conecte-se conosco


POLICIAL

Polícia Civil e Corpo de Bombeiros fazem buscas por casal que desapareceu em Porto dos Gaúchos

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Porto dos Gaúchos, com apoio do Corpo de Bombeiros realizaram buscas em uma região de mata, neste sábado e domingo, para a localização do paradeiro do casal Valdir, de 45 anos, e Tatiane Medeiros Hennig, de 46 anos, que está desaparecido desde o dia 28 de abril.

As buscas são realizadas em uma extensa área de mata na zona rural de Porto dos Gaúchos, na ‘região do 47’, onde o casal tem uma propriedade, e conta com auxílio de cães farejadores do Corpo de Bombeiros de Tangará da Serra e da equipe de Juína.

Um irmão de Valdir procurou a delegacia de Porto dos Gaúchos na quinta-feira relatando que o casal saiu da propriedade no dia 27 de abril para ir ao município de Itanhangá combinando de retornar no dia seguinte. Diante da ausência dos dois, o irmão da vítima foi em busca do casal e no município de Itanhangá foi informado por familiares que os mesmos já haviam retornado a Porto dos Gaúchos na data combinada. O irmão de Valdir tentou contato no celular das vítimas e não conseguiu. Em seguida procurou a unidade da Polícia Militar.

Na estrada do trajeto até a propriedade da vítima foi encontrada uma árvore tombada para dificultar a passagem de veículos. Na sexta-feira, os policiais foram até o local e encontraram munições e cápsulas, um pedaço de relógio, uma máscara de tecido e vestígios de sangue.

A Polícia Civil solicitou apoio do Corpo de Bombeiros de Juína para ajudar nas buscas, pois a região é de mata densa e bastante extensa.

O delegado Joao Antônio Ribeiro Torres explicou que além das buscas, outras diligências estão em andamento para apurar as circunstâncias do desaparecimento do casal. 

Leia mais:  Polícia Civil entrega armamentos para unidade especializada e anuncia nova sede para GCCO

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Polícia Civil cumpre mandados em operação de repressão a crimes de roubos em Barra do Garças

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Oito mandados judiciais de combate a crimes de roubos em Barra do Garças (509 km a leste de Cuiabá), foram cumpridos pela Polícia Civil nesta quarta-feira (12.05), na operação “Hurricane” da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

Na ação, foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão domiciliares e três mandados de prisão preventiva, Resultando na prisão preventiva de um suspeito e na apreensão de vários objetos relacionados aos roubos em investigação.

Conforme o delegado da Derf-Barra do Garças, Joaquim Leitão Júnior, a operação foi bem-sucedida pois além dos cumprimentos parciais das ordens judiciais expedidas pela Justiça, houve a obtenção dos demais elementos informativos e provas que subsidiarão as diligências investigativas em curso.

A operação foi chamada de “Hurricane“ que significa furacão em inglês, em alusão ao esforço e ao empenho incansável dos policiais civis visando o esclarecimento e a repressão aos crimes patrimoniais de roubos em Barra do Garças.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil entrega armamentos para unidade especializada e anuncia nova sede para GCCO
Continue lendo

POLICIAL

Suspeito de agredir esposa durante a noite é preso pela Polícia Civil após sair para trabalhar na manhã seguinte

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito de agredir a companheira por ciúmes foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na terça-feira (11.05), em rápida ação realizada pela equipe de Delegacia de Vila Bela da Santíssima Trindade (521 km a oeste de Cuiabá. O suspeito, de 22 anos, foi localizado na manhã seguinte ao crime, após ter deixado a vítima sozinha em casa com vários hematomas, a proibindo de sair.

As agressões ocorreram na noite de segunda-feira (10) na residência do casal na comunidade “Pé de Galinha”, a cerca de 20 quilômetros da área urbana da cidade. No local, os policiais encontraram a vítima com vários hematomas no rosto e demais partes do corpo, sendo a vítima imediatamente encaminhada para o hospital, para atendimento médico.

Segundo as informações, o suspeito agrediu a vítima por volta das 21 horas e na manhã seguinte saiu para trabalhar, deixando a companheira sozinha em casa, dizendo que se ela saísse ele a mataria.

Após o suspeito deixar a residência, a vítima foi procurar ajuda na casa de um vizinho que acionou a Polícia. Imediatamente após a constatação dos fatos, os policiais da Delegacia de Vila Bela da Santíssima Trindade iniciaram as diligências, conseguindo localizar o suspeito logo em seguida.

Questionado, ele confessou os fatos e disse que as agressões contra a companheira foram motivadas por ciúmes, após ver uma troca de mensagens da sua esposa com o ex-marido.

Diante das evidências, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Vila Bela da Santíssima Trindade, onde após ser interrogado pelo delegado João Paulo Berté, foi autuado em flagrante por lesão corporal  e ameaça no âmbito da Lei Maria da Penha.

Fonte: PJC MT
Leia mais:  Polícia Civil cumpre mandados em operação de repressão a crimes de roubos em Barra do Garças

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana