conecte-se conosco


ENTRETENIMENTO

Rainha Elizabeth II completa 95 anos em momento conturbado

Publicado


source
Rainha Elizabeth II vestindo o luto por seu marido e consorte real, o príncipe Philip, velado no último final de semana
Getty Images

Rainha Elizabeth II vestindo o luto por seu marido e consorte real, o príncipe Philip, velado no último final de semana

A rainha Elizabeth completa 95 anos nesta quarta-feira, 21, quando são feitos 21 disparos de canhões em sua homenagem. Entretanto, a comemoração oficial só será realizada em junho, com um grande desfile. A tradição remonta ao século 17 e a razão é prática: o tempo costuma estar melhor em junho e, assim, mais expectadores podem ver a comitiva passar. Tradição e pragmatismo são dois eixos que regem o reinado de Elizabeth. E, neste momento ruim para comemorações, após o  velório do príncipe Philip e as polêmicas com Harry e Meghan , não seria diferente. O aniversário da rainha acontece em momento delicado, após a morte do marido consorte real e príncipe do Reino Unido, Philip Mountbatten, que foi velado no último de semana; além da polêmica (apelidada de Megxit) com o neto Harry e a mulher dele, Meghan, que se afastaram das atividades reais e deram uma entrevista, recentemente, à apresentadora Oprah, revelando que a família da rainha estava criticando a cor da pele do filho do casal . Definitivamente, é um mau momento para celebrações.

O portal Daily Mirror chegou a classificar a situação como a “pior crise da monarquia desde a abdicação de Edward VIII, tio de Elizabeth, em 1936. O The Guardian comparou com a morte de Lady Di, em 1997. Os anos difíceis não foram poucos, mas a rainha está acostumada a superar os problemas para manter a monarquia viva. Desta vez, os especialistas estão divididos: alguns acreditam que Elizabeth vá abdicar do trono após esses últimos fatos e também por sua elevada idade. Os boatos sobre isso já crescem há dois anos. “Estou convencido de que a rainha dará um passo atrás”, afirma Robert Jobson, colunista do London Evening Star, jornal tradicional inglês. Mesmo assim, a maioria ainda acredita que ela nunca vai abdicar do trono porque a monarquia não deve correr riscos. As pesquisas no Reino Unido apontam que apenas 20% dos britânicos se definem como republicanos, mas se o filho dela, o príncipe Charles, 72 (primeiro na linha sucessória), quem o povo condissera um elo fraco, herdar o trono, isso poderia indicar uma mudança nas pesquisas e tendências – segundo a revista XL Semanal, líder na Espanha.

Camila, Duqueza da Cornualha, Príncipe Charles, Elizabeth II, falecido príncipe Philip, príncipe William e Kate Middleton, Duquesa de Cambridge
Reprodução

Camila, Duqueza da Cornualha, Príncipe Charles, Elizabeth II, falecido príncipe Philip, príncipe William e Kate Middleton, Duquesa de Cambridge

A relação entre o príncipe Charles e sua mãe sempre distante e até ruim, mas isso melhorou um pouco nos últimos tempos. Em novembro de 2020, quando ele completou 72 anos, os dois riram abertamente em público juntos e, também por isso, a imprensa britânica passou a falar da possibilidade de abdicação. Dona do maior reinado da história, com 70 anos de duração, Elizabeth II subiu ao trono em 1952, com 25 anos da idade. Desde muito jovem, aprendeu a não se lamentar pelas obrigações e nem sair da linha. XL Semanal comenta, em matéria especial sobre o aniversário da rainha, que já ocorreram muitos escândalos envolvendo a família real e com consequência da saída de alguns membros, sejam eles de sangue azul ou não. Antes de Harry e Meghan , havia sido o príncipe Andrew, apontados por muitos como o filho favorito da rainha, após a imprensa comentar sobre sua amizade com Jeffrey Epstein, envolvido em um escândalo sexual. Tanto Harry quanto Andrew deram entrevistas televisivas bombásticas. E a reação da rainha foi a impavidez, se mantendo estável e firme.

Elizabeth II e Susan
Getty Images

Elizabeth II e Susan

Elizabeth tem sido firme por toda a sua vida. Sempre fiel à sua maneira de ser, a rainha teve 30 cachorros da mesma raça, corgi , todos descendentes da primeira, Susan, que recebeu de presente do pai quando completou 18 anos; usou a mesma marca de sapatos, comeu o mesmo cereal durante décadas e tomou o mesmo drink (dubonnet com gin) durante décadas. Uma das maiores marcas britânicas é a presença da rainha, que tem trabalhado em agendas anuais de, pelo menos, 200 aparições. Segundo depoimento da mulher do príncipe Andrew, Sofia, a rainha inclusive escolhe usar roupas coloridas para ajudar a conquistar a atenção dos súditos. “Precisa ter certeza de que as pessoas vão vê-la. Quando ela vai a algum lugar, sempre há multidões e as pessoas querem ver pelo menos um pedacinho do chapéu da rainha”, disse Sofia. Elizabeth tem 1,63 de altura. Muitos ingleses acreditam que a rainha pensa que, depois de todos os ocorridos, deve uma coroação ao seu filho, Charles, mesmo acreditando que o ideal seria um reinado curto, quase um parêntese, antes do reinado de William, filho de Charles e Lady Di e segundo na linha sucessória. William e Kate Middleton já representam o que muitos quiseram ver em Charles e Diana, um casal moderno e exemplar , capaz de garantir a continuidade e a sobrevivência da monarquia. Não por acaso foi William que se pronunciou para defender a honra da família real após a entrevista de Harry e Meghan para Oprah , quando comentaram questões de racismo na família.

Leia mais:  Kerline vaza áudio de Karol Conká e web aponta indireta a Rafa Kalimann
Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
publicidade

ENTRETENIMENTO

Paulo Gustavo: ator será cremado em cerimônia para família

Publicado


source
Paulo Gustavo, ator e humorista
Reprodução Instagram

Paulo Gustavo, ator e humorista

O corpo do ator e humorista Paulo Gustavo será cremado nesta quinta-feira, em cerimônia restrita para família e alguns amigos. Por causa da pandemia, a hora e local não foram divulgados para evitar aglomerações. Paulo Gustavo morreu na noite de terça-feira, aos 42 anos, por complicações de Covid-19 . Ele ficou 53 dias internado em um hospital da Zona Sul do Rio.

Foi cogitado que o velório, também fechado, acontecesse no Theatro Municipal do Rio, mas, a pedido da família , o evento não foi realizado. Os fãs puderam se despedir e homenagear o humorista com um aplausaço na noite de quarta-feira, marcado pelas redes sociais. Brasileiros de diversas cidades do Brasil – principalmente Niterói, onde ele nasceu – celebraram a vida do ator com palmas nas janelas. Thales Bretas , marido do ator, registrou homenagens:

“Foi tão lindo e emocionante! Como todos te amam! Eu sempre vou te amar, por toda a minha vida”, escreveu ele.

Paulo travou uma longa batalha contra a doença desde a sua internação, no dia 13 de marçoo. No dia 2 de abril, seu estado de saúde se agravou e a equipe médica decidiu iniciar terapia por ECMO (Oxigenação por Membrana Extracorpórea), que funciona como um pulmão artificial.

Ele estava intubado desde o dia 21 de março e vinha apresentando melhoras discretas em seu quadro. Entre domingo e segunda-feira, porém, o ator teve sua situação agravada em decorrência de uma fístula bronquíolo-venosa, que permitiu a passagem de bolhas de ar na corrente sanguínea, causando uma embolia, incluindo o sistema nervoso central.

Leia mais:  Kerline vaza áudio de Karol Conká e web aponta indireta a Rafa Kalimann

Você viu?

Nas últimas semanas, amigos, familiares e fãs do comediante se mobilizaram na torcida pela sua recuperação. O marido de Paulo Gustavo, o médico Thales Bretas, fez um desabafo em seu perfil no Instagram, afirmando que estava passando por “dias difíceis” e pedindo orações para o comediante. Nos comentários, ele recebeu muitas palavras de apoio de artistas como Larissa Manoela, Bruna Marquezine, Monique Alfradique, Giovanna Lancellotti e Ludmila Dayer.

A morte foi confirmada pela assessoria do ator, na noite de terça-feira (4). Paulo Gustavo deixa o marido, Thales Bretas, com quem era casado desde dezembro de 2015, e dois filhos, Romeu e Gael, de um ano e oito meses.

Homenagem em Niterói

Nascido e criado em Niterói (RJ), Paulo Gustavo pode ganhar uma homenagem da cidade, proposta pelo prefeito Axel Grael. Em uma publicação no Instagram, Grael diz ter decidido abrir uma consulta pública para ouvir a população sobre a troca do nome da Rua Coronel Moreira César, no bairro de Icaraí, para Rua Paulo Gustavo.

“A genialidade e o amor de Paulo Gustavo por Niterói marcaram sua trajetória. Nada mais justo do que a cidade retribuir demonstrando toda a admiração por seu trabalho e a dor que sentimos neste momento”, diz Axel Grael.


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

Porteiro de Paulo Gustavo: “Nunca deixou de receber fãs na portaria”

Publicado


source
Porteiro de Paulo Gustavo
Reprodução Instagram

Porteiro de Paulo Gustavo

Paulo Gustavo, que morreu por conta da Covid-19  na terça-feira (04), morou até seus 35 anos em um apartamento em Niterói, no Rio de Janeiro. O porteiro Cristino da Silva revelou que o artista nunca deixava de receber os admiradores na porta do edifício.

“Ele era sempre divertido, alegre e carismático no tratar com as pessoas. Uma pessoa simples, comum. Ficamos muito tristes com a partida dele. A portaria ficava lotada de fãs e ele atendia todo mundo na medida do possível porque nunca estava em casa”, disse Cristino da Silva à revista Quem. 

Após o casamento com Thales Bretas,  Paulo Gustavo se mudou para a Zona Sul do Rio, na Praia de Icaraí. Entretanto, o porteiro não esquece que enquanto morava em Niterói, o ator não ficava muito tempo só.

“Ele morava no nono andar e foi o último lugar que ele morou em Niterói. O apartamento tem quatro quartos, é bem grande porque são dois por andar. Mas ele nunca estava sozinho. A casa vivia sempre muito cheia. A Samantha Schmutz era uma que estava sempre com ele. Ele não fazia barulho, era superdiscreto, politicamente correto”, comentou o funcionário .

“Em 2015, a Xuxa passou aqui na portaria com uma câmera nas costas, dizendo que ia fazer uma entrevista e era a Xuxa que estava com a câmera e eu não percebi. Ela estava disfarçada. Dona Déa não sabia de nada, mas ela seria a entrevistada do dia”, continuou ele.

Na última terça-feira (04), Paulo Gustavo morreu por conta de complicações da Covid-19. Ele deixou o marido, Thales Bretas, e dois filhos. A cidade de Niterói declarou luto de três dias em homenagem a ele. Ao falar sobre a morte do ator, o porteiro encerra. “Ele era uma pessoa simples, amiga, generosa. Vai fazer muita falta”.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana