conecte-se conosco


POLICIAL

Polícia Civil prende preventivamente homem que voltou ameaçar ex-companheira em Várzea Grande

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem que estava descumprindo as medidas protetivas impostas pela Lei Maria da Penha teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na segunda-feira (04.05), por policiais da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande (DEDMCI-VG), após voltar a ameaçar a ex-companheira.

No mês de fevereiro, a vítima procurou a DEDMCI-VG relatando que sofreu crimes de lesão corporal e injúria praticadas então companheiro que chegou em casa embrigado, a ofendeu com adjetivos pejorativos e agrediu fisicamente com golpe de cabo de vassoura.

Na ocasião, a vítima representou criminalmente contra o autor e solicitou medidas protetivas contra ele, as quais foram deferidas pela Vara Especializada de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Várzea Grande.

No mês de abril, a vítima retornou à Delegacia da Mulher informando que o suspeito estava descumprido as restrições impostas pela Justiça, se dirigindo até a residência dela, a ameaçando e dizendo que se ela comunicasse os fatos às autoridades e ele fosse preso, iria acionar terceiros para agredi-la fisicamente.

Diante das graves ameaças e receio que algo mais grave acontecesse com a vítima, a delegada titular da DEDMCI-VG representou preventiva do suspeito que foi decretada pela Justiça na segunda-feira (03) e cumprida pelos policiais da especializada no mesmo dia.

“Apesar da pandemia e dos riscos de contaminação, a unidade continua trabalhando firme, com o propósito de reduzir índices de feminicídio e demais crimes cometidos em ambiente doméstico contra a mulher”, disse a delegada.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil recupera motocicleta furtada em Cáceres e prende suspeito minutos após o crime
publicidade

POLICIAL

Polícia Civil recupera veículo de vítima roubada em frente à escola da filha em Várzea Grande

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um veículo Hyundai HB-20 roubado no momento em que a vítima deixava a filha na escola foi recuperado pela Polícia Civil, na sexta-feira (07.05), durante diligências realizadas pelos policiais da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (DERFVA).

O crime ocorreu na manhã da quinta-feira (06) na porta de uma escola infantil em Várzea Grande, quando a vítima foi deixar a filha e foi abordada por dois criminosos armados que anunciaram o assalto. A vítima foi empurrada no chão pelos suspeitos que levaram o seu aparelho celular e o veículo HB-20.

Assim que recebeu a comunicação do roubo, a equipe de investigadores da DERFVA iniciou as diligências e durante os trabalhos, conseguiu localizar o veículo da vítima em uma residência no bairro Costa Verde em Várzea Grande.

Segundo as investigações, a residência foi locada por criminosos com o fim de esconder veículos produto de roubos/furtos, sem nenhum sinal de habitação no local. Em buscas na casa, os policiais encontraram o documento de outra vítima de roubo de veículo.

O automóvel HB-20 foi levado para a DERFVA para as providências cabíveis e posteriormente devolvido à vítima. As investigações seguem em andamento para identificar e prender os envolvidos no crime.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Autor de roubo a agência bancária e Rondonópolis é preso com R$ 10 mil, simulacro e munições
Continue lendo

POLICIAL

Polícia Civil cumpre prisão de foragida de Rondônia que utilizava nome falso

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma mulher considerada foragida da Justiça de Rondônia pelos crimes de tentativa de homicídio e cárcere privado  teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil de Mato Grosso, na quarta-feira (05.05), em ação realizada no município de Campos de Júlio (553 km a nordeste de Cuiabá).

A suspeita de 34 anos estava utilizando identidade falsa para não ser descoberta pela Polícia. As investigações que levaram a verdadeira identidade da suspeita iniciaram após ela ser presa pela Polícia Militar por envolvimento em uma tentativa de homicídio, ocasião em que se apresentou com o nome falso de “Marta da Silva”.

Depois que de conduzida à delegacia, os investigadores iniciaram as diligências para realizar a investigação social da suspeita, conseguindo descobrir que ela havia se apresentando com o nome falso, pois era considerada foragida do estado de Rondônia, tendo rompido a tornozeleira eletrônica que realizava o seu monitoramento.

Com base no levantamento, a equipe da Polícia Civil de Campos de Júlio entrou em contato com os policiais penais de Rondônia e após troca de informações foi confirmado a verdadeira identidade da suspeita, que estava com o mandado de prisão decretado pela Justiça pelos crimes de tentativa de homicídio e cárcere privado ocorridas na cidade de Chupinguaia-RO.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil prende em flagrante mulher que furtou R$ 6 mil de amiga em Várzea Grande
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana