conecte-se conosco


POLICIAL

Polícia Civil prende padrasto por homicídio e ocultação de cadáver de adolescente desaparecido em Paranatinga

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Paranatinga solucionou o crime de homicídio e ocultação de cadáver que vitimou o adolescente Kauã Vinícius de Jesus Dourado, de 17 anos, que estava desaparecido desde o dia 1º de abril no município.

 As investigações levaram a prisão o padrasto da vítima que diante das evidências, confessou o crime. O corpo do adolescente foi localizado na quinta-feira (07.04) enterrado em uma região de mata na saída da cidade de Paranatinga.

Após o registro do boletim de ocorrência de desaparecimento de Kauã, imediatamente a equipe da Polícia Civil iniciou as investigações para localização da vítima. Segundo as informações iniciais, o adolescente havia sido deixado pelo padrasto na praça central da cidade, na tarde de 1º de abril, onde iria comprar uma motocicleta.

Os primeiros trabalhos investigativos apuraram o envolvimento do adolescente com alguma facção criminosa que pudesse ter praticado o crime, porém a teoria não foi confirmada.

Após várias diligências investigativas, oitivas de familiares, os policiais de Paranatinga  identificaram como principal suspeito o padrasto da vítima  e após técnicas de interrogatório conseguiram com ele entregasse o local em que ele enterrou o corpo da vítima, que foi localizado na quinta-feira (07.04).

O adolescente foi enterrado em área de zona rural, cerca de 20 km de distância da cidade, saída da bica d’água, sentido Nova Mutum. Para praticar o crime, o padrasto conduziu a vítima até o local, efetuou disparos de arma de fogo e em seguida enterrou o corpo em local de mata.

Estelionato

A equipe de investigação aponta que este foi um caso de difícil solução uma vez que a todo momento surgiam novas hipóteses sobre o que poderia ter acontecido com adolescente, passando por situações de envolvimento com organizações criminosas e sequestro.

Leia mais:  Ação integrada apreende 360 kg de entorpecentes em Vila Bela da Santíssima Trindade

Ao longo da semana, uma associação criminosa de estelionatários entrou em contato com a família da vítima, simulando um sequestro, alegando que o adolescente estaria com eles e que seria necessário o depósito do valor de R$ 2 mil para que ele fosse libertado.

Para comprovar o sequestro, a quadrilha apresentou uma foto falsa, com as mesmas características da vítima, aumentando ainda mais a confusão quanto a autoria delitiva.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Suspeitos de latrocínio de empresário em Colíder são presos em flagrante pela Polícia Civil

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Colíder prendeu em flagrante nesta quinta-feira (22) dois suspeitos de envolvimento no latrocínio de Osvaldo Sansão Suniga, 66 anos, ocorrido nesta quarta-feira (21.04, na cidade do norte mato-grossense.

O crime comoveu o município, onde a vítima era um dos pioneiros. Osvaldo foi morto após dois suspeitos invadirem a residência onde morava com sua esposa. A testemunha, em estado de choque, informou aos policiais que ao acordar pela manhã foi para a cozinha e a vítima ficou no quarto, quando ela avistou duas pessoas no quintal da casa, ambas com máscara facial e de boné e um portava arma de fogo. A mulher de Osvaldo correu apara avisá-lo e quando ambos retornaram à cozinha se depararam com os suspeitos forçando a porta de entrada.

O casal correu de volta para o quarto e enquanto a vítima tentava fechar a porta do quarto, os suspeitos a impediram e entraram em luta corporal com Osvaldo, o agredindo e fazendo um disparo em seguida. A dupla fugiu da residência levando um celular smartphone da vítima.

A Delegacia de Colíder iniciou as diligências para localizar os autores do crime e com informações do celular roubado chegaram aos dois suspeitos.

O adulto de 23 anos e o adolescente de 15 anos foram encaminhados à unidade da Polícia Civil, onde estão sendo ouvidos pela delegada Paula Gomes Araújo.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Atendimento na Central de Ocorrências de Cuiabá é suspenso devido a rompimento de cabo de fibra ótica na região da Prainha
Continue lendo

POLICIAL

Policiais civis prendem em flagrante autor de roubo contra profissional do sexo

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Policiais da Delegacia de Roubos e Furtos de Várzea Grande prenderam em flagrante na noite de quarta-feira (21.04) um homem que roubou e agrediu uma mulher de 22 anos. A vítima procurou a delegacia e relatou aos policiais que é profissional do sexo e na noite anterior foi abordada na região do Zero Quilômetro, quando um homem em um veículo Renault Kwid branco que simulou ser cliente e a contratou para um programa.

Quando a vítima embarcou no veículo, o suspeito desviou o trajeto e entrou em uma viela de chão, próxima a um motel da região. A vítima o indagou se ele não era da cidade e o suspeito informou a ela que havia acabado de sair de uma unidade prisional, quando a mulher então se assustou. Nesse momento, o suspeito encostou uma arma de fogo na vítima e anunciou o roubo, a ordenando que entregasse a bolsa e o celular e descesse do carro.

Após entregar seus pertences e dinheiro que tinha na bolsa, a vítima decidiu conseguir uma prova que demonstrasse o crime e seguiu até a delegacia, com imagens da placa do veículo.

Em posse das imagens, a equipe realizou diligências para identificar o suspeito e conseguiu prendê-lo ainda na noite de segunda-feira. No momento da abordagem, o suspeito conduzia o mesmo veículo com o qual abordou a vítima.

A equipe da DERF também conseguiu imagens de quando o veículo do suspeito entrou na cidade de Várzea Grande pela Rodovia Mário Andreazza. Ele alegou em depoimento que veio à cidade para trabalhar como motorista de corrida por aplicativo. Em consultas aos sistemas policiais, os investigadores constataram que ele tem registros criminais pelas práticas de furto, ameaça, lesão corporal, injúria e expor a perigo a integridade e a saúde, física ou psíquica de idoso, bem como desviar bens de propriedade de pessoa idosa.

Leia mais:  Homem é preso com drogas, chips e aparelhos celulares que seriam arremessados para dentro da Cadeia Pública de Cáceres

Após ser ouvido pela delegada Elaine Fernandes, o suspeito foi autuado em flagrante por roubo majorado por empego de arma de fogo. Depois dos procedimentos policiais, ele foi conduzido à unidade prisional do Capão Grande.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana