conecte-se conosco


POLICIAL

Polícia Civil prende padrasto e apreende primo que abusavam sexualmente de vítima em Poconé

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Poconé (104 km ao sul de Cuiabá) colocou fim ao sofrimento de uma menina de 8 anos que era abusada sexualmente pelo padrasto e pelo primo. Nesta semana, o suspeito de 20 anos teve o mandado de prisão preventiva comprido, assim como o adolescente, de 14 anos foi apreendido.

As investigações iniciaram na segunda-feira (19.04), após a equipe da Delegacia de Poconé receber a comunicação de uma situação de estupro de vulnerável, em que o adolescente abusou sexualmente da prima. Segundo as informações passadas pelo Conselho Tutelar, também havia indícios que há algum tempo, a menina vinha sofrendo abusos praticados pelo padrasto.

O caso veio à tona, após o adolescente (primo da vítima) ser flagrado por familiares abusando da menor. Durante conversa com criança, ela também revelou que sofria constante abusos sexuais praticados pelo padrasto.

Diante da gravidade da situação, iniciou-se o trabalho de oitiva das partes envolvidas e familiares, além de outros procedimentos que confirmaram os abusos sofridos pela criança. De acordo com as investigações, o padrasto tratava a menina de forma diferente das outras crianças e tinha ciúmes da vítima.

Os abusos eram praticados durante a noite enquanto as demais pessoas na casa dormiam, assim como em outros momentos que ele criava para ficar sozinho com a menor.

Com base nos elementos colhidos, o delegado Maurício Maciel Pereira Junior representou pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, o qual foi decretado pela Justiça e cumprido pela equipe da Delegacia de Poconé.  

“Em uma semana, foi o segundo caso de abuso sexual infantil que chega à Delegacia de Poconé. Podemos dizer que não é um incremento  do número de casos, mas sim, o efeito da ação da Polícia, do Conselho Tutelar e divulgação feita de maneira adequada que faz com que essas ocorrências venham a tona. É repulsivo o tanto de casos como este que ocorrem e não chegam ao conhecimento das instituições competentes”, disse o delegado.

Leia mais:  Segunda incineração do ano destrói três toneladas de entorpecentes

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Polícia Civil recupera veículo de vítima roubada em frente à escola da filha em Várzea Grande

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um veículo Hyundai HB-20 roubado no momento em que a vítima deixava a filha na escola foi recuperado pela Polícia Civil, na sexta-feira (07.05), durante diligências realizadas pelos policiais da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (DERFVA).

O crime ocorreu na manhã da quinta-feira (06) na porta de uma escola infantil em Várzea Grande, quando a vítima foi deixar a filha e foi abordada por dois criminosos armados que anunciaram o assalto. A vítima foi empurrada no chão pelos suspeitos que levaram o seu aparelho celular e o veículo HB-20.

Assim que recebeu a comunicação do roubo, a equipe de investigadores da DERFVA iniciou as diligências e durante os trabalhos, conseguiu localizar o veículo da vítima em uma residência no bairro Costa Verde em Várzea Grande.

Segundo as investigações, a residência foi locada por criminosos com o fim de esconder veículos produto de roubos/furtos, sem nenhum sinal de habitação no local. Em buscas na casa, os policiais encontraram o documento de outra vítima de roubo de veículo.

O automóvel HB-20 foi levado para a DERFVA para as providências cabíveis e posteriormente devolvido à vítima. As investigações seguem em andamento para identificar e prender os envolvidos no crime.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Homem é preso pela Polícia Civil com cestas básicas desviadas de programa do Governo do Estado
Continue lendo

POLICIAL

Polícia Civil cumpre prisão de foragida de Rondônia que utilizava nome falso

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma mulher considerada foragida da Justiça de Rondônia pelos crimes de tentativa de homicídio e cárcere privado  teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil de Mato Grosso, na quarta-feira (05.05), em ação realizada no município de Campos de Júlio (553 km a nordeste de Cuiabá).

A suspeita de 34 anos estava utilizando identidade falsa para não ser descoberta pela Polícia. As investigações que levaram a verdadeira identidade da suspeita iniciaram após ela ser presa pela Polícia Militar por envolvimento em uma tentativa de homicídio, ocasião em que se apresentou com o nome falso de “Marta da Silva”.

Depois que de conduzida à delegacia, os investigadores iniciaram as diligências para realizar a investigação social da suspeita, conseguindo descobrir que ela havia se apresentando com o nome falso, pois era considerada foragida do estado de Rondônia, tendo rompido a tornozeleira eletrônica que realizava o seu monitoramento.

Com base no levantamento, a equipe da Polícia Civil de Campos de Júlio entrou em contato com os policiais penais de Rondônia e após troca de informações foi confirmado a verdadeira identidade da suspeita, que estava com o mandado de prisão decretado pela Justiça pelos crimes de tentativa de homicídio e cárcere privado ocorridas na cidade de Chupinguaia-RO.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil cumpre prisão de foragida de Rondônia que utilizava nome falso
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana