. É por isso que o trabalho é diário. A nossa equipe não tem medido esforços para acolher o maior número de pessoas”, destacou a coordenadora de Proteção Especial, Maggie Carolina.

Para aqueles que não aceitam o acolhimento, são distribuídas refeições todos os dias, em diferentes pontos da cidade como também no Aterro Sanitário. Além também de kits de higiene pessoal e cobertores em épocas de frio.

“Esse trabalho de sensibilização é permanente. É meta do nosso prefeito Emanuel Pinheiro e da nossa primeira-dama Márcia Pinheiro oferecer acolhimento para o maior número possível de pessoas em risco de vulnerabilidade social. Sabemos que muitos ainda são resistentes, mas com esse trabalho contínuo, aos poucos, vamos alcançando os resultados esperados”, finalizou Maggie.

Caso alguém reconheça a Diná ou conheça alguém próximo, pode entrar em contato com a Coordenadoria de Proteção Especial Social pelo telefone- (65)3645-6832.

 O Hotel Albergue tem como idealizadora a primeira-dama Márcia Pinheiro e foi criado  no início do período de enfrentamento a pandemia do coronavírus para aumentar a capacidade de acolhimento em Cuiabá. 

 

Comentários Facebook
publicidade

CUIABÁ

Prefeitura disponibiliza caminhões-pipas para apoio em operação no Pantanal durante o fim de semana

Publicado


Assessoria

Clique para ampliar

A Prefeitura de Cuiabá irá colaborar em mais uma ação de resgate aos animais silvestres do Pantanal Mato-grossense, que tiveram seu habitat atingido por queimadas. Por meio de uma parceria firmada com a Associação É o Bicho MT, três caminhões-pipas foram disponibilizados para apoio durante a operação que será realizada na região do município de Poconé.

Os veículos, sendo dois da Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços Urbanos (Limpurb) e um da Defesa Civil, saem de Cuiabá às 18h desta sexta-feira (24) e permanecem durante todo fim de semana no local onde ocorre a ação. O trabalho em conjunto com a Associação segue uma determinação do prefeito Emanuel Pinheiro.

“Nossa gestão tem um comprometimento também com as causas animais e não podíamos ficar inertes diante dessa situação que tem causado grande sofrimento aos animais do nosso Pantanal. Estamos dando nossa contribuição e, sempre que necessário, vamos fortalecer esse tipo de parceria”, comenta o prefeito Emanuel Pinheiro.

A união com a É o Bicho tem resultado em diversas ações que visam combater queimadas irregulares, que afetam diretamente os animais silvestres. No último fim de semana, por exemplo, foi realizada na Rodovia Emanuel Pinheiro (MT-251) uma blitz educativa para conscientização contra incêndios.

A Associação É o Bicho MT é uma das instituições que tem ajudado a amenizar o sofrimento causado pelas queimadas aos animais silvestres da região de Poconé. Contando com o apoio da Prefeitura de Cuiabá, ela tem buscado arrecadar frutas que possam servir de alimento para os bichos que vivem em áreas atingidas pelo fogo.

Esse é o segundo ano que acontece essa campanha, sendo que, em 2020, foram mais de 300 toneladas de frutas arrecadadas e 580 mil litros de água. A Associação conta com diversos voluntários e que todos aqueles que querem fazer parte do grupo ou ajudar com doações podem entrar em contato pelo perfil do Instagram @eobichomt.

Leia mais:  Vacinação aos sábados passará a funcionar somente no período matutino a partir deste dia 25; veja quais polos estarão abertos

Comentários Facebook
Continue lendo

CUIABÁ

Blitz da Semana da Pessoa com Deficiência chama atenção dos motoristas sobre inclusão social

Publicado


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

“No trânsito todos somos iguais – Deficientes ou não!”.  A mensagem  de conscientização foi ratificada pela Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência durante blitz informativa realizada na quinta-feira (23), nas proximidades da Praça Luiz Albuquerque, no bairro Porto, em Cuiabá.

A ação de sensibilização integra a programação da 1ª Semana Municipal da Pessoa com Deficiência coordenada pela Secretaria Adjunta da Pessoa com Deficiência da Prefeitura de Cuiabá.

“Sabemos que a informação e o conhecimento da população quantos aos direitos e deveres da pessoa com deficiência já foram amplamente divulgados por meio de inúmeras ações ao longo dos anos. No entanto, esse é um tema que precisa ser cada vez mais massificado, principalmente no trânsito. Infelizmente, muitos consideram os deficientes como empecilhos que atrapalham a mobilidade”, declarou o secretário-adjunto da Pessoa com Deficiência, Rubens da Silva (Rubinho da Guia).

Com ajuda de uma faixa, os servidores da Assistência Social não mediram esforços para ampliar a divulgação sobre o tema. “Ficamos cada vez mais gratos em participar de ações de mobilização iguais a essa, pois sabemos que de pouquinho em pouquinho, mais sementes são plantadas e essas pessoas com limitações passam cada vez mais sendo respeitadas”, disse a coordenadora da Secretaria Adjunta da Pessoa com Deficiência, Rosenildes Phomann.

Quem também não escondeu a satisfação de colaborar com a divulgação, é a assistente social, Joyce Santos. “Fazer parte da pasta social do município faz com que há cada dia nos tornamos pessoas melhores”, afirmou.

“Mantemos uma semana bem produtiva. Especialistas no assunto relacionados a segurança dos direitos desse público, estão contribuindo para o nosso fortalecimento. Mais uma vez,  obrigada pela gestão Emanuel Pinheiro que realmente se preocupa com a inclusão social de todos”, finalizou o secretário.

Leia mais:  Blitz da Semana da Pessoa com Deficiência chama atenção dos motoristas sobre inclusão social

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana