conecte-se conosco


MATO GROSSO

Primeira-dama atende comunidades quilombolas da região de Vila Bela da Santíssima Trindade

Publicado


Berço da cultura africana em Mato Grosso, o município de Vila Bela da Santíssima Trindade (localizado a 521Km de Cuiabá), recebeu na manhã deste sábado (29.05), aproximadamente 1,5 mil cestas básicas que foram distribuídas à comunidades quilombolas da região.

A entrega simbólica das cestas foi feita pela primeira-dama Virginia Mendes, que fez questão de visitar o município.

“Essa foi a primeira vez que vim ao município de Vila Bela da Santíssima Trindade, nossa primeira capital de Mato Grosso. Além de poder conhecer um pouco mais sobre a cultura daqui e os pontos turísticos do município, vim para uma nobre missão: entregar cestas básicas aos quilombolas da região. Eu sou voluntária no Governo do Estado, e tenho muito amor pelas causas sociais, por isso é uma honra ser convidada para participar de ações como essa que ajudam tantas pelos no país todo”, destacou Virginia Mendes.

Os itens alimentícios fazem parte de um programa do Governo Federal, realizado pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos em atuação conjunta com a Fundação Cultural Palmares e a CONAB. A ação tem o apoio da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania, que por meio da sua Secretaria Adjunta de Direitos Humanos, faz chegar esses alimentos à quem mais precisa.

“Nós temos um governo que tem olhado para os 141 municípios. Nós encaminhamos somente esse ano 800 cestas básicas e em breve entregaremos 800 cobertores. No programa de auxílio emergencial do Governo do Estado, o SER Família Emergencial, que aconteceu devido a uma solicitação da nossa primeira-dama, foram beneficiadas 615 famílias de Vila Bela. Em breve traremos o nosso outro Programa SER Família que é composto por cinco cartões voltados para auxiliar mulheres vítimas de violência, crianças, idosos e pessoas com deficiência. Nossa primeira-dama tem tido um olhar muito fraterno e carinhoso para todas as pessoas que esperam e precisam da mão protetora do Estado para sobreviver a um momento tão difícil como esse que estamos vivendo”, destacou a secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria de Carvalho.

Leia mais:  Sexta-feira (11): Mato Grosso registra 426.571 casos e 11.366 óbitos por Covid-19

Os produtos atendem às demandas por cestas de alimentos pelas populações quilombolas em situação de vulnerabilidade e insegurança alimentar, agravada pela pandemia da Covid-19.

“Só tenho a agradecer ao Governo Federal, que enviou as cestas pela Fundação Palmares, e ao Governo do Estado pela logística. Eu sou o único secretário de Igualdade Racial em Mato Grosso, e farei o possível para defender o meu povo. Para isso conto muito com o apoio do Estado”, destacou o secretário de Promoção e Igualdade Racial de Vila Bela da Santíssima Trindade, Adair Oliveira de Moraes.

Em seu discurso, o prefeito do município, André Bringsken relembrou a história cidade e afirmou trabalhar para garantir a dignidade dos povos quilombolas.

“Gostaria de agradecer a fundação Palmares, que, em uma parceria com a nossa primeira-dama, com o governo do Estado, hoje nos presenteia com essas quase 1500 cestas básicas para os quilombolas de Vila Bela. Cabe hoje a mim como gestou contribuir com o resgate da dignidade, da história e da cultura do povo quilombola. Por isso é uma honra muito grande ter essa parceria e receber o Governo do Estado aqui. O governador Mauro Mendes tem olhado com muito carinho para Vila Bela e todas as nossas demandas tem sido atendidas”, completou.

Cinco representantes de quilombos fizeram a retirada das cestas na Quadra Poliesportiva Melano de Assunção, no município. Também participaram do evento o vice-prefeito de Vila Bela da Santíssima Trindade, Edvan Lopes; a primeira-dama do município, Daiana Macedo; a secretária Municipal de Assistência Social, Graciane Ferreira; o presidente da Câmara Municipal, vereador Carlos Alberto; o secretário Adjunto do Gabinete Militar, coronel César Roveri; o secretário Adjunto de Direitos Humanos, Kennedy Dias; o deputado Estadual, Valmir Moretto e a suplente de Senador Margareth Buzetti.

Leia mais:  Mato Grosso é único estado brasileiro a participar de simpósio do BRICS na China
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Indea prorroga prazo para comunicação da vacinação contra a febre aftosa

Publicado


O Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT) prorrogou até a próxima a terça-feira (15.06) o período de comunicação da vacinação contra febre aftosa para os produtores rurais. O prazo anterior se encerrou nessa quinta-feira (10.06).

“Mato Grosso é considerado referência nacional, quando falamos de vacinação contra a febre aftosa, o que é de extrema importância para a saúde desses animais e também para a economia do Estado. Com isso, produtos rurais tem o seu mercado valorizado e o país continua sendo referência de exportação de carne bovina”, assegura César Miranda, secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso.

Até a última quarta-feira (09.06), a taxa de registro de vacinação chegou a 87,07%, faltando o comparecimento de 13.760 produtores. Desta forma, é importante que os ausentes façam a comunicação por e-mail ou, se necessário, dirijam-se a uma unidade local do INdea, portando a nota fiscal de aquisição da vacina e a relação de animais existentes.

Para mais informações clique aqui!

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Indea prorroga prazo para comunicação da vacinação contra a febre aftosa
Continue lendo

MATO GROSSO

Mato Grosso é único estado brasileiro a participar de simpósio do BRICS na China

Publicado


O projeto de cooperação entre Mato Grosso e a China vem se fortalecendo ao longo deste ano, tanto que o estado foi a única unidade federativa brasileira a participar do Simpósio Internacional para BRICS Think Tanks 2021, realizado nesta quinta-feira (10.06), na cidade de Xiamen, província de Fujian, no leste chinês.

A servidora estadual que atua no país asiático intermediando a abertura de mercado para os produtos mato-grossenses, Ariana Guedes, representou o Estado no evento.

Ela destacou que essa parceria entre os governos chinês e mato-grossense ocorreu porque províncias chinesas, com base econômica semelhantes à do Estado, se interessaram na cooperação comercial e de investimentos em Mato Grosso.

As negociações que visam fomentar acordos comerciais do Estado com a Ásia, em especial com a China, tiveram início em 2020.

A parceria internacional firmada entre Mato Grosso e a China será duradoura se depender da atual gestão, de acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso, César Miranda.

“O interesse é mútuo e estamos buscando consolidar essas negociações e formalizar acordos a longo prazo que serão muitos bons para a inserção dos produtos do estado no mercado chinês”, explicou Miranda.

Para concretizar as atividades, o governo chinês criou um centro de inovação entre os países que compõem o BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). A plataforma visa estimular as discussões e projetos entre os países integrantes.

O novo centro de cooperação voltado para os membros do BRICS, inclusive desenvolveu um treinamento de 2h com foco em marketing e dicas para estabelecer relações de comércio com a China, material direcionado ao público mato-grossense.

“Após essa ação piloto, os chineses já se colocaram à disposição para desenvolver outros cursos para Mato Grosso.  Nosso estado é um parceiro e a perspectiva é de que essa ligação nos renda muitos frutos. Existem muitas oportunidades na cidade de Xiamen e nas 33 províncias chinesas na área de trading e investimentos. E por parte do governo local há muito interesse em Mato Grosso”, ressaltou Ariana Guedes.

Leia mais:  Sexta-feira (11): Mato Grosso registra 426.571 casos e 11.366 óbitos por Covid-19

O simpósio que tratou sobre o “Trabalhando juntos para desenvolver o centro de inovação em um modelo de cooperação do BRICS”, atraiu mais de 200 especialistas, autoridades da indústria e do governo e representantes de organizações internacionais e associações empresariais.

O centro de inovação do BRICS tem como foco impulsionar o investimento e a facilitação do comércio. Bem como, o aprimoramento da inovação e cooperação financeiras.

Representatividade

Atualmente, os BRICS são detentores de mais de 21% do PIB mundial, formando o grupo de países que mais crescem no planeta. Além disso, representam 42% da população mundial, 45% da força de trabalho e o maior poder de consumo do mundo.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana