conecte-se conosco


POLÍTICA NACIONAL

Governo indica mais um general como novo diretor-geral de Itaipu

Publicado


source
Novo diretor-geral de Itaipu, general João Francisco Ferreira
Reprodução

Novo diretor-geral de Itaipu, general João Francisco Ferreira

O governo federal indicou o general da reserva João Francisco Ferreira como o novo diretor-geral brasileiro da Itaipu Binacional . A informação foi dada na noite desta sexta-feira (19) pelo  Ministério de Minas e Energia.

A troca se dá após o antigo diretor-geral e também militar da reserva, Joaquim Silva e Luna, ter sido indicado para presidir a Petrobrás, substituindo Roberto Castello Branco.

Na quinta-feira (18), Bolsonaro disse, em live nas redes sociais, que o reajuste nos preços da gasolina e do diesel foram “fora da curva e “excessivos”, e disse que “algumas coisas” iam mudar.

“Eu não posso interferir e nem iria interferir [na Petrobras]. Se bem que alguma coisa vai acontecer na Petrobras nos próximos dias, tem que mudar alguma coisa. Vai acontecer”, pontuou.

Bolsonaro disse, ainda, que não haverá mais, a partir do dia 1º de março, qualquer imposto federal incidindo sobre o preço do óleo diesel.  Ele também afirmou que o gás de cozinha será zerado.

“Hoje à tarde, reunido com a equipe econômica, tendo à frente o ministro Paulo Guedes, decisão nossa, a partir de 1º de março, não haverá mais qualquer tributo federal no gás de cozinha”.

Comentários Facebook
Leia mais:  "Preso político" e "boi de piranha": Silveira se diz abandonado em "Guantánamo"
publicidade

POLÍTICA NACIONAL

Governador da Bahia alerta sobre pandemia: “Nunca tivemos uma situação igual”

Publicado


source
Governador da Bahia Rui Costa (PT-BA)
Reprodução/Facebook

Governador da Bahia Rui Costa (PT-BA)

O governador da Bahia, Rui Costa (PT) fez nesta quinta-feira (25) uma análise pessimista em relação ao avanço da pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2).

O petista prevê que “a saúde vai colapsar e o Brasil mergulhará no caos em duas semanas”. A Bahia na próxima sexta (26) entrará em lockdown, com restrição de todas as atividades não-essenciais no estado, incluindo na capital Salvador.

“Já estamos vendo o problema se agravar no país todo. No Rio Grande do Sul, na Bahia, no Ceará. Nunca tivemos uma situação igual”,diz Rui.

Nesta quinta (25), o país registrou pelo 35º dia seguido média móvel de mortes acima de 1000 em decorrência da Covid-19. 

“Temos hoje, ainda, um menor número de infectados, mas uma explosão de internações e de mortes muito mais grave do que em julho de 2020”, afirma. “Antes, a quase totalidade das mortes era de pessoas de mais de 60 anos. Agora, jovens, de 30 a 50, também estão sendo vítimas fatais”, completa o governador”.

Preocupado com as novas cepas do vírus, ele afirma que o número de óbitos diários na Bahia supera os vistos no auge da primeira onda, em julho do ano passado. “A pressão nunca foi tão grande”, alerta.

Comentários Facebook
Leia mais:  Bolsonaro: "Estatal, seja qual for, tem que ter uma visão social"
Continue lendo

POLÍTICA NACIONAL

MP denuncia Kassab por corrupção, lavagem de dinheiro e caixa 2

Publicado


source
Gilberto Kassab
Marcelo Camargo/ABr

Gilberto Kassab

O ex-ministro e ex-prefeito Gilberto Kassab foi denunciado, nesta quinta-feira (25), pelo Ministério Público Eleitoral do Estado de São Paulo (MPE-SP) pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro, caixa 2 eleitoral e associação criminosa .

O MPE acusa Kassab de ter recebido mais de R$ 16 milhões do frigorífico JBS devido à sua função de ministro, entre os anos de 2014 e 2016. Os valores foram repassados por meio de contratos falsos com simulação de serviços entre as empresas do Grupo J&F e a Yapê Assessoria e Consultoria Ltda., que seria controlada pelo ex-ministro, informou o MPE.

Os advogados do político, no entanto, afirmam que a denúncia não tem fundamento. De acordo com eles, Kassab “apresentou farta documentação que demonstra, de forma cabal e inequívoca, que houve a real e efetiva prestação dos serviços dos dois contratos, com valores adequados e compatíveis com os praticados no mercado, executados mediante relação contratual entre empresas privadas, sem prejuízos ao erário”, diz nota à imprensa.

A nota também afirma que a lisura dos atos de Kassab será verificada pela Justiça. 

Promotores

O MPE, no entanto, acredita que a JBS repassa dinheiro para uma empresa chamada Yapê Assessoria e Consultoria, por meio de um contrato fictício. Segundo os promotores, este dinheiro tinha “o objetivo de assegurar boas relações, bem como viabilizar a captação de recursos para o financiamento dos projetos de implantação e expansão, em diferentes ramos de atividade da economia”.

“Investigações do Ministério Público Federal e da Polícia Federal, bem como as investigações internas realizadas no âmbito do acordo de leniência firmado entre o Grupo J&F e o Ministério Público Federal, revelaram não somente evidências sobre as irregularidades no aludido processo de captação de recursos, mas, principalmente, o processo de geração de ‘caixa 2’ na empresa e os pagamentos realizados a agentes públicos, bem como a partidos políticos e candidatos a título de doação eleitoral”, afirma o MPE.

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana