conecte-se conosco


ESPORTES

Decisivo na Argentina, Gustavo Scarpa exalta Recopa e pondera: ‘Não tem nada ganho’

Publicado


“Para nós é muito significativo (o título da Recopa). É um título que o clube não tem, é a chance de marcar nosso nome na história. Vamos em busca disso, quarta será um jogo difícil, mas vamos em busca de seguir colocando nosso nome na história. O time deles é muito bom, defensivamente e ofensivamente, temos que tomar todos os cuidados, mas precisamos impor mais nosso ritmo de jogo. Não tem nada ganho”, disse o meia após o fim da partida.

Scarpa marcou o gol aos 28 minutos do segundo tempo, quando a partida estava 1 a 1. Rony abriu o placar para o Verdão aos 15 do primeiro tempo e Braian Romero deixou tudo igual aos 12 da etapa derradeira. O detalhe curioso é que Scarpa havia estava em campo havia pouco mais de dez minutos, após ter saído do banco de reservas para -literalmente – ajudar o time.

O gol do camisa 14 foi marcado de falta. Curiosamente, o último gol de falta do Palmeiras também havia sido marcado por Gustavo Scarpa: em 14/02/2021, na vitória palmeirense por 3 a 0 sobre o Fortaleza, no Allianz Parque, pelo Campeonato Brasileiro de 2020. Aquele também havia sido o gol mais recente do camisa 14.

Leia mais:  Figueirense empata com o Marcílio Dias e se despede do Campeonato Catarinense

O meio-campista é o quarto principal artilheiro do elenco (24 gols, atrás só de Raphael Veiga, 25, de Luiz Adriano, 27, e de Willian, com 56) e também o quarto maior garçom do plantel, com 19 assistências, atrás de Marcos Rocha (20), Lucas Lima (21) e de Willian (25).

Contratado no início de 2018, o camisa 14 já comemorou os títulos do Brasileiro de 2018, Paulista 2020, Libertadores e Copa do Brasil de 2020, além da Florida Cup, naquela mesma temporada.

TRAJETÓRIA DE SCARPA NO VERDÃO

O jogador chegou ao clube em 2018, vindo do Fluminense, época em que o time era dirigido pelo técnico Roger Machado. Após sequência de oito partidas entre fevereiro (quando estreou) e março, ele passou a não poder mais atuar pelo time por alguns meses devido a um imbróglio jurídico no qual o clube das Laranjeiras, que pediu impugnação do contrato do atleta e reintegração à equipe carioca (na Justiça, porém, o Alviverde conseguiu vitória e o jogador pôde voltar a atuar a partir de julho daquele ano).

Depois disso, ainda enfrentou problemas de lesão, quando, ainda com Roger Machado, precisava entrar, muitas vezes, nos últimos minutos da partida para adquirir ritmo. Portanto, após uma primeira temporada no Palmeiras de adaptação – mesmo assim, sendo peça importantíssima na conquista do Campeonato Brasileiro de 2018–, o jogador começou a despontar mesmo em 2019, ano em que foi o segundo maior garçom do time em 2019, ao lado de Marcos Rocha, com sete passes a gol, atrás só de Dudu, com 18, e também artilheiro da equipe no ano, com 13 gols, ao lado de Dudu.

Leia mais:  Com um jogador a menos, Palmeiras vence o Universitário pela Libertadores

Comentários Facebook
publicidade

ESPORTES

Renan marca pela primeira vez como profissional e se torna 3º mais jovem a fazer gol pelo clube na Liberta

Publicado


“Foi um jogo muito difícil, falta de concentração não teve, mas perdemos um jogador (Alan Empereur, expulso) e logo em seguida tomamos o gol. Lutamos até o fim, concentramos novamente e saímos com a vitória. Tomar dois gols muito rápido dá um frio na barriga da equipe, a equipe se desconcentra, mas o importante é que conseguimos voltar rápido para o jogo. Sempre bom vencer fora de casa em uma competição como a Libertadores”, analisou o defensor a importância do gol marcado.

De quebra, o gol trouxe ao jogador uma marca extremamente relevante para a sua carreira: ele se tornou o terceiro jogador mais jovem a atuar pelo Palmeiras na história da Libertadores, hoje com 18 anos, 11 meses e 2 dias, apenas alguns dias mais velho do que Gabriel Jesus, segundo mais novo a ter estufado as redes pelo Verdão no Continental, que tinha 18 anos, 11 meses e 2 dias quando marcou contra o River Plate do Uruguai, em 16/02/2016. Contudo, o mais jovem a ter feito um gol como profissional do Verdão por esta competição continua sendo Gabriel Veron, que em 21/10/2020 marcou um gol pela Libertadores na goleada por 5 a 0 sobre o Tigre, da Argentina, aos 18 anos, 1 mês e 19 dias.

Leia mais:  De virada, Mengão vence o Vélez Sarsfield por 3 a 2 na estreia da Libertadores

Antes, figurava ainda neste top 3 Gabriel Menino, que anotou contra o Bolívar-BOL, na vitória do Palmeiras fora de casa por 2 a 1 aos 19 anos, 11 meses, e 16 dias, isso no dia 16/09/2020. Porém, agora como Renan desbancou Menino, o camisa 25 passou a ser o novo quarto colocado no geral.

O zagueiro chegou ao Verdão em 2015, aos 13 anos de idade, e desde o início de 2019 começou a jogar também como lateral-esquerdo pelo Sub-17. O bom desempenho agradou, e o jovem ganhou a polivalência como uma de suas características. Na base, conquistou importantes troféus pelo Palmeiras e pela Seleção Brasileira – entre eles, o bicampeonato paulista sub-15 (2016 e 2017), o Campeonato Paulista Sub-17 (2018), a Copa do Brasil Sub-17 (2019), a Supercopa do Brasil Sub-17 (2019) e o bicampeonato do Mundial de Clubes Sub-17 (2018 e 2019), além da Copa do Mundo Sub-17 em 2019 pelo Brasil.

Em 2020, seu primeiro ano de transição ao time principal, o jovem e habilidoso canhoto teve participação direta no título da Copa Libertadores, com um jogo disputado, e da Copa do Brasil, com duas partidas. A partir de então, foi efetivado no plantel profissional e teve a oportunidade de sair jogando nos quatro primeiros duelos da temporada 2021, quando liderou o ranking de desarmes no elenco – curiosamente, o duelo desta noite foi a sua primeira partida desde a sequência de jogos que participou a partir do início da temporada.

Confira abaixo a lista dos palmeirenses mais jovens a balançarem as redes em Libertadores:

Gabriel Veron
18 anos, 1 mês e 19 dias
16/02/2016: River Plate-URU 2×2 Palmeiras

Gabriel Jesus
18 anos, 10 meses, e 13 dias
16/02/2016: River Plate-URU 2×2 Palmeiras

Leia mais:  Coritiba empata com o Azuriz no Couto Pereira

Renan
18 anos, 11 meses e 2 dias
21/04/2021: Universitário-PER 2×3 Palmeiras

Gabriel Menino
19 anos, 11 meses, e 16 dias
16/09/2020: Bolívar-BOL 1×2 Palmeiras

Keirrison
20 anos, 1 mês, e 26 dias
21/09/2009: Palmeiras 5×1 Real Potosí-BOL

Caio Mancha
20 anos, 6 meses, e 9 dias
02/04/2013: Palmeiras 2×0 Tigre-ARG

Patrick Vieira
21 anos, 1 mês, e 3 dias
14/02/2013: Palmeiras 2×1 Sporting Cristal-PER

Paulo Isidoro
21 anos, 5 meses, e 2 dias
04/04/1995: Palmeiras 7×0 El Nacional-QUE

Gildo
21 anos, 5 meses, e 20 dias
04/05/1961: Independiente-ARG 0x2 Palmeiras

Júlio Amaral
22 anos, 1 meses, e 28 dias
04/04/1968: Palmeiras 2×1 Guaraní-PAR

Comentários Facebook
Continue lendo

ESPORTES

América intensifica treino para reta final da primeira fase do Mineiro

Publicado


Na quarta-feira, os atletas do América deram continuidade na preparação para o jogo contra a URT-MG, no próximo domingo, válido pela 11ª rodada do Campeonato Mineiro.

Com a presença do Coordenador Futebol Clube-Empresa Marcus Salum, o elenco iniciou a preparação realizando atividade física orientada pelo preparador físico Gerson Rocha e a equipe do Núcleo de Performance, enquanto os goleiros trabalhavam à parte com os preparadores Silvio Jardim e Marcos Gontijo.

Em seguida, o técnico Lisca iniciou um treino técnico e tático, para aprimorar as jogadas ensaiadas, finalizações e posicionamento.

O meia Geovane, que já iniciou o trabalho de transição, realizou atividades em campo no treino desta quarta-feira. Os atacantes Léo Passos e Marcelo Toscano permanecem em tratamento no departamento médico.

O elenco americano continua a preparação no CT Lanna Drumond na manhã desta quinta-feira.

Comentários Facebook
Leia mais:  Figueirense empata com o Marcílio Dias e se despede do Campeonato Catarinense
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana