conecte-se conosco


MATO GROSSO

Detonação é realizada em Serra de Araguainha para avanço das obras na MT-100

Publicado


Para dar maior celeridade às obras de pavimentação na MT-100, entre os municípios de Araguainha e Ponte Branca, na região Araguaia de Mato Grosso, a empresa responsável da obra realizou, nesta quarta-feira (28.04), a detonação de rochas da Serra de Araguainha. 

O serviço foi acompanhado de perto  pelo secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, que vistoria o andamento das obras na rodovia, como  parte de uma fiscalização que o secretário está realizando in loco, ao longo dessa semana, nas obras do Governo de Mato Grosso na região Araguaia.

De acordo com o engenheiro Danilo Freitas, a detonação é mais um passo para que as obras de pavimentação possam avançar.  Será asfaltado um trecho de 29,3 quilômetros entre Araguainha e Ponte Branca e outro de 20 quilômetros do entroncamento da MT-463, em Ponte Branca, até o acesso ao município de Ribeirãozinho. 

Ao todo serão pavimentados 49,3 quilômetros da MT-100 somente entre esses municípios. Em muitos trechos já estão sendo realizados os serviços de imprimação, para posterior execução de capa asfáltica.

“Na serra de Araguainha usamos 12 mil quilos de detonação inseridos em 1,8 mil furos na rocha. Após esse desmonte, nós removemos esse material e entramos com o serviço de colchão drenante e as camadas de reforço, sub-leito, subbase, base e pavimento. O projeto determinou que deveríamos cortar a serra para atender a rampa do greide”, explicou o engenheiro.

Para o secretário Marcelo de Oliveira, ver de perto que as obras em Araguainha estão saindo do papel depois de tantos anos de promessa e abandono de gestões anteriores é motivo de orgulho para o Governo de Mato Grosso, que está investindo fortemente em infraestrutura e logística na região do Araguaia.

Leia mais:  Regional de Alta Floresta multa e embarga áreas de desmatamento ilegal, garimpos e posto de gasolina em Apiacás e região

“Estamos fazendo visitas às obras da MT-100, começamos em Araguainha e estamos parando  em Barra do Garças. Além disso, seguiremos na MT-100 até Cocalinho e depois até Nova Nazare. Estamos muito satisfeitos pelo volume de obras  que estamos fazendo nessa região. Não podemos esquecer que essa região estava muito abandonada.  A MT-100 estava aí há tantos anos e ninguem conseguia pavimentar. Mas agora este governo está cumprindo o prometido”, disse o secretario. 

Ainda segundo o secretário, as obras vão proporcionar maior desenvolvimento para a região, pois a MT-100 é considerada umas das principais rodovias estruturantes do Araguaia. Isso porque interliga ao menos 10 municípios entre a região da rodovia federal BR-158 e a BR-364.

Além disso, permite o escoamento da produção do agronegócio, através da continuidade da MT-100 em direção ao município de Alto Taquari, até a divisa de Mato Grosso do Sul. Tal rota é fundamental para o acesso ao Porto de Santos, em São Paulo.

Por essa razão, o secretário garantiu que está cobrando o cumprimento de contratos e a execução de serviço de qualidade ao longo de toda a rodovia. “O governo não aceita qualquer tipo de obra. Nós pagamos corretamente e exigimos qualidade, principalmente, e cumprimento de cronograma”, disse.

Para o prefeito de Araguainha, Chiquinho, as obras nem estão concluídas ainda, mas já estão mudando a vida da cidade. “Com a vinda dessa empresa, já aqueceu o comércio local. É uma empresa muito boa, que tem trabalhado bastante. Vai melhorar a trafegabilidade da nossa rodovia. Os produtores terão maior facilidade para escoar sua produção e nós só temos que agradecer ao nosso governador Mauro Mendes e toda sua equipe de  trabalho e pedir a Deus que sempre nos abençoe”, disse.

Leia mais:  Governo entrega 3,3 mil cartões do Ser Família Emergencial em Santo Antônio do Leverger e Poconé neste sábado (08)

Ainda de acordo com o prefeito, a conclusão das obras será a concretização de um sonho não apenas dos moradores de Araguainha, mas de todos da região que dependem da MT-100. “Nossa região antes era conhecida como Vale dos Esquecidos, agora será o Vale dos Realizados. Agradeço ao Governo, aos secretários, à Assemleia Legislativa e todos que contribuíram para a realização dessa grande obra”, encerrou.  

O prefeito de Ribeirãzinho, Ronivon Parreira, também destacou a importância da obra que está sendo realizada na entrada da cidade. “Essa obra só tem a melhorar nossa região, principalmente a logística. Fica mais perto o transporte, o frete e menor o custo dos insumos. Eu não era nem nascido e estou prefeito e agora esse sonho está sendo realizado. Nunca temos de desistir do sonho, porque um dia alguém comprometido, como o governador Mauro Mendes, vai nos ajudar a realizá-lo.”

Vistoria no Araguaia

Essas vistorias fazem parte de uma grande fiscalização que o secretário Marcelo de Oliveira está fazendo, ao longo desta semana, nas obras que estão em andamento na região do Araguaia. Ao todo, ele passará pelas cidades de Barra do Garças, Cocalinho, Água Boa,  Canarana, Paranatinga e Primavera do Leste. Serão vistoriadas obras de construção de pontes, pavimentação e restauração executadas pelo Governo de Mato Grosso.

Além do secretário, o acompanham ainda a superintendente de Execução e Fiscalização de Obras da Sinfra, Paula Janayna Fenerich, e engenheiros das empresas executoras das obras na rodovia, além de prefeitos municipais.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Regional de Alta Floresta multa e embarga áreas de desmatamento ilegal, garimpos e posto de gasolina em Apiacás e região

Publicado


A Unidade Desconcentrada da Secretaria de Meio Ambiente de Alta Floresta realizou uma operação que resultou na autuação e embargo de áreas de desmatamento ilegal, garimpo e um posto de gasolina. A fiscalização começou na segunda-feira (03.05) e terminou nesta sexta (07.05) nos municípios de Apiacás, Paranaíta e Nova Canaã.

A autuação de desmate ilegal foi no valor de R$ 6,1 milhões e um total de 1,2 mil hectares de área embargada. A operação ocorreu em parceria com a Polícia Civil de Alta Floresta, Apiacás e Monte Verde e resultou na prisão de quatro pessoas.

A equipe formada por servidores da Sema e policiais civis também autuaram e embargaram três garimpos e um posto de gasolina que estavam atuando de forma ilegal, sem licença de operação, em Apiacás.

Dois dos garimpos foram multados em R$ 200 mil cada e o terceiro em R$ 500 mil, 9 motores a diesel foram apreendidos e 2 pessoas foram presas em flagrante durante a operação. A multa no posto de gasolina foi de R$150 mil.

O diretor da Regional de Alta Floresta, Vinicius Rezek, destacou que as ações da Regional estão voltadas para a tentativa de frear o desmatamento, realizando operações de fiscalização e de combate à crimes ambientais na região.

“As ações com apoio policial são muito importantes pois conseguimos atingir os objetivos de forma mais célere, identificando os infratores e levando em flagrante para a delegacia.  Estamos em constante monitoramento pela Plataforma Planet para coibir estes crimes ambientais”, afirmou Vinicius.  

Tolerância Zero

O combate ao desmatamento ilegal faz parte da política pública do Governo do Estado de Mato Grosso de tolerância zero para crimes ambientais.  A meta é que por meio da fiscalização em campo e da Plataforma de Monitoramento da Cobertura Vegetal que utiliza Imagens de Satélite Planet a pasta possa agir de forma preventiva, minimizando os danos e aumentando a celeridade na resposta.

Leia mais:  Educadora financeira orienta servidores sobre os cuidados com o orçamento doméstico em tempos de pandemia

A fiscalização que resultou no embargo e autuação de áreas de desmate ilegal de Apiacás e região foram resultados do monitoramento e alertas emitidos pela Plataforma de Satélite Planet. Já as ações nos garimpos foram motivadas por monitoramento das imagens e denúncias.

Denúncia

O cidadão pode denunciar crimes ambientais à Ouvidoria Setorial da Sema: 0800-65-3838 ou via WhatsApp no (65) 99281- 4144, nas unidades regionais da Sema ou aplicativo MT Cidadão.

Regional de Alta Floresta

A Regional de Alta Floresta embargou 2,3 mil hectares e aplicou multas no valor de R$14,6 milhões entre janeiro e março deste ano durante operações de fiscalização na região. Também foram realizados 49 autos de infração, 41 termos de embargo, 12 termos de apreensão e 58 notificações nos três primeiros meses do ano.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MATO GROSSO

Governo entrega 3,3 mil cartões do Ser Família Emergencial em Santo Antônio do Leverger e Poconé neste sábado (08)

Publicado


O Governo de Mato Grosso entrega neste sábado (08.05) os cartões do Ser Família Emergencial para moradores de Santo Antônio do Leverger e Poconé. No total, 3.341 pessoas receberão o benefício nos dois municípios.

A secretária de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria Carvalho, fará as entregas acompanhada dos prefeitos e de deputados estaduais, entre outras autoridades.

Em Santo Antônio do Leverger, serão entregues 860 cartões e a solenidade será na Secretaria de Assistência Social do município, às 8h30.

Já em Poconé, o evento está previsto para as 11h30, no Ginásio Guido Silva. No município, 2.481 famílias serão beneficiadas com o auxílio financeiro emergencial.

Serviço

Entrega dos cartões do auxílio Ser Família Emergencial em Santo Antônio do Leverger e Poconé

Data: sábado (08.05)

Horários:

8h30 – Santo Antônio do Leverger, na Secretaria Municipal de Assistência Social, Avenida dos Tarumeiros, em frente ao restaurante Largo do Tarumeiro.

11h30 – Poconé, no Ginásio Guido Silva, atrás do Fórum.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Educadora financeira orienta servidores sobre os cuidados com o orçamento doméstico em tempos de pandemia
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana