conecte-se conosco


CUIABÁ

Dutrinha é cedido oficialmente para Conmebol; Estádio recebe seleção da Colômbia para treino neste sábado (12)

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

O maior símbolo do esporte cuiabano, o Estádio Eurico Gaspar Dutra foi oficialmente cedido para a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) e vai receber seleções da Copa América de Futebol. A cerimônia simbólica de entrega do Dutrinha foi realizada na manhã deste sábado (12). O Estádio terá o gramado e vestiários utilizados para treinos das equipes da Colômbia, que começam já neste sábado (12). A segurança do local será feita pela Conmebol e não será permitida cobertura da imprensa e a presença de público, em razão do cumprimento das medidas de biossegurança contra a COVID-19.

Na tarde da última sexta-feira (11), o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro assinou Termo de Autorização Precária de Uso do equipamento desportivo.

“O Dutrinha é um ícone do futebol cuiabano, um patrimônio que precisa ser preservado. Craques como Bife, Avião e Fulepa, que teremos a honra de homenagear com estátuas para que sejam sempre lembrados de suas contribuições ao futebol local. Entregamos nas mãos da Conmebol nosso bem precioso, o nosso querido Dutrinha e esperamos que ele seja bem utilizado para os treinos das seleções da Copa América”, destacou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Um dos pontos que contribuiu para boa avaliação do Dutrinha pela Conmebol foi a boa logística. Conforme combinado entre a Prefeitura de Cuiabá, que é responsável pela administração do estádio, e a Conmebol, a partir de sexta-feira (11), data de assinatura do Termo de Autorização, até 27 de junho, quando se encerra a participação da Capital na Copa América, o estádio fica totalmente à disposição da organização da competição.

“Agradecer aos nossos secretários, vereadores e a imprensa pela presença nesta cerimônia simbólica em que passamos oficialmente a cessão de uso do Dutrinha, para que a Conmebol possa fazer todos os treinamentos das seleções participantes da Copa América. A secretária Carlina dará toda assistência e suporte para que se tenha tranquilidade neste que será o centro de treinamentos das seleções. Colocamos este templo do futebol à disposição da Conmebol”, disse o vice-prefeito, José Roberto Stopa.

Leia mais:  Sugestão de pauta: Emanuel Pinheiro entrega 144 novos ônibus em solenidade na terça-feira, 9h30

Nesse período, a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) fica responsável por executar, em parceria com o Município, as atividades de manutenção necessárias para o bom desenvolvimento dos treinamentos. As atividades das seleções serão fechadas para o público e imprensa, contando com a presença apenas de atletas, comissão técnica, representantes da Conmebol, e segurança privada.

“Cuiabá sediou a Copa do Mundo, que foi um evento espetacular para a cidade, uma operação linda e voltar um evento internacional traz uma importância muito grande para reativar os grandes eventos esportivos. Cuiabá está de parabéns por esse desafio, principalmente neste momento tão complicado com a COVID-19. Estamos tomando todos os cuidados necessários para que seja um evento com a maior tranquilidade para Cuiabá. Muito obrigada ao prefeito e vai ter Copa América em Cuiabá”, disse o representante da Conmebol, Marcus Jacarandá.

Ainda na cerimônia simbólica deste sábado (12), a secretária de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Rabello Leite Jacob fez questão de evidenciar o quão importante é um evento desta magnitude no município para o despertar de novos atletas.

“É super importante neste momento que estamos passando que tenha essa inspiração aos mais jovens, aos atletas que estão começando agora. Que essa Copa desperte novos atletas, dê novos frutos e revele novos talentos”, disse a secretária Carlina.

O secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo, que iniciou as obras de reforma do Dutrinha ainda quando a frente da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer falou da satisfação em ver o estádio receber os primeiros jogos.

“Essa é a obra que representa o esporte cuiabano, é a casa onde nós temos o gramado que pisou Pelé. Na sua altura, ele é aberto de forma oficial para receber um evento internacional, receber seleções. Parabéns ao prefeito Emanuel Pinheiro e a gestão como um todo por esse resultado fantástico”, disse Vuolo.

Leia mais:  HMC realiza mutirão de cirurgias ortopédicas ao longo dos próximos três finais de semana

Estiveram presentes no ato de entrega do Dutrinha o secretário da Empresa Cuiabana de Limpeza Urbana, Vanderlúcio Rodrigues e seu adjunto Anderson Matos, a secretária-adjunta de Obras Públicas, Silvia Andreato, o secretário-adjunto de Cultura, Esporte e Lazer, Justino Astrevo, o vereador Mario Nadaf, o diretor de competições da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF), Diogo Carvalho.

MAIS VACINAS

A escolha de Cuiabá como uma das subsedes da Copa América foi feita pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Governo Federal e Governo do Estado de Mato Grosso. Diante da não consulta ao Município sobre a realização do evento, o prefeito Emanuel Pinheiro solicitou ao presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, o envio de doses extras de vacinas contra a Covid-19, como contrapartida.

Na última terça-feira (08), Emanuel entregou pessoalmente ao presidente um ofício com o pedido de mais 670 mil doses, que seriam suficientes para a imunização em massa da população cuiabana. O trabalho de articulação do chefe do Executivo municipal contou com a participação essencial do deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, o Emanuelzinho.

Comentários Facebook
publicidade

CUIABÁ

HMC realiza mutirão de cirurgias ortopédicas ao longo dos próximos três finais de semana

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Começa neste sábado (31) uma maratona de cirurgias ortopédicas no Hospital Municipal de Cuiabá – HCM “Dr. Leony Palma de Carvalho”. A meta é realizar 180 procedimentos, sendo 60 em cada final de semana, 30 aos sábados e 30 aos domingos. Toda a equipe de Ortopedia da unidade estará de plantão nestes dias para dar vazão às demandas dos pacientes oriundos de municípios de todo o estado, que já se encontram internados na unidade. Em dias normais, a média de cirurgias realizadas no HMC é de 30 a 40 procedimentos diários, entre todas as especialidades, além da Ortopedia.

De acordo com o diretor clínico do HMC, Eduardo Andraus Filho, serão realizados diversos tipos de procedimentos, a maioria para correção de fraturas dos ossos dos membros inferiores e superiores, com uso de diversas próteses, placas, parafusos e hastes intramedulares. A exceção será a cirurgia de prótese de quadril, pelo fato de ser mais complexa e demorada. 

Haverá 6 cirurgiões ortopédicos, 6 anestesistas, além do corpo de enfermeiros e técnicos de enfermagem trabalhando em 4 das 6 salas de cirurgias que existem no hospital. Eles contarão com um aparato composto por três intensificadores cirúrgicos (arcos que realizam raio-x em tempo real), central de material de esterilização com duas autoclaves, suporte do banco de sangue, entre outros. 

“Nosso objetivo é fazer com que haja rotatividade nos leitos, uma vez que, com a pandemia, o HMC se tornou o único hospital municipal para casos não covid-19, o que nos sobrecarregou com demandas não só de Cuiabá, mas de todo o estado, lotando nossos leitos de UTI e de enfermaria e aumentando o tempo de internação. A determinação do prefeito Emanuel Pinheiro é que façamos o máximo possível para devolver esses pacientes recuperados para suas casas, para suas famílias. Nossas equipes multiprofissionais, desde a recepção até a internação, estão todas empenhadas nesse propósito, todos colaborando muito nesse processo”, afirma Eduardo Andraus Filho.

Leia mais:  Recadastramento anual dos servidores da Secretaria de Educação é prorrogado até 20 de agosto

A gestora hospitalar, Ana Paula da Silva Pimenta, também está na expectativa positiva para o mutirão de cirurgias. “Vamos oferecer assistência da melhor qualidade, a equipe mais completa possível para poder tratar esses pacientes e, em poucos dias, liberá-los. Na semana que vem, creio que toda a equipe estará até mais alegre porque é um sonho nosso ver os pacientes liberados para as famílias, então, estamos todos empenhados nesse mutirão”, diz. 

Comentários Facebook
Continue lendo

CUIABÁ

Campanha ‘Cuiabá por Elas’ realiza doação de mil absorventes às reeducandas

Publicado


Matheus Pires

Clique para ampliar

A Secretária Municipal da Mulher, Luciana Zamproni, esteve na manhã desta quinta-feira (29) na Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May, para a entrega de absorventes as reeducandas da unidade prisional. Os produtos de higiene foram arrecadados pela campanha “Cuiabá por elas”, idealizada pela primeira-dama do município, Marcia Pinheiro.

“Hoje temos 257 mulheres privadas de liberdade, muitas delas carentes, vindas de outros estados, sem o auxílio da família. Por isso só temos agradecer ao prefeito e a primeira-dama que nos fizeram essa grande doação”, declarou Gicelma Ferreira Silva, diretora do presídio.

De acordo com a Zamproni, a Pastoral Carcerária entrou em contato com a secretaria para informar que mais de um terço das reeducandas só tinham acesso a absorvente por meio de doações ou da assistência de familiares. Porém, a maioria delas não recebem visita de parentes, o que despertou a sensibilidade da gestão.

“As mulheres são esquecidas pelo próprio sistema que as trata como homens. A elas são oferecidos os mesmos auxílios que aos encarcerados do sexo masculino, ignorando a diferença de gênero e necessidades extras. Diante dessa realidade entregamos cerca de mil absorventes”, explica.

Uma das reeducadas agradeceu a secretária pela doação e declarou que este item é de extrema necessidade e importância para todas elas.

“Quero agradecer em nome de todas as reeducandas por esta doação. Como já falamos muitas de nós somos “forasteiras” viemos de outros estados e não recebemos ajudas dos nossos familiares. Muito obrigado por lembrarem da gente”, afirma.

Segundo a primeira-dama, este foi mais um passo que a gestão vem dando para com os mais necessitados. Ela destacou que a prefeitura de Cuiabá, preocupados com as mulheres reeducandas e sua reinserção social, assinou um termo de cooperação com Empresa Cuiabana de Zeladoria e Serviços, onde 32 mulheres já estão prestando serviços.

Leia mais:  HMC realiza mutirão de cirurgias ortopédicas ao longo dos próximos três finais de semana

“Futuramente queremos desenvolver um trabalho dentro do presídio para que essas mulheres entendam um pouco mais sobre as ações e políticas da Secretaria da Mulher, voltadas para o combate à violência de gênero e o empoderamento feminino”, explica.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana