conecte-se conosco


POLICIAL

Mais de 20 pessoas são presas em dois dias de operação em Confresa e região

Publicado


Nara Assis/Sesp-MT

A Operação Integrada Ordem Pública realizada em Confresa (1.180 km ao Norte de Cuiabá) e região resultou na prisão em flagrante de 10 pessoas, além do cumprimento de 11 mandados de prisões e 6 de buscas e apreensões. Também foram apagadas 88 siglas de apologia ao crime pichadas em muros da cidade. Este é o balanço final da ação das forças de segurança, realizada nesta quarta e quinta-feira (14 e 15.10).

A atuação abrangeu ainda os municípios de Vila Rica e Porto Alegre do Norte. No total, foram efetuadas 21 prisões. Ao longo dos dois dias, foram apreendidas quantias de R$ 504 e R$ 7.830 em dinheiro, quatro cadernos de anotações, quatro charutos, embalagens para preparo de drogas, 14 munições, 13 aparelhos celulares, uma porção de cocaína, uma porção de maconha, dois tabletes de maconha, um pé de maconha, duas porções pequenas de sementes.         

Sob coordenação da Adjunta de Integração Operacional da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), participaram 115 profissionais das forças de segurança, entre integrantes da Polícia Civil (PJC-MT), Polícia Militar (PM-MT), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e Sistema Penitenciário, por meio do Serviço de Operações Especiais (SOE).

O trabalho de investigação teve início no mês de agosto deste ano, conforme explica o delegado regional de Confresa, Marcos Leão. “Foi feito um levantamento e produção de conhecimento sobre a atuação das facções criminosas, e observamos como elas atuavam. A Secretaria de Segurança desencadeou essa operação, mostrando que não vai aceitar que organizações criminosas se desenvolvam na região e que o trabalho das forças de segurança será constante, para impedir que o crime ganhe as ruas”, frisou.

Leia mais:  Polícia Civil identifica um dos autores de furtos em centro comercial de Rondonópolis

O comandante do 10º Comando Regional da PM-MT, tenente-coronel PM Wellington Rodrigues, destacou que o trabalho integrado é muito importante para fortalecer a segurança na região. “Com a atuação em sintonia de todas as instituições, o Estado demonstra sua força de forma ordenada, legal e legítima. Não vamos admitir que facções criminosas entrem em confronto com a polícia. Nós sempre prezaremos pela sensação de segurança da população, servindo e protegendo a sociedade”.

O balanço também inclui apreensão de três armas de fogo, abordagens a 135 pessoas e 78 veículos, dois termos circunstanciados lavrados e 16 atos de fiscalizações do CBM-MT. Houve ainda confronto com dois suspeitos, que atiraram contra os policiais. Na reação policial, que revidou em legítima defesa, os homens ficaram feridos, chegaram a ser socorridos, mas vieram a óbito.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

POLICIAL

Polícia Civil de MT cumpre prisão de suspeito de homicídio ocorrido em São Bernardo do Campo

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

O suspeito de um homicídio ocorrido na cidade de São Bernardo do Campo (SP) teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil de Mato Grosso, nesta quinta-feira (22.10), em ação realizada pela Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol), com apoio da inteligência da PJC e Polícia Civil do município paulista.

A prisão temporária de 30 dias foi expedida pelo Comarca de São Bernardo do Campo com o fim de dar continuidade ao trabalho investigativo. Segundo as investigações, a vítima deixou sua cidade natal na Bahia para morar com parentes no estado de São Paulo com objetivo de mudar de vida.

A vítima morava em um dos cômodos da casa sozinha e no dia do crime, parentes que moravam na outra casa chegaram a ouvir um grito, porém não viram ninguém no local. No dia seguinte, os parentes sentiram falta da vítima e foram até o cômodo quando encontraram o corpo em cima da cama, com uma faca cravada no pescoço.

As investigações da Polícia Civil de São Bernardo do Campo apontaram o ex-companheiro da vítima como principal suspeito do crime, uma vez que ele foi o último a ser visto em sua companhia, horas antes. O suspeito teve a ordem de prisão expedida pela Justiça, a qual foi cumprida pela equipe da Polinter na cidade de Várzea Grande.

Depois de cumprido o mandado, o preso foi encaminhado para audiência de custódia e deverá permanecer a disposição da justiça.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Mulher é presa em flagrante após tentativa de homicídio contra homem de 23 anos
Continue lendo

POLICIAL

Suspeito de furto a farmácia é preso em flagrante pela Polícia Civil

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis de Poconé prenderam em flagrante nesta quarta-feira (21) o suspeito identificado como autor de um furto ocorrido a uma farmácia da cidade. O crime ocorreu durante a madrugada de quarta-feira, quando o homem de 32 anos furtou dinheiro do caixa do estabelecimento. A ação foi registrada pelo circuito interno de segurança.

Após as diligências da equipe de investigação, o suspeito, que não tem residência fixa, foi localizado em uma via pública no centro da cidade. Ao ser abordado pelos policiais civis, ele informou que gastou o dinheiro no pagamento de dívidas e que praticou o furto sozinho.

Ele foi encaminhado à Delegacia de Poconé, onde foi autuado em flagrante por furto qualificado majorado pelo delegado Ruy Guilherme Peral. Posteriormente, foi encaminhado à unidade prisional do município, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

O suspeito tem outros registros criminais em inquéritos por furto e receptação nas comarcas de Poconé, Nossa Senhora do Livramento e de Cuiabá.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Campanha Outubro Rosa leva ação de cuidado e autoestima a policiais civis femininas
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana