conecte-se conosco


MATO GROSSO

Jogadores da Escola de Futebol da Rotam são selecionados para a categoria de base do Cuiabá Esporte Clube

Publicado


Mais dois jogadores da Escolinha de Futebol do Batalhão Rotam da Polícia Militar foram aprovados na seletiva da categoria de base do Cuiabá Futebol Clube. Marco Antônio de Oliveira, de 15 anos, e Alexandre Albuquerque, de 14 anos de idade, se juntam a Gabriel Rodrigues, goleiro do projeto selecionado no início deste mês para o Sub-14 do time cuiabano, atual líder da Série B do Campeonato Brasileiro.

Há um ano, os jogadores Marco Antônio e o Alexandre Albuquerque entram para jogar futebol no projeto social Escolinha Grêmio Rotam. Os adolescentes participaram da seletiva do Cuiabá nos dias 8 e 9 de outubro. Morador do bairro Santa Terezinha, Marco Antônio é zagueiro. Já Alexandre Albuquerque, que faz questão de dizer que é canhoto, joga na posição de meio campo.  

O adolescente Marco Antônio com o zagueiro Anderson Conceição do Cuiabá Esporte Clube

Alexandre ressalta que a oportunidade de ingressar para a categoria de base de um time profissional é apenas o começo da realização de um sonho. Animado, o adolescente atribui sua conquista a Deus e aos seus professores da escolinha Rotam.

“Estou há um ano na Escolinha Grêmio Rotam. Com o esporte aprendi muita coisa, sou grato aos meus treinadores, que tanto me ensinaram sobre a vida e o futebol nesse projeto. Agradeço muito a força que os sargentos Renildo e Padilha e o professor Douglas me deram e estão me dando. Sou muito grato a Rotam por ter dado essa oportunidade”, destaca Alexandre.

A Escola de Futebol da PM é um projeto social de prevenção primária. A iniciativa desenvolvida pelos policiais do Batalhão Rotam atende gratuitamente 100 crianças e adolescentes carentes, entre 06 e 15 anos de idade. Com a recente aprovação de Marco Antônio Alexandre Albuquerque, a escolinha chega a três alunos selecionados para jogarem no Cuiabá. No começo do mês de outubro, o goleiro Gabriel Rodrigues de 14 anos foi aprovado para jogar no sub- 14 do time da capital mato-grossense. 

Leia mais:  Programa vai investir R$ 265 milhões na regularização e permanência do agricultor no campo

O comandante do Batalhão Rotam, tenente-coronel Paulo César e toda a equipe da unidade especializada da PM recepcionaram na última semana, os mais novos talentos da bola do Cuiabá. No encontro, os participantes fizeram questão destacar e reconhecer todo o esforço e empenho dos alunos e dos policiais que ensinam futebol no projeto voluntariamente. 

“Ficamos contentes por colaborar de alguma forma com a realização desse sonho de ser jogador de futebol. A Escolinha Rotam ensina os alunos do projeto a manter a disciplina, priorizar a escola com boas notas. A vitória deles eleva ainda mais a nossa ação social promovida pelo nosso batalhão PM. Os nossos policiais contam com o apoio da família destas crianças e adolescentes, eles confiam no nosso trabalho; oferecemos aulas de futebol três vezes na semana, então a nossa equipe fica muito orgulhosa pelas conquistas dos nossos alunos”, diz o tenente-coronel. 

Escola de Futebol da Rotam

A escola atende crianças e adolescentes oferecendo gratuitamente aulas de futebol que ocorrem na sede do projeto, no Parque Georgia, no Coxipó, na capital. Toda a equipe de professores que atua no projeto social é formada por policiais militares graduados em Educação Física.

O goleiro Gabriel, o meio campo  Alexandre Albuquerque e  o zagueiro Marco Antônio com a equipe Rotam
 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
publicidade

MATO GROSSO

Policiais penais encontram 15 celulares e droga em área externa da Mata Grande

Publicado


Na madrugada deste sábado (31.10), policiais penais que faziam a vigilância do anexo da Penitenciária Major PM Eldo Sá Corrêa (Mata Grande), em Rondonópolis (215 ao Sul de Cuiabá), perceberam uma movimentação suspeita na parte externa da unidade. Eles avistaram um carro e uma moto na Rodovia MT-130, que passa aos fundos do anexo, em atitude suspeita.

Os policiais penais fizeram, então, uma varredura no local e localizaram um frasco de água sanitária contendo vários materiais ilícitos. O objeto foi lançado pelo muro com os seguintes itens: 15 celulares, uma tela para celular, uma capa para celular, três carregadores, 12 fones de ouvido, nove chips de duas operadoras telefônicas e uma porção de substância análoga a maconha.

A ação ocorreu por volta das 3h. Foram feitas rondas em volta da unidade, mas nenhum suspeito foi localizado.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Leia mais:  Em Sinop, operação da PM prende 5 motoristas por embriaguez ao volante
Continue lendo

MATO GROSSO

Sábado (31): Mato Grosso registra 143.638 casos e 3.853 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (31.10), 143.638 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 3.853 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 313 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 143.638 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 5.221 estão em isolamento domiciliar e 134.087 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 148 internações em UTIs públicas e 124 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 36,72% para UTIs adulto e em 14% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (29.388), Rondonópolis (10.644), Várzea Grande (10.067), Sinop (7.112), Sorriso (6.339), Lucas do Rio Verde (5.893), Tangará da Serra (5.710), Primavera do Leste (4.940), Cáceres (3.473) e Campo Novo do Parecis (2.887).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

O documento ainda aponta que um total de 115.514 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 482 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na última sexta-feira (30), o Governo Federal confirmou o total de 5.516.658 casos da Covid-19 no Brasil e 159.477 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 5.494.376 casos da Covid-19 no Brasil e 158.969 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados de sábado (31).

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

Leia mais:  Merendeiros relatam saudade dos alunos e desafios de uma alimentação com qualidade

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana