conecte-se conosco


MATO GROSSO

Governo cria força-tarefa para regularizar cadastros de servidores inativos e pensionistas do Estado

Publicado


O Mato Grosso Previdência (MT Prev), as Secretarias de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) e de Educação (Seduc), e a Polícia Militar de Mato Grosso (PMMT) firmaram uma força-tarefa para regularizar os cadastros de servidores inativos e pensionistas do Estado. A medida foi instituída por meio da Portaria Conjunta 01/2021 publicada no Diário Oficial desta terça-feira (20.07).

Dos 37.184 servidores convocados para o Censo Previdenciário, 4.743 ainda não concluíram o recadastramento ou precisam sanar alguma pendência documental. A pendência de documentos ou a ausência de realização do recenseamento acarretará na suspensão do pagamento na folha salarial de agosto e permanecerá de igual modo até a completa regularização do recadastramento. 

Conforme o presidente do MT Prev em exercício, Érico Almeida, as respectivas secretarias e o Comando Geral da Polícia Militar são os órgãos de origem da maioria dos aposentados e pensionistas do Estado, o que pode facilitar a atuação dessa ação conjunta. 

“O Censo Previdenciário começou em dezembro de 2020 e foi amplamente divulgado na televisão, no rádio e na internet por meio de campanha publicitária, matérias e entrevistas, além de e-mails, SMS, apoio de sindicatos e associações pedagógicas. Entretanto, queremos esgotar todas as possibilidades antes de realizar o bloqueio do pagamento”, salientou o presidente. 
 
O titular da Seplag, Basílio Bezerra, destaca que essa é mais uma ação do Governo para evitar a suspensão do pagamento destes aposentados e pensionistas. “Fizemos essa portaria para intensificar todos os meios e caminhos para impedir o corte de salário dessas pessoas, que por algum motivo não fizeram ou não concluíram o Censo Previdenciário. Os comandos regionais da Polícia Militar e a Seduc auxiliarão nesse sentido, na tentativa de localizar esses servidores”, afirmou.

Confira aqui a lista dos aposentados e pensionistas em situação irregular.  

Leia mais:  Saúde Estadual apoia carreata de conscientização ao aleitamento materno

RECADASTRAMENTO

Para realizar o procedimento, o beneficiário deverá acessar o site www.mtprev.mt.gov.br, informar o CPF, clicar na opção “Censo Online” e anexar os documentos obrigatórios digitalizados. Clique aqui para conferir a documentação necessária. 

Em caso de dúvidas ou dificuldades no cadastro, além do telefone do MT Prev (65 3363-5300), há um WhatsApp exclusivo para receber mensagens sobre o Censo: (65) 9 9959-0350 e o e-mail [email protected]

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Domingo (01): Mato Grosso registra 490.574 casos e 12.795 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste domingo (01.08), 490.574 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 12.795 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 261 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 490.574 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 10.416 estão em isolamento domiciliar e 465.859 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 406 internações em UTIs públicas e 269 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 68,12% para UTIs adulto e em 31% para enfermarias adultos.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (99.732), Rondonópolis (34.868), Várzea Grande (32.809), Sinop (23.554), Sorriso (17.156), Tangará da Serra (16.840), Lucas do Rio Verde (14.624), Primavera do Leste (13.033), Cáceres (10.685) e Barra do Garças (9.978).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 376.852 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 516 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

No sábado (31.07), o Governo Federal confirmou o total de 19.917.855 casos da Covid-19 no Brasil e 556.370 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 19.880.273 casos da Covid-19 no Brasil e 555.460 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste domingo (01.08).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Leia mais:  Cuiabá registra redução de 63% nos focos de calor em vegetação no primeiro semestre 2021

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MATO GROSSO

Operação conjunta apreende aeronave que transportava 324 kg de cocaína

Publicado


Uma operação integrada realizada neste sábado (31.07) resultou na apreensão de uma aeronave que transportava cerca de 324 quilos de cloridrato de cocaína. Trata-se de uma ação de combate ao tráfico internacional de drogas.

A aeronave modelo CESSNA 182P foi interceptada pela Força Aérea Brasileira (FAB) e contou com o apoio da Polícia Federal e do Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron).

O caso aconteceu no Distrito de Guariba, município de Colniza (1.022 km de Cuiabá). De acordo com o levantamento do Gefron, o prejuízo ao crime é de mais de R$ 8,7 milhões. 

Diante dos fatos, aeronave e entorpecentes foram encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal de Porto Velho (RO).

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Projeto convida população a participar de lives sobre cultura popular cuiabana
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana