conecte-se conosco


DIAMANTINO

Diamantino ultrapassa a marca de 1 mil recuperados da Covid-19

Publicado


A Secretaria Municipal de Saúde de Diamantino, divulgou os dados relacionados as taxas de infecção de pessoas pela Sars-Cov-2, vírus causador da Covid-19, apontando que 1.004 pessoas estão totalmente recuperadas da doença. Os dados foram divulgados no final da tarde desta sexta-feira (19.02).

De acordo com o boletim informativo, o número de pessoas recuperadas representa quase o total de casos confirmados acumulados desde o início da pandemia (93%), sendo 1.069 pessoas com registro confirmado de contágio pela doença desde o dia 03 de março de 2020.

O informativo aponta ainda que no município, 25 pessoas estão sob suspeita de infecção, outras 40 tiveram a confirmação do contágio, sendo que 6 destes pacientes precisaram de internação hospitalar e permanecem sob os cuidados em unidades de terapia intensiva – UTI nos municípios de Cuiabá e Nova Mutum. Outras 138 estão em isolamento domiciliar por terem tido algum tipo de contato com estas pessoas.

A Secretaria também informa que 25 pessoas perderam a vida por complicações em decorrência da contaminação pela doença, e pede que a população respeite as regras de distanciamento social, evitem aglomerações e façam a higienização das mãos com água e sabão ou álcool 70%, conforme preconiza o Ministério da Saúde.

Comentários Facebook
Leia mais:  Vice-prefeito recebe empresários para tratar da coleta seletiva de resíduos sólidos
publicidade

DIAMANTINO

Prefeito e vice recebem homenagem pela parceria com a Polícia Milita

Publicado


O trabalho integrado do Governo Municipal de Diamantino com a Polícia Militar foi reconhecido pela corporação. Durante visita ao Comando da PM em Nova Mutum, o prefeito Manoel Loureiro Neto (MDB) e o vice Jozenil da Costa Lube ‘Bodão’ (PSD) foram congratulados com uma placa em homenagem ao trabalho conjunto da Prefeitura com a polícia.

“Segurança pública é o bem-estar da nossa população, somos e sempre seremos parceiro das nossas polícias. O heroico trabalho desempenhado em promover segurança e salvar vidas merece todo nosso apoio e reconhecimento”, salientou o prefeito.

A parceria entre Prefeitura e PM abriu portas para novos projetos, o gestor municipal saiu de Nova Mutum com a sinalização do comandante Cel Fernando para auxiliar na implantação da equoterapia no município.

A equoterapia é um método terapêutico e educacional que utiliza o cavalo em uma abordagem interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência e/ou necessidades especiais. Reconhecida pelo Conselho Federal de Medicina desde 1997, o cavalo, o meio equestre e a pluralidade de estímulos são agentes facilitadores de ganhos físicos, psicológicos e motivadores para a aprendizagem.

O vice-prefeito frisou que o Poder Executivo tem a constante preocupação em melhorar a segurança pública no município e sempre estará à disposição para colaborar com os órgãos policiais.

Comentários Facebook
Leia mais:  Prefeitura antecipa folha de fevereiro e cooperados passam a receber salários dentro do mês
Continue lendo

DIAMANTINO

Diamantino recebe apoio da Polícia Militar para implantação de equoterapia

Publicado


O prefeito de Diamantino, Manoel Loureiro Neto (MDB), esteve na terça-feira (23.02) em Nova Mutum para visitar as instalações do CBM e da 14º CR PMMT, acompanhado do vice-prefeito Jozenil da Costa Lube ‘Bodão’ e dos vereadores Eraldes Campos, Michele Carrasco, Arnildo Neto, Adriano Correa e do presidente da Câmara, Ranielli Patrick.

A comitiva diamantinense conheceu o funcionamento da Escola Tiradentes, Cavalaria e Comando Regional. Guiados pelo comandante Cel. Fernando presenciaram os benefícios da equoterapia. Na ocasião, o prefeito pleiteou auxilio técnico para Diamantino também oportunizar os serviços à população e prontamente recebeu apoio da Polícia Militar para conseguir implantar o projeto no município.

A equoterapia é um método terapêutico que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação, buscando o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência e/ou com necessidades especiais.

A atividade emprega o cavalo como agente promotor de ganhos a nível físico e psíquico exigindo a participação do corpo inteiro, contribuindo, assim, para o desenvolvimento da força muscular, relaxamento, conscientização do próprio corpo e aperfeiçoamento da coordenação motora e do equilíbrio.

“Desejamos muito em breve conseguir oferecer esse serviço tão benéfico também em Diamantino. Uma atividade terapêutica completa que envolve toda reabilitação física e mental. Age na mobilização pélvica, coluna lombar e articulações do quadril. Melhora do equilíbrio e da postura, desenvolve a coordenação de movimentos entre tronco, membros e visão, além de estimular a sensibilidade tátil, visual, auditiva, olfativa, melhorando a integração sensorial e motora”, destacou o prefeito.

A Lei 13.830, de 2019, que regulamenta a equoterapia como método de reabilitação de pessoas com deficiência, foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro. A legislação determina que a prática de reabilitação — que utiliza o cavalo em abordagem interdisciplinar nas áreas de saúde, educação e equitação voltada ao desenvolvimento biopsicossocial da pessoa com deficiência — será exercida por uma equipe multiprofissional.

O prefeito ressaltou que o Governo Municipal de Diamantino não medirá esforços para que o município tenha na equoterapia uma importante aliada para reabilitação dos pacientes.

Leia mais:  Em reunião, secretários anunciam titulação da Bojuí e construção de ciclovia

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana