conecte-se conosco


POLICIAL

Mais um envolvido em roubo e morte de aposentado em Chapada dos Guimarães é preso em operação da Polícia Civil

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Duas pessoas envolvidas em crimes com resultado morte da vítima tiveram mandados de prisão cumpridos pela Polícia Civil, na Operação Metástase, deflagrada na manhã desta sexta-feira (13.08), para combater o tráfico doméstico e crimes conexos praticados por organizações criminosas em Chapada dos Guimarães e região.

A operação deflagrada nas primeiras horas da manhã tinha objetivo de dar cumprimento a 14 ordens judiciais, sendo 12 mandados de busca e apreensão em pontos de tráfico de drogas e dois mandados de prisão contra suspeitos de crimes graves, que resultaram na morte das vítimas.

Entre os presos está um dos integrantes do grupo criminoso, de 22 anos, envolvido no roubo qualificado pela morte, praticadas contra o aposentado Nicomedes Francisco Pinto Lopes, 69 anos, encontrado morto no dia 25 de março, em Cuiabá. O suspeito era um dos alvos da Operação Omertá, deflagrada no mês de junho pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá, e que estava foragido.

Além da prisão do foragido, a operação resultou na apreensão de drogas e apetrechos relacionados ao comércio de entorpecentes, um flagrante de tráfico de drogas, uma pessoa conduzida por uso de entorpecentes e no cumprimento do mandado de prisão contra o autor de um homicídio em Nova Brasilândia.

Segundo o delegado de Chapada dos Guimarães, Alexandre da Silva Nazareth, as ações de combate a organizações criminosas em Chapada dos Guimarães serão constantes, especialmente para desarticular grupos envolvidos em crimes de tráfico de drogas, roubos e furtos no município e região.

“Sabemos que o tráfico de drogas fomenta outros tipos de crimes, especialmente roubos, furtos e até mesmo homicídio, então por isso a delegacia está desenvolvendo investigações constantes que promovam o combate a organizações criminosas envolvidas nos fatos, desarticulando a criminalidade na cidade e municípios vizinhos”, disse o delegado.

Leia mais:  Servidores das forças de segurança participam de palestra sobre conhecimento e prevenção ao suicídio

Caso Nicomedes

O aposentado desapareceu no dia 21 de março, da casa onde morava em Chapada dos Guimarães, e seu corpo foi localizado quatro dias depois às margens da rodovia Helder Cândia, com marcas de disparos de arma de fogo na cabeça.

O suspeito que teve o mandado de prisão cumprido nesta sexta-feira (13) foi identificado como um dos executores do roubo, assim como a pessoa que manteve a vítima em sequestrada, enquanto auferindo a vantagem patrimonial.

O crime foi inicialmente investigado pela Delegacia de Chapada dos Guimarães, onde o aposentado morava. Com os elementos probatórios reunidos no curso do inquérito, o delegado Alexandre Nazareth representou à Justiça pela prisão dos suspeitos identificados. Contudo, o juízo da Comarca do município declinou da competência entendendo que o crime, então tratado como roubo seguido de morte, ocorreu no município de Cuiabá, e remeteu o caso para a Capital. 

No mês de junho, a Derf Cuiabá deflagrou a operação que deu cumprimento a 13 ordens judiciais, expedidas pelo juízo da 6ª Vara Criminal de Cuiabá, com alvo em oito suspeitos identificados (seis homens e duas mulheres). O suspeito era considerado foragido.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Polícia Civil apreende dois tijolos e meio de maconha na zona rural de Nova Olímpia

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Dois tijolos e meio de maconha foram apreendidos pela Polícia Civil, no final da tarde de quinta-feira (23.09), na zona rural do município de Nova Olímpia (207 km a médio norte de Cuiabá).

A ação resultou na prisão de um homem e na apreensão de dois adolescentes.

O suspeito de 36 anos foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e corrupção e menores. Os adolescentes, ambos de 16 anos, responderão ato infracional análogo aos crimes de tráfico e associação para o tráfico.

Durante diligências na região de Nova Olímpia, os policiais civis descobriram que três indivíduos, até então não identificados, vinham comercializando entorpecentes nas proximidades do Assentamento São João.

Na manhã de quinta-feira (23), o suspeito e os dois menores de idade foram detidos pela Polícia Militar, por possível envolvimento em uma ocorrência de tentativa de furto de uma motocicleta.

Dando continuidade nas investigações foi confirmada a atuação dos conduzidos na venda de drogas na zona rural da cidade de Nova Olímpia.

Em seguida os investigadores foram até uma propriedade, onde com autorização da responsável pelo local, realizaram buscas e localizaram em um dos cômodos uma caixa de sapatos contendo dois tijolos e uma poção grande de maconha.

Conforme apurado, as peças de entorpecentes pertenciam aos três detidos, os quais haviam chego no Assentamento São João ha cerca de uma semana.

Diante do flagrante, o maior de idade e os adolescentes foram autuados em flagrante e ato infracional respectivamente. Após a confecção dos autos, eles foram apresentados e colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT
Leia mais:  Polícia Civil recupera em Campo Novo dos Parecis carretinha furtada em Tangará da Serra

Comentários Facebook
Continue lendo

POLICIAL

Executor de taxista no interior de Rondônia é localizado pela Polícia Civil escondido na região do Manso

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Policiais da Gerência de Capturas e Polinter localizaram nesta sexta-feira (24), na região do Rio Manso, em Cuiabá, um homem de 48 anos que era procurado pela Justiça de Rondônia pelo homicídio de um taxista, ocorrido há cinco anos, no interior do estado vizinho.

C.S.S. estava com mandado expedido pela Comarca de Cacoal e foi localizado pela Polinter, com apoio de equipe da Gerência de Operações Especiais (GOE), em um sítio nas imediações da Usina do Manso. Com ele, os policiais civis apreenderam duas armas de fogo de calibres 20 e 22, com indícios de adulteração, além de diversas munições.

A Polinter chegou à localização do foragido após troca de informações com a Polícia Civil de Rondônia. Contra C.S.S. também havia um mandado de prisão expedido pelo crime de posse ilegal de arma de fogo.

O foragido foi autuado em flagrante pelas armas encontradas com ele. Depois dos procedimentos na Polinter, será encaminhado para audiência de custódia do Poder Judiciário.

Homicídio

O crime contra um taxista ocorreu em janeiro de 2016, na zona rural da cidade de Cacoal. Valter Mendes Fogaça foi executado dentro de seu veículo, após ser atraído até a zona rural para fazer uma corrida.

A investigação conduzida pela Polícia Civil de Cacoal apurou que o homem preso em Mato Grosso foi a pessoa que ligou para o taxista e depois o executou. A morte teria ocorrido porque a vítima estava trabalhando como taxista sem autorização legal, o que teria incomodado profissionais da região e um deles ‘encomendou’ o homicídio.

No início de setembro deste ano, a Justiça de Rondônia o condenou pelo homicídio do taxista.

Leia mais:  Polícia Civil apreende dois tijolos e meio de maconha na zona rural de Nova Olímpia

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana