conecte-se conosco


MATO GROSSO

Documentário e lives dão visibilidade à identidade cultural do Quilombo Pita Canudo

Publicado


A voz e a história dos quilombolas e seus quintais serão reverberadas com a produção de um documentário selecionado no edital MT Nascentes da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).  Em fase de edição e finalização, o projeto Quintais quilombola: memória e identidade cultural do Quilombo Pita Canudo programou ainda uma série de lives que terão início neste fim de semana. 

O documentário pretende expor o processo histórico de formação do quilombo, bem como as atividades realizadas em seus quintais, considerados espaços de construção da identidade cultural. O cultivo de plantas medicinais e hortaliças, a alimentação feita em fogões e fornos a lenhas, festas religiosas, brincadeiras e rodas de conversas, são algumas das atividades que fazem parte da memória da comunidade.

Denominado Pita Canudos devido ao hábito que os antigos possuíam de fumar em canudos de bambu, o quilombo está localizado no município de Cáceres, em Mato Grosso. Segundo relatos, seus fundadores são escravos que fugiram da região de Poconé e se abrigaram nessas terras no século XVIII. 

Atualmente os remanescentes do quilombo ocupam os bairros periféricos de Cáceres e da região. Desde 2013, quando foi certificado como comunidade quilombola pela Fundação Palmares, busca-se a titulação para reintegração do território aos remanescentes.  

De acordo com a proponente do projeto, Jocineide Catarina Maciel de Souza, o material ajudará a dar visibilidade aos quilombolas de Pita Canudos que vivem hoje a desterritorialização e o esquecimento.

“Com esse documentário, registraremos em voz e imagem e som da identidade quilombola. Buscamos valorizar a história, as tradições orais, a força da terra como cultivo e pertencimento, nas memórias orais de um povo”, destaca Jocineide.

Lives

Além de apresentar o projeto, as lives agendadas contarão com performances de poesia e narrativas de memórias dos quintais, da relação da mulher com a terra e da sustentabilidade das comunidades com a agroecologia familiar. 

Leia mais:  PM realiza live com promoção de 516 policiais militares e atrações musicais nesta terça-feira (20)

Dentre as convidadas nas transmissões ao vivo, estarão a poeta Luciene de Carvalho, as professoras Walnice Aparecida M. Vilalva e Maria Elizabete N. de Oliveira, quilombolas, chiquitanas, e representantes dos coletivos de Mulheres Negras de Cáceres, Mulheres Pantaneiras e Guardiã de Sementes Criolas.

Todas as lives acontecem sempre às 16h e serão transmitidas pela página do Coletivo de Mulheres Negras de Cáceres no facebook (@coletivomulheresnegrascac) e no canal de YouTube do Programa de Pós-graduação em Estudos Literários da Universidade do Estado de Mato Grosso (PPGEL/UNEMAT). 

Confira a programação:

06/03: Apresentação do projeto e performance da poeta Luciene Carvalho

13/03: Narrativas e poesia sobre quintais – memória e identidade Cultural 

20/03: A relação da mulher com a terra – “Meu quintal é minha história é meu tesouro”

25/03: Os quintais como resistência e sustentabilidade das comunidades – Agroecologia familiar

03/04: Lançamento do documentário

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Segunda-feira (19): Mato Grosso registra 344.792 casos e 9.168 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta segunda-feira (19.04), 344.792 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 9.168 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 1896 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 344.792 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 10.992 estão em isolamento domiciliar e 322.617 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 514 internações em UTIs públicas e 458 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 95,90% para UTIs adulto e em 57% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (73.237), Rondonópolis (25.643), Várzea Grande (22.608), Sinop (18.139), Sorriso (12.336), Tangará da Serra (11.464), Lucas do Rio Verde (11.051), Primavera do Leste (9.807), Cáceres (7.364) e Alta Floresta (6.510).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 305.351 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 592 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

No domingo (18), o Governo Federal confirmou o total de 13.943.071 casos da Covid-19 no Brasil e 373.335 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 13.900.091 casos da Covid-19 no Brasil e 371.678 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta segunda-feira (19).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Leia mais:  MT Prev oferece notificação de movimentação de processos por e-mail e SMS

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

MATO GROSSO

Governo disponibiliza 10 leitos de UTI no Hospital Estadual Santa Casa

Publicado


O Governo de Mato Grosso abriu mais dez leitos de UTI no Hospital Estadual Santa Casa, em Cuiabá. Com a ampliação, a unidade passa a contar com o total de 60 leitos de Terapia Intensiva para o atendimento de pacientes com coronavírus. 

O Hospital Estadual atua como uma unidade de referência para o tratamento da Covid-19 em Mato Grosso e já tinha ampliado 20 leitos intensivos em março. 

As dez novas vagas integram os 608 leitos de Terapia Intensiva do Sistema Único de Saúde (SUS), que estão em funcionamento em Mato Grosso e configuram com 95% de ocupação.

Essas ampliações fazem parte do pacote de enfrentamento à Covid-19, anunciado em março pelo Governo de Mato Grosso. O trabalho da gestão estadual faz parte de uma força-tarefa, junto aos Poderes e municípios, para garantir o atendimento à população e salvar vidas.

Ação em parceria com Prefeituras

O Governo de Mato Grosso anunciou a ampliação de 160 leitos de Terapia Intensiva em 14 municípios do estado. A ação custará cerca de R$ 9 milhões por mês à gestão estadual e contempla hospitais estaduais e municipais. Somente entre março e abril, foram abertas cerca de 97 novas vagas de UTI.

A gestão da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) informa que as ampliações consideram as propostas encaminhadas oficialmente pelas Prefeituras ao Governo do Estado.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Governo disponibiliza 10 leitos de UTI no Hospital Estadual Santa Casa
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana