conecte-se conosco


CUIABÁ

Diretoria alerta para crescimento exponencial em casos de maus-tratos de animais; 2021 soma 300 denúncias em 3 meses

Publicado


Ilustração

Clique para ampliar

Um cálculo feito com base em informações da Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que Cuiabá tenha cerca de 14 mil animais abandonados. Os casos de abandono e maus-tratos vem aumentando gradativamente desde 2018 e se intensificaram em 2020 com a pandemia da COVID-19. Em 2021, a média registrada na Diretoria de Bem-estar Animal foi de 98 denúncias por mês no primeiro trimestre, o dobro da média mensal dos anos de 2018 e 2019.

O cálculo da OMS funciona da seguinte forma: em cidades de grande porte, calcula-se que para cada cinco habitantes há um cachorro. A partir desta projeção, em Cuiabá, uma cidade de 700 mil habitantes, teríamos então 140 mil animais domésticos. Deste montante, a estimativa é de que 10% deles estejam abandonados, ou seja, na realidade de Cuiabá, teríamos 14 mil animais abandonados.

“A pandemia deixou as pessoas inseguras, muitos perderam o emprego e acredito que isso tenha contribuído para o aumento nos casos de abandono de animais. Mas aumentaram também os casos de maus-tratos, temos encontrado muitos animais acorrentados, doentes, machucados, situações causadas por falta de cuidado e responsabilidade dos tutores mesmo. Estamos trabalhando em parceria com a Delegacia de Meio Ambiente (Dema), que é quem conduz a investigação contra os tutores nos casos necessários, para realmente punir esse tipo de atitude que é um crime de acordo com a legislação”, explica a diretora da Bem-estar Animal, Daniele Saad.

Abril é o mês de da prevenção contra a crueldade animal e a Diretoria de Bem-estar faz o alerta para o aumento nos casos no município. O levantamento da Diretoria aponta um crescimento no número de denúncias e animais resgatados ano a ano. Em 2018, primeiro ano de funcionamento do órgão, foram contabilizadas 513 denúncias, uma média de 42 por mês e 117 animais resgatados.

Leia mais:  Cuiabá abre cadastro para pessoas de 30 a 39 anos com comorbidades

Em 2019 as denúncias aumentaram para 559 durante todo o ano, uma média de 46 denúncias por mês e 283 animais foram resgatados. Em 2020 o levantamento aponta que só no primeiro semestre foram contabilizadas 497 denúncias, o que dá uma média de 82 por mês, o dobro dos anos anteriores e 274 animais foram resgatados em 6 meses. Já em 2021 os números continuam crescendo, nos primeiros três meses foram contabilizadas 294 denúncias, o que dá uma média de 98 por mês, enqaunto que 80 animais foram resgatados no primeiro trimestre. 

“Estamos assistindo aos números crescerem ano após ano e precisamos da população para frear esse avanço. Denunciem sim, mas cuidem também de seus animais, façam a castração do seu animal, adotem e promova a conscientização sobre o respeito aos animais. A Diretoria necessita da participação da população nesta causa”, disse Saad.

O órgão foi implantado pela gestão Emanuel Pinheiro por sensibilidade a causa animal e mais do que isso, por reconhecer a causa como uma questão de respeito, saúde e política pública. Desde sua criação em março de 2018, a Diretoria atendeu mais de mil animais, dentre gatos e cachorros e promoveu a adoção responsável de cerca de 300 bichinhos. Além disso, foram aprovadas e estão em fase de regulamentação, seis leis municipais, sugeridas pela Bem-estar direcionadas a causa animal: Lei 436/17 de proteção aos animais, Lei 6423/19 do protetor independente, Lei 6439/ 19 do animal comunitário, Lei 6492/19 monitoramento através de câmeras em pet shop, Lei 6512/20 circulação de veículo de tração animal em vias de perímetro urbano e Lei 6549/20 proibindo animal em corrente curta.

“O trabalho da Diretoria de Bem-estar Animal tem sido imprescindível para remediar os casos de abandono e maus-tratos, mas precisamos da colaboração da população também para que não ocorram. O seu bichinho é parte da sua família e deve ser tratado com respeito e responsabilidade. É seu dever zelar pelo bem-estar do seu animal, como cidadão e como ser humano”, disse o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro.

Leia mais:  SMS esclarece: não há necessidade de apresentação de declaração de comorbidades com laudo médico

ADOÇÃO RESPONSÁVEL

Todos os animais são entregues para adoção já vermifugados, vacinados e castrados. A medida é uma das ações do órgão para reduzir a proliferação de possíveis animais abandonados.

A Diretoria ainda enfatiza que a pessoa, ao adotar um animal assume os seguintes compromissos: atendimento das necessidades físicas, psicológicas, ambientais e de saúde do animal; prevenção de riscos que ele possa causar à comunidade ou ao ambiente, como agressão, transmissão de doenças ou de danos a terceiros. Essas e demais recomendações podem ser consultadas na Lei Complementar 463/2017.

Para agendar uma adoção, basta entrar em contato pelo telefone 0800 647 7755, de segunda a sexta, das 08h às 12h e das 14h às 18h.

DENÚNCIAS

A Diretoria de Bem-estar Animal informa que as denúncias de maus-tratos a cães e gatos devem ser realizadas pelo Dique-Denúncia 0800 647 7755, de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Fora do horário comercial, as denúncias devem ser direcionadas para a Delegacia de Meio Ambiente (Dema).

Comentários Facebook
publicidade

CUIABÁ

Aplicação da segunda dose da Coronavac segue temporariamente suspensa

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Em relação à vacina Coronavac, a Secretaria Municipal de Saúde informa que:

– A aplicação de segunda dose de Coronavac, bem como o funcionamento do polo de vacinação no campus da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), seguirão temporariamente suspensos, até que chegue nova remessa do imunizante por parte do governo federal.

– A coordenação da campanha Vacina Cuiabá contava com a chegada de novas doses da Coronavac nesta terça-feira (18). No entanto, recebeu a notícia de que somente serão enviadas doses das vacinas AstraZeneca e Pfizer para o estado de Mato Grosso. 

– A SMS destaca que vinha reservando a segunda dose dos munícipes, no entanto, detectou perda técnica, uma vez que os frascos que deveriam conter 10 doses estão contando, na verdade, com 9 doses, o que foi observado em todas as regiões do Brasil.

– Além disso, conforme já divulgado, diante da falta da Coronavac em diversas partes do país, mais de 2,5 mil pessoas de outros municípios conseguiram se vacinar em Cuiabá, prejudicando a conclusão do esquema vacinal de quem tomou a primeira dose na Capital. 

– A Pasta já solicitou reposição junto ao Estado, tanto das perdas técnicas quanto das doses aplicadas em pessoas de outros municípios, e reforça que vem tomando todas as medidas para garantir a imunização dos cuiabanos.

Comentários Facebook
Leia mais:  Aplicação da segunda dose da Coronavac segue temporariamente suspensa
Continue lendo

CUIABÁ

Prefeito e primeira-dama lançam nova versão do Qualifica Cuiabá; meta é capacitar 10 mil pessoas até o fim da gestão

Publicado


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

O prefeito Emanuel Pinheiro e a primeira-dama Márcia Pinheiro lançaram na tarde desta segunda-feira (17), mais uma ação do programa Pra Frente Cuiabá. Com foco em qualificar o capital humano da cidade, o Qualifica Cuiabá, projeto criado pela primeira-dama Márcia Pinheiro, ganha nova versão. Suas três primeiras edições totalizaram 4,5 mil pessoas atendidas. Agora, o objetivo é alcançar a marca de 10 mil pessoas capacitadas até o fim da gestão. Já este ano, 1960 vagas estarão disponíveis, com início da primeira turma já no dia 14 de junho. A ação é executada pela Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Secretaria de Assistência Social, Direitos Humanos e da Pessoa com Deficiência e Secretaria da Mulher.

“Investir em Cuiabá é investir nas pessoas, no bem estar da nossa gente e eu tenho muito orgulho de anunciar mais esta nova versão do Qualifica Cuiabá, programa idealizado pela primeira-dama Márcia Pinheiro que leva oportunidade de construção de um futuro melhor por meio da educação”, disse o prefeito Emanuel Pinheiro.

Pensando na cidade do futuro é que o programa Pra Frente Cuiabá, que tem como foco o desenvolvimento do capital humano, rural e industrial da capital de Mato Grosso apresenta cinco ações, uma para cada setor a ser desenvolvido, desde o perímetro urbano ao rural. São eles: Sine da Gente, Enem Digital, Qualifica, Agro da Gente e Cuiabanco. Com o Sine da Gente em pleno funcionamento, agora entra em ação a nova versão do Qualifica Cuiabá.

“Estou emocionada de estar aqui renovando esse compromisso do Qualifica, idealizado inicialmente apenas como uma qualificação, mas que veio agregado a oportunidade de mudar de vida. É uma grande satisfação lançar essa nova versão. Recebi a informação de que o Governo Federal vai lançar um programa baseado no nosso e que também Maringá fará o mesmo, isso mostra que estamos no caminho certo e que nas várias reuniões, todo o trabalho dedicado valeu a pena. Ver essa carreta hoje é um sonho realizado e que será ainda maior quando alcançarmos as 10 mil capacitações ao fim da gestão”, disse a primeira-dama Márcia Pinheiro, idealizadora do projeto.

Leia mais:  Aplicação da segunda dose da Coronavac segue temporariamente suspensa

O Qualifica integra as ações do programa Pra Frente Cuiabá, que pensando na Cuiabá do futuro pretende desenvolver a cidade em todas as frentes, explorando cada região e setor produtivo para que se desenvolve de forma linear por todo o perímetro urbano e rural.

“Não há como pensar em desenvolvimento sem pensar em pessoas. E é isso que a gestão Emanuel Pinheiro faz, ela pensa em como tornar Cuiabá melhor para as pessoas que vivem nela. É desse pensamento que nasce a ideia da primeira-dama e que foi desenvolvida com o apoio das secretárias Hellen Ferreira e Luciana Zamproni, Assistência Social e Mulher. É com esse pensamento que vamos continuar o trabalho, junto com nossos parceiros, o Senai, o CIEE e tantos outros que queiram colaborar para construir a Cuiabá do futuro, com qualificação profissional para os nossos jovens que iniciam no mercado de trabalho, para as mulheres empreendedoras, para todos aqueles que desejam uma oportunidade de transformar suas vidas”, disse o secretário de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Francisco Vuolo.

Serão 98 turmas, com 1960 vagas totais de qualificação com início a partir de agosto de 2021. Construção civil, Tecnologia da Informação, Alimentos, Gestão, Vestuário são alguns dos cursos que serão oferecidos, além de programação específica para atender o público feminino, jovens em busca de primeiro emprego, empreendedorismo e palestras sobre álcool, drogas e violência contra mulher.

“Eu fico maravilhada em ver aqui que todos têm o mesmo propósito: desenvolver pessoas, transformar vidas, contribuir com o desenvolvimento local. Nessa versão temos muitas inovações, nossa equipe está muito motivada. Agradecemos por confiar no Senai como parceiro desta ação tão importante”, disse a diretora regional do Senai, Leila Brun.

Leia mais:  SMS esclarece: não há necessidade de apresentação de declaração de comorbidades com laudo médico

Outra categoria que vai receber atenção nesta nova edição do Qualifica é a de estagiários da Prefeitura de Cuiabá. São 235 profissionais em formação, 210 de nível superior e 25 de nível médio que pela primeira vez receberão qualificação como servidores municipais, com palestras e cursos para que entendam como funcionam os serviços ofertados à população, quais os direitos e responsabilidade como servidores públicos.

Confira os números da nova versão do Qualifica Cuiabá:

Serão 98 turmas, 1960 vagas totais, das quais 1.700 são de qualificação e 260 de aperfeiçoamento (Empreendedorismo). Os cursos terão início em 3 etapas: Etapa 1 – Início em 06/08/2021 – 32 Turmas e 640 vagas; Etapa 2 – Início em 03/09/2021 – 33 Turmas e 660 vagas e Etapa 1 – Início em 04/11/2021 – 33 Turmas e 660 vagas.

Área dos cursos: Construção Civil, Energia, Metalmecânica, Alimentos, Tecnologia da Informação, Gestão, Vestuário, Educação

Público do Projeto: Jovens em busca do primeiro emprego, Mulheres, Pessoas em vulnerabilidade social, PCD´s

Diferenciais do Projeto 2021: 

•             Formação dos Jovens para Inovação e Tecnologia (Cursos – Desenvolvedor de Jogos Digitais, Designer Gráfico)

•             Palestras sobre: Álcool e Drogas, Violência contra Mulher

•             Oferta de Cursos de Empreendedorismo: Estimular as startups, promover integração, e troca de conhecimento para o público que busca o próprio negócio.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana