conecte-se conosco


ESPORTES

Gol de Rivellino garante título da Taça Guanabara de 1975

Publicado


Assim como no ano anterior, em 1975, Fluminense e América ficaram empatados na classificação da Taça Guanabara. A igualdade tornou necessário jogo extra entre as equipes para decidir o campeão do torneio. Foi o reencontro dos finalistas da edição de 1974, vencida pelo adversário.

Em 27 de abril de 1975, a decisão atraiu quase 100 mil pessoas. Com Rivellino como líder e Paulo Emílio como técnico, o clube levou a campo, no Maracanã, a icônica Máquina Tricolor. A escalação tinha, ainda, os jogadores Félix, Toninho, Silveira, Edinho, Marco Antônio, Zé Mário, Kleber, Gil, Manfrini e Zé Roberto.

Após 0 a 0 em duelo duríssimo nos primeiros 90 minutos, a definição do vencedor ficou para a prorrogação, quando brilhou a estrela de Riva. Bráulio, do América, colocou a mão na bola em disputa com Marco Antônio e provocou falta para o Flu.

O camisa 10 do Time de Guerreiros chamou a responsabilidade. Da intermediária, Rivellino soltou a clássica “patada atômica” e, finalmente, abriu o placar para os tricolores, garantindo seu primeiro título por um time.

A bola chegou a resvalar na barreira, mas ganhou altura e tirou qualquer chance do goleiro. Foi a 4ª vez que o Fluminense ergueu o troféu da Taça Guanabara. Ainda em 1975, o clube se sagrou campeão carioca.

Fotos: Flu-Memória

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Leia mais:  Flamengo realiza último treino antes de encarar o Volta Redonda
publicidade

ESPORTES

Internacional treina para duelar com Juventude valendo vaga na final

Publicado


É decisão! O Clube do Povo tem pela frente o Juventude, no estádio Beira-Rio, valendo uma vaga na final do Campeonato Gaúcho. A bola vai rolar às 19h deste sábado (8/5) e o Colorado precisa reverter a desvantagem de 1 a 0 da partida de ida, realizada em Bento Gonçalves.

A preparação para o jogo foi encerrada na tarde desta sexta-feira (7/5), no CT Parque Gigante. O treinador Miguel Ángel Ramírez comandou um trabalho tático e projetou o time que entrará em campo na semifinal do Estadual. O comandante não poderá contar com Taison, que não está inscrito na competição, além de Patrick e Guerrero, lesionados.

O Colorado necessita vencer o Juventude por no mínimo dois gols para conquistar a classificação para a final. O resultado positivo por um gol de diferença leva o confronto para os pênaltis, lembrando que não há saldo qualificado.

A Rádio Colorada e as redes sociais do Clube acompanham todos os detalhes do duelo em tempo real.

Comentários Facebook
Leia mais:  América estreia no Brasileirão Sub-17, contra o Botafogo, neste sábado
Continue lendo

ESPORTES

América estreia no Brasileirão Sub-17, contra o Botafogo, neste sábado

Publicado


Tudo pronto! Neste sábado, a equipe Sub-17 do América encara o Botafogo-RJ na estreia no Campeonato Brasileiro da categoria. A partida será às 16h, no Sesc Venda Nova, local onde a equipe americana vem se preparando com os treinamentos presenciais desde o início do ano.

Na última temporada, a categoria treinou de forma remota por alguns meses, o mesmo período de paralisação das competições de base. Na retomada do calendário, o Coelhãozinho Sub-17 disputou o Campeonato Brasileiro, sendo porém eliminado na fase classificatória.

Já na atual temporada, as atividades presenciais se iniciaram em fevereiro deste ano. Durante a preparação, foram anunciadas três alterações no calendário do Brasileirão Sub-17 por parte da CBF.

Com isso, ao longo de três meses de pré-temporada, os atletas do Coelhãozinho receberam uma preparação especial para retornar às competições, já que tiveram o processo de formação comprometido devido à pandemia de Covid-19. Durante o período de preparação, os atletas passaram por testes físicos e demais exames médicos e fisiológicos no CT Lanna Drumond, além de trabalhos na academia para ganho de força e resistência e os trabalhos técnicos e táticos nos gramados do Sesc Venda Nova.

Com a proximidade da estreia, os trabalhos da equipe nessa última semana voltaram-se para atividades estratégicas com foco no estudo do adversário e ajustes individuais no desempenho de cada atleta.

O técnico Guilherme Nascimento acredita que a longa pré-temporada do time americano aumentou as expectativas para o campeonato. “Nossa meta é muito clara: estar entre os 4 melhores do nosso grupo. Será uma tarefa difícil, mas com as condições que o América oferece para o seu departamento de base, e com o elenco potente que temos à disposição, acreditamos que as chances de atingir o nosso objetivo são muito boas”, comenta.

Leia mais:  Flamengo realiza último treino antes de encarar o Volta Redonda

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana