conecte-se conosco


MATO GROSSO

Recuperandos produzem 600 uniformes para Santa Casa de Pontes e Lacerda

Publicado


Recuperandos do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Pontes e Lacerda vão produzir, nos próximos 40 dias, aproximadamente 600 peças de roupas cirúrgicas para a Santa Casa do município. A parceria foi possível graças ao trabalho de cinco presos que já atuam no Projeto Recupera, mais precisamente na oficina de costura da unidade.

Os insumos serão fornecidos pelo hospital. As peças produzidas são destinadas a profissionais que atuam no centro cirúrgico, Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e na maternidade da unidade de saúde.

O diretor do CDP, Marcelo Wagner, destacou que este tipo de parceria sempre traz benefícios para todos os envolvidos. Exemplo disso foi a produção de máscaras de proteção à Covid-19, que ainda seguem sendo confeccionadas e os lençóis doados ao Lar de Idosos do município.

“A gente espera fechar mais parcerias como essa para promover melhorias para a sociedade. Neste tipo de atividade a gente percebe que os reeducandos ocupam a mente, além de aprender um novo ofício que poderá servir lá fora e evitar a reincidência na criminalidade”, pontuou o diretor da unidade.

Ainda de acordo com Marcelo, a expectativa é que a oficina de costura seja ampliada em breve, o que permitirá que mais recuperandos da unidade atuem na confecção de peças, fortalecendo ainda mais o trabalho de ressocialização.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Mato Grosso é único estado brasileiro a participar de simpósio do BRICS na China
publicidade

MATO GROSSO

Sema completa entrega de barcos e motores para 40 municípios descentralizados

Publicado


Os 40 municípios descentralizados que receberam veículos e instrumentos de campo e escritório do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), já estão com os equipamentos em funcionamento. A última cidade a retirar os barcos e motores disponibilizados foi Apiacás, no mês de maio.

Os equipamentos entregues aos municípios nos últimos anos foram barcos, motores, motocicletas, GPS, computadores, monitores e impressoras. As entregas fazem parte do Kit Descentralização com recursos do Fundo Amazônia/BNDES.

O objetivo do Programa é equipar as Secretarias Municipais de Meio Ambiente para que, de forma descentralizada, realizem serviços de gestão ambiental. O fortalecimento dos municípios do Programa Mato Grosso Sustentável é importante para a eficiência na fiscalização contra crimes ambientais e no licenciamento de empreendimentos de impacto local.

Entrega de Sedes

Entre as ações para fortalecer os municípios estão previstas a entrega de 17 novas sedes de secretarias municipais de meio ambiente. 10 municípios já estão com obras finalizadas e entregues: Juara, Porto dos Gaúchos, Comodoro, Vila Bela da Santíssima Trindade, Brasnorte, Claudia, São Felix do Araguaia, Querência, Ribeirão Cascalheira e Canarana. 

Estão sendo construídas as obras das secretarias municipais de meio ambiente de Guarantã do Norte, Nova Monte Verde, Paranaíta e Apiacás. As obras de Aripuanã e Colider estão em licitação e de Sinop aguardando aprovação do projeto na Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra).

Municípios

Os 40 municípios que receberam o Kit Descentralização são: Água Boa, Alta Florestas, Apiacás, Aripuanã, Barra do Garças, Brasnorte, Campinápolis, Campo Verde, Campos de Júlio, Canarana, Cláudia, Cocalinho, Colíder, Comodoro, Conquista D’Oeste, Cotriguaçu, Cuiabá, Guarantã do Norte, Jaciara, Juara, Lucas do Rio Verde, Nova Monte Verde, Nova Mutum, Nova Nazaré, Nova Xavantina, Paranaíta, Porto dos Gaúchos, Poxoréo, Primavera do Leste, Querência, Ribeirão Cascalheira, Rondonópolis, São Félix do Araguaia, Sapezal, Sinop, Sorriso, Tangara da Serra, Tapurah, Várzea Grande, Vila Bela da Santíssima Trindade.

Leia mais:  Unidade do Ganha Tempo distribui mudas de plantas à população cacerense
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MATO GROSSO

Indea prorroga prazo para comunicação da vacinação contra a febre aftosa

Publicado


O Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT) prorrogou até a próxima a terça-feira (15.06) o período de comunicação da vacinação contra febre aftosa para os produtores rurais. O prazo anterior se encerrou nessa quinta-feira (10.06).

“Mato Grosso é considerado referência nacional, quando falamos de vacinação contra a febre aftosa, o que é de extrema importância para a saúde desses animais e também para a economia do Estado. Com isso, produtos rurais tem o seu mercado valorizado e o país continua sendo referência de exportação de carne bovina”, assegura César Miranda, secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso.

Até a última quarta-feira (09.06), a taxa de registro de vacinação chegou a 87,07%, faltando o comparecimento de 13.760 produtores. Desta forma, é importante que os ausentes façam a comunicação por e-mail ou, se necessário, dirijam-se a uma unidade local do INdea, portando a nota fiscal de aquisição da vacina e a relação de animais existentes.

Para mais informações clique aqui!

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Mato Grosso é único estado brasileiro a participar de simpósio do BRICS na China
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana