conecte-se conosco


POLICIAL

Polícia Civil prende mulher com 58 tabletes de maconha em Rondonópolis

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma grande quantidade de entorpecentes, entre maconha e cocaína, foi apreendida pela Polícia Civil, na tarde desta sexta-feira (15.10), em trabalho investigativo realizada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá). A ação resultou na apreensão de 58 tabletes de maconha e cinco de cocaína, além de apreensão de uma motocicleta e apetrechos utilizados na atividade do tráfico.

Durante investigações do tráfico no município, a equipe da Derf identificou a traficante moradora do bairro Magnólia e abastecia os pontos de venda de drogas da região. Segundo as informações, a suspeita armazenava grande quantidade de drogas para um traficante, liderança de uma facção criminosa, responsável por controlar o tráfico de drogas na região de Rondonópolis.

Em monitoramento da residência da investigada, os policiais receberam informações de que havia drogas enterradas nos fundos da casa. Diante da possibilidade, os investigadores realizaram a abordagem da traficante no momento em que ela chegava à residência. Bastante nervosa, ela tentou fugir com a sua motocicleta e negou que tivesse drogas em casa.

Em buscas na residência, os policiais encontraram porções de cocaína e de maconha no painel da televisão. Nos fundos da casa dentro de um buraco na calçada foi realizada a apreensão de 58 tabletes de maconha. No local, também foram apreendidas duas balanças de precisão, um caderno com anotações, um pilão com resquícios de droga.

Diante do flagrante, todo o material ilícito foi apreendido e a suspeita conduzida a Derf Rondonópolis onde após ser interrogada foi autuada em flagrante por tráfico de drogas.

 

Fonte: PJC MT
Leia mais:  Polícia Civil divulga resultado de remoções de delegados no interior do estado

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Homem tem prisão cumprida por estupro de menina de cinco anos em Cáceres

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem considerado foragido da Justiça há mais de um ano por estupro de vulnerável cometido contra uma menina de apenas cinco anos teve o mandado de prisão cumprido, nesta segunda-feira (19.10), em ação da Polícia Civil com apoio da Polícia Militar no município de Cáceres (228 km a oeste de Cuiabá).

O autor dos abusos foi investigado em inquérito policial instaurado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cáceres, ocasião em que teve o mandado de prisão representado pelo crime de estupro de vulnerável.

O suspeito é pai da irmã mais velha da vítima e aproveitou a necessidade de apoio da ex-companheira para estabelecer um convívio maior com a menina. Em uma ocasião, o suspeito deu carona em sua motocicleta para a criança e aproveitou o momento para passar a mão nas partes íntimas da menina. Não satisfeito, ele levou a menor para lateral da casa onde novamente abusou da menina.

A situação foi flagrada pela irmã de 9 anos da menina que chamou pela vítima e viu o momento em que o suspeito e a criança arrumavam as roupas. Diante das provas levantadas, a delegada Judá Maali Marcondes representou pela prisão preventiva do suspeito que estava foragido desde a data do crime.

O mandado foi expedido pela Justiça e após mais de um ano de diligências, a Polícia Civil com apoio da Polícia Militar conseguiu localizar o suspeito que teve a ordem judicial cumprida. Ele foi encaminhado à Cadeia Pública de Cáceres a disposição da Justiça.

 

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Três homens condenados por estupro de vulnerável tem prisão cumprida em Barra do Bugres
Continue lendo

POLICIAL

Policiais civis cumprem prisão de homem investigado por homicídio na agrovila de Palmeiras

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Santo Antônio de Leverger e da 3a Delegacia de Cuiabá cumpriram na última semana o mandado de prisão contra o autor de um homicídio ocorrido no ano passado na Agrovila de Palmeiras.

A vítima, Elton Ferreira Marques, 33 anos, foi executada por vários disparos de arma de fogo na frente de sua residência na agrovila, município de Santo Antônio de Leverger, no dia 19 de setembro do ano passado. O rapaz foi socorrido por uma ambulância do distrito, mas morreu a caminho do pronto-socorro de Cuiabá.

De acordo com o delegado Adalberto Antônio de Oliveira, a prisão temporária foi decretada pelo juiz da Comarca de Santo Antonio de Leverger. O investigado, de 26 anos, foi encaminhado para unidade prisional do Capão Grande, em Várzea Grande.

De acordo com as informações coletadas na investigação, o investigado pelo crime já teria tentado contra a vida da vítima por três vezes, entretanto não houve registros desses fatos à Polícia Civil.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Polícia Civil prende traficante que atuava no bairro Jardim União
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana