conecte-se conosco


ENTRETENIMENTO

Cantor sucesso nos anos 80 nega esconder sexualidade: “Nunca estive no armário”

Publicado


source

O cantor Markinhos Moura estourou em todo o Brasil com a música “Meu Mel”, que vendeu 100 mil cópias. O artista, hoje com 53 anos, fez sucesso nos anos 80 e era uma figura certa nos programas de auditório da época. Em entrevista ao site Gay Blog, ele relembrou esse período e disse que nunca escondeu a sexualidade do público.

Markinhos Moura
Reprodução/Instagram

Markinhos Moura, sucesso nos anos 80, diz que nunca esteve no armário

“Eu usava camisetas decotadas para época. Eu era loiro, eu descoloria o cabelo, e fui um dos primeiros artistas depois do Jô Soares e do Benito di Paula, a usar brinco. Você imagina o quanto isso custou na época… Nunca tive a necessidade de falar disso. Era uma época que você não podia falar isso e eu vivia com um séquito atrás de mim, me policiando. Tinha muita gente que como eu, não podia se mostrar, como hoje, como depois poderia se mostrar. Eu nunca estive no armário, eu sempre estive na frente do armário, abrindo a porta para quem quisesse entrar ou sair”, disse Markinhos.

Mesmo com todo o sucesso que fez, o cantor revelou que não chegou nem perto de enriquecer, muito menos conseguir guardar dinheiro para o futuro. “Ganhei na época o que dava para me sustentar e ajudar a minha mãe, mas não deu tempo de eu comprar imóvel. E outra coisa, não se ganhava muito naquela época. Eu podia ter uma aposentadoria se as pessoas que tivessem comigo, tivesse me orientado desde aquela época a começar a pagar. Eu não tenho aposentadoria. Isso foi um erro muito grande, então eu não ganhei dinheiro que desse para eu juntar”, disse. Markinhos ainda comentou que foram poucas as celebridades da época que conseguiram enriquecer da maneira como os artistas fazem hoje.

Leia mais:  Morre o ator Hugh Keays-Byrne, vilão do primeiro da saga "Mad Max"
Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
publicidade

ENTRETENIMENTO

Morre Rodela aos 66 anos; humorista estava com Covid-19

Publicado


source
SBT faz nota de pesar por morte de Rodela
Reprodução

SBT faz nota de pesar por morte de Rodela


Morreu, nesta quarta-feira (02), o humorista Luiz Carlos Ribeiro, mais conhecido como Rodela . Aos 66 anos, o artista estava internado há duas semanas no Hospital Geral de Guarulhos. Na terça-feira (01), ele havia recebido o resultado positivo para a Covid-19 . No início desta noite, foi submetido a hemodiálise e sofreu paradas cardíacas, vindo a falecer.

Em nota, o SBT prestou uma homenagem ao artista. “Rodela foi um artista nato, tendo sua veia humorística evidenciada nas ruas da cidade de São Paulo, onde, com seu talento, agrupava dezenas de pessoas em praças, ruas e calçadas para acompanhar seu show. Na TV, sua primeira aparição foi no programa ‘Show de Variedades’, em 1992, fazendo performances de comédia. Participou posteriormente de diversos programas de humor tendo destaque no programa ‘Ratinho Livre’, da RecordTV , em 1997″, disse a nota.

“No ano seguinte, com a vinda de Ratinho para o SBT , Rodela integra o elenco do ‘Programa do Ratinho’, onde permanece por vários anos, sempre intervindo nos casos, trazendo leveza e diversão às situações mais adversas. Sempre que ‘telefonava’ com seu ‘celular gigante’ para sua irmã no Recife (PE), a plateia e o apresentador iam às gargalhadas. Rodela também participou de ‘A Praça é Nossa’, tendo feito diversos quadros e contracenado com vários comediantes do programa. Posteriormente, esteve no programa ‘Show do Tom’, também na RecordTV “, finalizou a nota.

A morte de Rodela foi anunciada por Murilo Bordoni , diretor de palco do ‘Programa do Ratinho’. “Ele estava bem, a mulher dele falou que os médicos retirariam a medicação. Quando o levaram para uma sessão de hemodiálise, não aguentou e teve três paradas cardíacas”, disse o diretor em entrevista ao portal NaTelinha .

Fonte: IG GENTE

Leia mais:  Mulher tem a casa invadida enquanto grava TikTok

Comentários Facebook
Continue lendo

ENTRETENIMENTO

Vivi Romanelli deixa o comando de programa na Band Rio: ‘Nos veremos em breve’

Publicado


source
Vivi Romanelli
Divulgação

Vivi Romanelli


Viviane Romanelli usou seu perfil no Instagram para comunicar aos que acompanhavam seu trabalho à frente do “RJ da Sorte” — todo domingo de manhã pela Band Rio  — que está deixando a atração. “Gostaria de agradecer imensamente a essa equipe que me acompanhou por treze anos. Sigo agora com novos projetos. Nos veremos em breve na telinha. Já, já novidades bem legais! Mais uma vez, muito obrigada a todos! Valeu, ‘RJ da Sorte'”, declarou Vivi, que está no ar na  Super Rádio Tupi 96,5 FM  do Rio.

O post rendeu uma série de reações dos fãs da apresentadora. “Aonde você for, será sucesso, porque já chega irradiando alegria. Talento e competência tem de sobra. Vai com tudo, você merece! Na torcida sempre!”, escreveu o primeiro. Logo depois, o segundo expressou todo o seu carinho: “Te acompanho desde o Shoptime, você foi e sempre será sucesso”. Já o terceiro não economizou nas lamentações: “Poxa, Vivi, você vai fazer muita falta. Desejo sorte”, pouco antes de ressaltar que “o ‘RJ da Sorte’ não vai ter a mesma graça”.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Leia mais:  Mirella foi expulsa de casa aos 17 anos e hoje, com 22, sustenta família
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana