conecte-se conosco


MATO GROSSO

Governo ajuda a construir nova história para a educação de Cuiabá

Publicado


O Governo do Estado entrega, neste mês de abril, o novo prédio da Escola Estadual Dr. Mário de Castro, localizada no bairro Pedra 90, em Cuiabá. Como presente para os cuiabanos, também será inaugurada a reforma e ampliação da Escola Estadual Hermelinda de Figueiredo, no bairro Coophema.

No caso da escola do Pedra 90, a obra foi retomada pela atual gestão em agosto de 2019 e se torna referência para todo o Estado. Com investimentos de R$ 7.831.454,23, recursos próprios do Estado, a escola começa a construir uma nova história da educação para os moradores da região.

Criada pelo decreto 1.809 de 18 de agosto de 1992, ela nasceu junto com o bairro. Hoje mais de 100 mil moradores moram na regioão, que se transformou. De um bairro periférico, com altos índices de violência, hoje o Pedra 90 tem outra realidade. Comércio próprio, mais seguro, praticamente independente da região central da capital.

É neste contexto que é inaugurado o novo prédio da EE Dr. Mário de Castro, que no nome homenageia o médico Mário de Castro, que dedicou sua vida à saúde e à educação.

“A escola Mário de Castro vai ser referência tanto em infraestrutura como na área pedagógica, dando um grande passo na educação, pois será a primeira a implantar o método pedagógico Profissão 4.0, que visa preparar o estudante para o mercado de trabalho atual. Nossas expectativas são as melhores e vamos continuar investindo para que o nível de aprendizagem de nossos estudantes seja cada vez melhor”, destacou o secretário de Educação de Mato Grosso, Alan Porto.

Por meio do Programa 4.0, os estudantes terão acesso a conhecimentos teóricos de tecnologia em cursos rápidos e ainda terão equipamentos para colocar em prática o que aprenderem, com aplicações de designer em computador e impressão de protótipos. Também vão aprender sobre robótica, terão aulas de inglês e informática.

Leia mais:  Procon-MT divulga calendário da sessão de julgamento da Turma Recursal

O prédio representa muito mais do que um espaço adequado para a educação. Oferece também uma ampla área para o esporte e desenvolvimento de atividades culturais.

E neste ponto vem novamente atender uma grande demanda da região, de ofertar lazer e esporte aos inúmeros adolescentes e jovens.

A nova sede tem 1.700 alunos matriculados. São 16 salas de aula, laboratórios de física e química, sala do Profissão 4.0, sala de professores, sala de reuniões, secretaria, coordenação e diretoria.

O prédio ainda possui uma ampla cozinha e refeitório e uma quadra poliesportiva com modelo referência, com vestiários feminino e masculino.

Reformadas e ampliadas

Outras grandes obras do governo, na área de educação, em Cuiabá, são as reformas e ampliações das Escolas Estaduais Hermelinda de Figueiredo, no bairro Coophema, e Cleinia Rosalina de Souza, no Residencial Itamarati.

Na EE Hermelinda de Figueiredo, além da reforma geral, um novo bloco foi construído, além do refeitório. Com arquitetura moderna, com total acessibilidade, professores e alunos vão se surpreender quando puderem retornar.  

Foram investidos R$ 2.725.705,50 e a unidade passa a contar com nove salas de aula, além de laboratórios e demais dependências.

Na EE Cleinia Rosalina de Souza foram mais R$ 2.869.791,36 de investimentos. A reforma, que já está na reta final, contemplou 22 salas, divididas em três pavilhões, sendo 14 salas de aula, laboratórios de química, biologia, física e matemática, sala multifuncional, biblioteca, cozinha, refeitório, coordenação, sala dos professores, banheiros, além da parte administrativa.

Foi a primeira reforma desde a construção da escola, na década de 1980.

Manutenção preventiva

Cuiabá teve 20 escolas beneficiadas com manutenção preventiva e corretiva que incluem reparos, adequação e revisão dos telhados, cobertura e forro, banheiros, reparos na parte elétrica e hidráulica, serviços de pintura, troca de pisos, janelas e portas, entre outros. Neste valor não estão incluídas as reformas gerais e as novas obras.

Leia mais:  MP destaca economia de R$ 218 milhões em licitações da Sinfra e arquiva inquérito

A Escola Estadual Antônio Epaminondas, no bairro Lixeira, foi a que recebeu o maior investimento na Capital, no total de R$ 385.555,71.

Houve manutenção nos banheiros, com troca de sanitários e chuveiros, ampliação da biblioteca e adequação de algumas salas, como laboratório de ciências e sala dos professores, além de pintura e acessibilidade para alunos com deficiências. O forro e o telhado também tiveram manutenção, assim como vidros quebrados foram trocados.

Com segundo maior investimento em manutenção, em 2020, na Capital, está a Escola Estadual Djalma Ferreira de Souza. Foram R$ 329.727,71 aplicados em melhorias do prédio.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

STJ atende recurso do Governo de MT e mantém competência da Vara Especializada da Saúde Pública

Publicado


O ministro Og Fernandes, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), acolheu questão de ordem proposta pelo Governo de Mato Grosso para manter a Vara Especializada da Saúde Pública do Estado como unidade para julgar e processar casos afetos à saúde pública. 

A decisão é do dia 14 de abril e determina que os processos ajuizados pelas partes originariamente na 1ª Vara Especializada da Fazenda Pública da Comarca de Várzea Grande continuem tramitando normalmente. 

No recurso, o Governo de Mato Grosso solicitou esclarecimento sobre a extensão de uma medida liminar.

Conforme o ministro, somente as ações que não eram originárias na Vara da Saúde devem ser redistribuídas. “Não há qualquer determinação na medida liminar no que tange aos processos ajuizados pelas partes originariamente na 1ª Vara Especializada da Fazenda Pública da Comarca de Várzea Grande/MT, os quais, portanto, poderão prosseguir normalmente no referido juízo, até determinação ulterior”, escreveu Og Fernandes, em trecho da decisão. 

O ministro estabeleceu, ainda, a imediata suspensão dos processos sobre o tema que estejam em tramitação ou propostos nas várias comarcas e juizados especiais do Estado, até que o  Incidente de Assunção de Competência seja julgado em definitivo, caso o fundamento, expresso ou implícito, seja ato administrativo do TJMT, independentemente da matéria ou dos sujeitos envolvidos.

O STJ determinou, por fim, que os feitos redistribuídos com fundamento nessa norma retornem temporariamente aos juízos de origem, inclusive no que diz respeito ao julgamento de mérito.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Segunda-feira (19): Mato Grosso registra 344.792 casos e 9.168 óbitos por Covid-19
Continue lendo

MATO GROSSO

Segunda-feira (19): Mato Grosso registra 344.792 casos e 9.168 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta segunda-feira (19.04), 344.792 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 9.168 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 1896 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 344.792 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 10.992 estão em isolamento domiciliar e 322.617 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 514 internações em UTIs públicas e 458 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 95,90% para UTIs adulto e em 57% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (73.237), Rondonópolis (25.643), Várzea Grande (22.608), Sinop (18.139), Sorriso (12.336), Tangará da Serra (11.464), Lucas do Rio Verde (11.051), Primavera do Leste (9.807), Cáceres (7.364) e Alta Floresta (6.510).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 305.351 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 592 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

No domingo (18), o Governo Federal confirmou o total de 13.943.071 casos da Covid-19 no Brasil e 373.335 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 13.900.091 casos da Covid-19 no Brasil e 371.678 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta segunda-feira (19).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Leia mais:  Mato Grosso terá Centro de Línguas Ameríndias

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana