conecte-se conosco


CUIABÁ

Secretaria de Cultura não funcionará no período da tarde desta sexta (19)

Publicado


Gustavo Duarte

Clique para ampliar

A Prefeitura de Cuiabá informa que a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer não irá funcionar no período da tarde desta sexta-feira (19). O atendimento será interrompido a partir das 12h, pois o prédio, localizado na Avenida Barão de Melgaço passará por procedimento de desinfecção, em razão da pandemia do novo Coronavírus.

A gestão ressalta que todos os prédios municipais são submetidos a processo de higienização periodicamente, evitando, dessa forma, a disseminação do vírus. A Pasta retorna com seu funcionamento normal na segunda-feira (22). 

Comentários Facebook
Leia mais:  Cuiabá recebe mais 5.430 doses de Coronavac para concluir imunização de idosos acima de 80 anos
publicidade

CUIABÁ

Trabalhadores da saúde devem apresentar declaração de que fazem parte do grupo prioritário para se vacinarem

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

A campanha “Vacina Cuiabá – sua vida em primeiro lugar” retoma a abertura de vagas para aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19 para trabalhadores da saúde. Neste sábado (6), às 13 horas, o site da campanha estará liberado para agendamento da vacinação de segunda-feira (8), com 1.000 vagas para esse grupo prioritário. 

A novidade no processo de vacinação dos trabalhadores da saúde é que será necessário imprimir a declaração de que faz parte do grupo prioritário dos trabalhadores da saúde em atividade, que deve ser preenchida com o número do CNES – Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde, assinada e levada no ato da vacinação no Centro de Evento do Pantanal. O documento estará disponível no site Vacina Cuiabá, onde é feito o cadastro para vacinação. 

Tal medida atende à notificação recomendatória nº 007/2021, assinada pelo promotor de justiça Alexandre Guedes, da 7ª Promotoria de Justiça Cível, que orienta que sejam vacinados primeiro os trabalhadores vinculados a estabelecimentos e exercício de atividades com alto risco de contaminação pelo coronavírus e que as categorias de profissionais de educação física, integrantes de serviços veterinários e/ou que sejam exclusivamente de estética sejam vacinados em momento posterior da campanha de imunização.

Até o momento, mais de 75% dos trabalhadores da saúde já receberam pelo menos uma dose da vacina. De acordo com o Localiza SUS, sistema do Ministério da Saúde que registra os dados da imunização contra a covid-19, 17.538 pessoas receberam a primeira dose e 10.414 pessoas desse grupo já receberam as duas doses. Estima-se que haja cerca de 23,3 mil trabalhadores da saúde na Capital.

Leia mais:  Veja como ficam os atendimentos das Secretarias de Meio Ambiente com reforço das medidas de biossegurança

VEJA COMO AGENDAR A PRIMEIRA DOSE DOS TRABALHADORES DA SAÚDE

-Entre no site www.cuiaba.mt.gov.br e clique no banner do “Vacina Cuiabá”;

-Clique em PRÉ CADASTRO;

-Clique em ACEITAR E CONTINUAR;

-No campo TIPO DE DOSE escolha PRIMEIRA DOSE e clique em PRÓXIMO PASSO;

-No campo GRUPO DE RISCO escolher TRABALHADORES DA SAÚDE e clique em PRÓXIMO PASSO;

-Preencha TODOS os dados corretamente e clique em ENVIAR CADASTRO;

-Será gerada uma declaração de que a pessoa faz parte dos trabalhadores da saúde.

-A pessoa deve levar a declaração assinada pelo gestor do hospital ou unidade de saúde onde trabalha, com o carimbo da instituição e um documento com foto;

-Os profissionais autônomos devem trazer a declaração com o carimbo profissional e um documento do Conselho de Classe que rege sua profissão.

 
 
 

Comentários Facebook
Continue lendo

CUIABÁ

NOTA OFICIAL – Prefeitura rebate informação veiculada em publicidade do Governo do Estado

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Mediante a propagação de informações veiculadas nos informes publicitários do Governo do Estado relativos à pandemia, a prefeitura de Cuiabá esclarece que:

– A referida propaganda induz a população a erro quando se refere a uma decisão conjunta entre o governo, os poderes e as prefeituras estabelecendo novas medidas restritivas no estado;

– Em nenhum momento a Prefeitura de Cuiabá participou de qualquer diálogo promovido pelo Executivo Estadual para adotar tais medidas emergenciais de combate à disseminação da Covid-19. Trata-se, portanto, de decisão unilateral e antidemocrática;

– A prefeitura de Cuiabá defende horário mais elástico para o toque de recolher, das 23h às 5h, com fiscalização mais rigorosa e tolerância zero aos comerciantes que não cumprirem as determinações, além de priorizar abertura de novos leitos e aquisição de vacinas para imunizar toda população;

– A ação irregular de alguns não pode penalizar o conjunto do setor produtivo, que se encontra no limite após o surgimento de uma pandemia que não tem data certa para acabar. A restrição dos horários de funcionamento do comércio pode, inclusive, ser um sério agravante para as aglomerações;

– Desde o primeiro momento, as ações municipais de enfrentamento à pandemia têm se dado de forma planejada e respaldadas tecnicamente, no escopo do Plano Municipal de Contingência Covid-19. E sempre em defesa da saúde e da vida da população.

– A prefeitura entende que, neste momento, quando as informações sobre a Covid-19 estão largamente difundidas, é preciso buscar o maior equilíbrio possível entre as medidas de enfrentamento à doença e as que salvaguardem o direito ao emprego, à renda e à dignidade humana – sobretudo daqueles que precisam trabalhar a cada dia para sobreviver.

Leia mais:  Cuiabá recebe mais 5.430 doses de Coronavac para concluir imunização de idosos acima de 80 anos

– A palavra-chave é harmonizar, contrabalançando duas faces aparentemente divergentes de um mesmo problema. Daí a importância de se ter um plano sério de convivência das atividades econômicas com a doença, robustecido agora com a experiência acumulada no seu enfrentamento.

– As ações de saúde municipais embasadas pelo Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19 são reforçadas dia a dia, com a inestimável atuação dos nossos profissionais de saúde. Foi esse trabalho incansável que permitiu à capital atender grande número de pacientes de todo o estado, no maior pico de internações registrado no ano passado.

– Já naquela ocasião ficou evidente a falta de planejamento do Executivo Estadual, que desde o início da pandemia deixou patente não ter se preparado para seu avanço.

– Críticas construtivas e discordâncias dentro do debate democrático, quando bem intencionadas, produzem bons resultados. Tanto é assim que hoje o Governo estendeu os horários de fechamento dos supermercados no sábado e dos restaurantes nos finais de semana. Uma atitude mais sensata diante do caos que poderia ocorrer;

– O caminho mais fácil quase sempre não é o melhor. Agora, as gestões públicas de todo o país têm a responsabilidade de avançar no combate à pandemia com o menor trauma possível àqueles que não possuem qualquer segurança financeira para cuidar de suas famílias.

– Decisões unilaterais, sem respeitar os preceitos básicos da democracia e os contextos de cada município – que são bastante diversos no nosso estado –, combinam com arrogância, não com solução.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana