conecte-se conosco


CUIABÁ

Cuiabá segue como referência nas políticas para mulheres

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

Nesse dia 08 de março, em que comemoramos o Dia Internacional da Mulher, quero destacar outra mudança significativa que tem ido na contramão da realidade nacional acerca de mulheres em cargos de lideranças, pauta de bastante discussão nos últimos tempos em meio aos avanços da luta feminina.

A inédita nomeação de 50% do secretariado da prefeitura municipal ocupado por mulheres ocorre durante a maior promoção de políticas públicas para mulher da história de Cuiabá, o quê demonstra o respeito e o comprometimento dos gestores com a causa.

Para se ter ideia, dados nacionais mostram que em outros estados apenas 25% dos cargos de chefia são ocupados por mulheres. No Governo Federal, nos últimos anos, 188 ministros foram escolhidos e apenas 21 eram mulheres.

Cuiabá tem sido exemplo nesse sentido, e paralelamente a isso causa um impacto positivo na formulação de políticas que asseguram um ambiente mais igualitário e justo  em todos os setores não só da esfera pública.

A investida da administração Emanuel Pinheiro categorizou Cuiabá como case nacional em políticas públicas para mulher e a valorização de seu público feminino interno, como servidores, colaboradores diretos e indiretos, também se fortaleceu na mesma proporção.  

No segundo mandato são 8 secretárias do chamado 1ª escalão, 10 adjuntas (2º escalão) e 35 cargos de diretoria em todo o funcionalismo da Prefeitura de Cuiabá. As gestoras comandam as pastas da Educação, Mulher, Turismo, Gestão, Saúde (interinamente), Procuradoria, Controladoria, Assistência Social e Cultura.  

As nomeações têm se dado a partir do momento em que a sociedade passa a pautar seus líderes por características como inovação, capricho, criatividade e o olhar mais sensível, que é quando o estilo de liderança feminino ganha força e espaço.

Leia mais:  Obra na Av. Dante Martins de Oliveira entra na etapa de construção de rede de drenagem e muro de gabião

O aumento da participação da mulher está aliado à força dos movimentos feministas na última década, que buscam a igualdade de direitos, principalmente acerca das posições de lideranças.

Essa ascensão, aliada a outros fatores socioculturais pós-modernidade, tem tornado mais propensa a ocupação de cargos de maior responsabilidade e exigência técnica por mérito nos órgãos públicos, principalmente.

Entretanto, mudanças mais contundentes dependem muito de uma política mais ativa de governo e de debates sobre as questões culturais mais amplas e profundas no país.

Na gestão municipal temos trabalhado, com as nossas crianças,a independência feminina com a promoção do maior conjunto de ações da história do Siminina, por exemplo, que leva meninas de 6 aos 14 anos a se certificarem em cursos que as gabaritaram melhor ao mercado de trabalho futuro.

Essas políticas ajudam ainda a quebrar diversos paradigmas na sociedade, inclusive os desafios para a mulher gestora seguir o estilo de liderança feminino, o qual se esbarra em muitos preconceitos e estereótipos de gênero ainda imposto pela cultura machista da sociedade que vem sendo quebrada nos últimos anos.  

Seguimos esperançosos para essa crescente que precede um fortalecimento histórico da causa feminina e, para os próximos anos, irá fomentar maior espaço e igualdade em áreas antes predominantemente consideradas “masculinas”. 

Márcia Pinheiro é atual primeira-dama de Cuiabá, empresária e pós-graduada em Gestão Pública. 

Comentários Facebook
publicidade

CUIABÁ

Prefeito de Cuiabá prorroga pagamento do IPTU 2021

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

 O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, considerando a emergência decretada no âmbito do município e as dificuldades decorrentes da queda nas receitas que atingem vários segmentos no Município de Cuiabá em razão da pandemia da Covid19, decidiu prorrogar o prazo para pagamento em cota única com desconto condicionado de 10% (dez por cento) do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) referente ao exercício de 2021 para o dia 16 de agosto do corrente ano. A medida está prevista no Decreto 8391/2021, que será publicada em edição da Gazeta Municipal.

“Um gestor precisa ser, acima de tudo, sensível ao momento enfrentado. Os impactos são inegáveis e geram aflição às famílias. Uma das marcas da minha gestão é o diálogo. Reitero meu entendimento por cuidar da minha gente e por, isso, a Prefeitura de Cuiabá decidiu pela prorrogação”, explicou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Conforme o Art 3 do decreto, o contribuinte do IPTU 2021 que não efetuou o pagamento do imposto, poderá optar pelo pagamento dividido em 04 parcelas fixas e consecutivas, sem qualquer desconto. Ressaltando que a opção pelo reparcelamento deverá ser realizada até o dia 09 de julho de 2021.

Ao optar pelo reparcelamento, a Pasta pede atenção quanto as novas datas de vencimentos das parcelas. São elas: parcela 01 para o dia 16/08/2021, parcela 02 para 16/09/2021, parcela 03 para 15/10/2021 e a parcela 04 para o dia 12/11/2021.

No caso do contribuinte que que já tenha realizado o pagamento de alguma parcela do IPTU 2021 poderá optar pelo reparcelamento do saldo devedor remanescente correspondente ao valor principal das parcelas não adimplidas, sem juros e sem multas, nos termos estabelecidos nesse artigo ou pelo pagamento em cota única com o respectivo desconto, no prazo de vencimento da primeira parcela, devendo solicitar, mediante procedimento simplificado, até o dia 09 de julho de 2021, a compensação das parcelas eventualmente pagas.

Leia mais:  Cuiabá inicia na terça-feira (20) segunda dose para idosos de 75 a 79 anos

“Por ocasião da solicitação de compensação de que trata o inciso II, do § 2º deste artigo, deverão ser apresentados o documento de identidade do titular do imóvel e do seu representante legal, se for o caso, e os comprovantes originais de pagamento das parcelas de IPTU a serem compensadas”, diz trecho do documento.

Já no caso do contribuinte que não optar pelo reparcelamento ou o pagamento em cota única, serão mantidas as datas de vencimento das parcelas do IPTU 2021 estipuladas no Decreto nº 8.285, de 18 de dezembro de 2020.

A Prefeitura de Cuiabá ressalta ainda que, não será enviado novo carnê do IPTU 2021 pela prorrogação de vencimento do imposto, sendo de responsabilidade do contribuinte fazer a emissão das cotas através do Portal de Serviços (site) da Prefeitura de Cuiabá, no endereço http://iptu.cuiaba.mt.gov.br/emissao-de-guia-do-iptu.

Para a prorrogação do prazo de vencimento da cota única ou para o reparcelamento do imposto previsto neste Decreto, o contribuinte ou seu representante legal deverá providenciar a adesão ao pagamento total do imposto ou ao reparcelamento e emitir as novas guias de IPTU através do site da Prefeitura de Cuiabá e realizar o pagamento das guias até o respectivo vencimento. Ao contribuinte que, não concordando com o valor do IPTU lançado no presente exercício, impugnar o lançamento realizado até o dia 30 de julho de 2021.

 Veja a íntegra do decreto logo abaixo:

Comentários Facebook
Continue lendo

CUIABÁ

Cuiabá inicia na terça-feira (20) segunda dose da vacina contra Covid para idosos de 75 a 79 anos

Publicado


Luiz Alves/Secom

Clique para ampliar

Com o recebimento de quantidades maiores de doses de vacinas a Prefeitura Municipal de Cuiabá teve condições de abrir novos polos de vacinação de acelerar a imunização dos grupos prioritários. Prova disso foi que na última sexta-feira (16) a capital conseguiu acabar com todas as vacinas destinadas à primeira dose.

Após buscar no domingo (18) as novas doses que chegaram ao Estado, a vacinação de primeira dose foi retomada nesta segunda-feira (19). Atualmente a Secretaria Municipal de Saúde possui 16 mil vacinas para a primeira dose e cerca de 31 mil para a segunda dose. “Com os novos polos estamos vacinando uma média de 3.500 pessoas por dia. Sendo assim a previsão é que até o fim a desta semana gente consiga terminar todas as vacinas de primeira dose, que correspondem a todo o público acima de 65 anos que está cadastrado no site”, comentou Valéria.

Além disso, a coordenadora revela que esta semana começa a segunda dose de um dos grupos prioritários. “Nesta terça-feira (20) vamos começar a aplicar a segunda dose dos idosos de 75 a 79 anos, que engloba um público de 7.800 pessoas. Como eles já saíram com o agendamento pronto quando vieram tomar a primeira dose, acreditamos que essa vacinação será bem ágil, uma vez que os idosos só precisam levar o cartão de vacinação no dia e horário marcados. Lembrando que a segunda dose será aplicada apenas na UFMT, na modalidade drive thru e para aqueles que não possuem carro a aplicação será feita no Centro de Eventos”, explicou.

A próxima semana, no dia 28 está previsto também o começo da aplicação de segunda dose para os idosos de 70 a 74 anos e trabalhadores da saúde que tomaram a Astrazeneca. “Entre esta semana e a próxima vamos começar a segunda dose de três grupos, então a vacinação vai dar uma boa acelerada. Esperamos continuar recebendo mais doses com frequência para que possamos vacinar cada vez mais pessoas rapidamente”, disse Valeria.

Leia mais:  Obra na Av. Dante Martins de Oliveira entra na etapa de construção de rede de drenagem e muro de gabião

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana