conecte-se conosco


MATO GROSSO

Conselho define feijão, gergelim, girassol e peixe como novas cadeias produtivas de MT

Publicado


O Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico (Codem) definiu em reunião nesta quarta-feira (10.03) os critérios para inclusão de novas cadeias de produtos agropecuários no Programa de Desenvolvimento Rural (Proder) e incluiu as cadeias do feijão, do gergelim, do girassol e do peixe.

“Agora discutiremos no Condeprodemat os percentuais de incentivos para que as cadeias se viabilizem e que especialmente os pequenos produtores possam trabalhar para desenvolve-las e que o estado tenha outra matriz de desenvolvimento com geração de emprego e renda”, afirma César Miranda, secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso e presidente do Codem.

Os conselheiros do Conselho Deliberativo dos Programas de Desenvolvimento de Mato Grosso (Condeprodemat) devem definir em reunião os percentuais de incentivos para estes novos produtos.

O coordenador do Observatório do Desenvolvimento da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec), Sérgio Leal, apresentou estudo com a definição das novas cadeias.

Na resolução aprovada pelo Codem, estão listadas que as novas cadeias de produtos agropecuários são aquelas em que um ou mais de seus elos apresentam um ou mais pontos de desencadeamento; produção incipiente e/ou irrelevante frente às cadeias predominantes; fraquezas mais relevantes que as forças em uma matriz SWOT; baixa incorporação tecnológica em seus elos; pacotes tecnológicos específicos não estabelecidos; aspectos mercadológicos, organizacionais, de financiamento e investimentos sem estruturação efetiva; produção intermitente ou sem volumes compatíveis com as demandas de mercado; estoques irregulares; logística desarticulada.

Cartas de FCO

Ainda na reunião do Codem foram aprovadas 12 cartas-consultas de FCO Empresarial, com valor a ser financiado de R$ 61,797 milhões, com geração prevista de 816 empregos diretos e 1.978 empregos indiretos. Em relação ao FCO Rural, foram aprovadas 57 cartas-consultas, com valor a ser financiado de R$ 211,707 milhões e geração prevista de 220 empregos diretos e 331 empregos indiretos.

Leia mais:  Governo de MT e município de Querência disponibilizam 7 leitos de UTI Covid-19

“Os recursos do Fundo Constitucional do Centro Oeste (FCO) são importantes para Mato Grosso, pois vai incrementar os investimentos e irrigar nossa economia. São fundamentais para que se desenvolvam novos projetos e a geração de empregos”, finaliza César Miranda.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Governador pede prioridade para gestantes na vacinação contra a covid-19 em MT

Publicado


O governador Mauro Mendes pediu que seja dada prioridade às gestantes na vacinação contra a covid-19 em Mato Grosso.

A solicitação foi encaminhada nesta quinta-feira (22.04) à Comissão de Gestores Bipartite (CIB-MT), que é responsável por definir a distribuição dos imunizantes.

 A CIB-MT é composta por membros do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) e da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).

“Sabemos que as gestantes estão entre os grupos mais vulneráveis a ter complicações e possuem risco elevado quando contraem a covid-19, o que coloca em risco a vida delas e de seus bebês. Por isso é importante que sejam vacinadas o quanto antes”, afirmou o governador.

De acordo com estudos da Universidade de Birmingham, no Reino Unido, gestantes infectadas pelo coronavírus tem risco 62% maior de internação em UTI e 88% mais chances de precisar de ventilação mecânica invasiva.

A conclusão foi corroborada por outro estudo feito pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos.

Conforme os cientistas, o risco ocorre porque durante a gestação há uma diminuição da capacidade respiratória por conta do crescimento do útero, que restringe o abdômen e o tórax.

O Governo de Mato Grosso já conseguiu autorização para inserir os profissionais de Segurança como prioridades que já estão em fase final de vacinação. Além disso, já pediu para que os trabalhadores da Educação também sejam colocados no grupo prioritário.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Plataforma possibilita empréstimo gratuito de livros em formato digital
Continue lendo

MATO GROSSO

Auditores buscam aumentar a produtividade no home office

Publicado


Antes da pandemia da Covid-19, a modalidade de teletrabalho era vista com desconfiança devido às preocupações em relação à produtividade, entre outros fatores. Com o tempo, estudos comprovaram que é possível o crescimento da produtividade de forma criativa e eficiente. Nesse cenário, a questão é: como transpor desafios importantes que devemos superar para continuarmos produtivos? Pensando nisso, auditores da Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) participaram da webinar “Aumentando a Produtividade no Home Office”, com o consultor Marcelo Masini.

O objetivo da webconferência foi apresentar aos participantes um processo que eleve a habilidade de alcançar grandes prioridades em meio a uma avalanche de distrações. Na webconferência, Marcelo Masini apresentou metodologia que se baseia em fazer as cinco escolhas para atingir uma produtividade extraordinária.

Pautadas em planejamento e gestão de tempo, as escolhas são: separar as atividades vitalmente importantes e prioritárias das distrações; redefinir seus papeis em termos de resultados extraordinários para alcançar metas de alta prioridade; aplicar uma cadência de planejamento e execução que produz resultados para retomar o controle de sua vida profissional e pessoal; usar a tecnologia a seu favor e se livrar de distrações configurando plataformas para aumentar sua produtividade; e aplicar as últimas descobertas da neurociência para renovar continuamente sua energia mental e física.

É importante ressaltar que, após um ano de pandemia, para muitos profissionais trabalhar remotamente, apesar de ser um sonho para a maioria, também trouxe para muitos trabalhadores dificuldades, dispersões e abstrações. Isso exige, conforme o palestrante, que a equipe se aprimore para gerenciar melhor as decisões, a atenção, a energia e a fazer escolhas que trarão o máximo retorno para o tempo investido.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Governador pede prioridade para gestantes na vacinação contra a covid-19 em MT
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana