conecte-se conosco


POLÍTICA NACIONAL

Barroso envia a plenário do STF decisão sobre afastamento de Chico Rodrigues

Publicado


source
Ministro do STF Luís Roberto Barroso
Nelson Jr./SCO/STF

Luís Roberto Barroso tinha decidido por afastamento de forma monocrática

O ministro Luís Roberto Barroso , do Supremo Tribunal Federal (STF), enviou ao plenário da Corte a decisão de afastar o senador Chico Rodrigues (DEM-RR), que foi flagrado com dinheiro na cueca durante uma operação da Polícia Federal na casa dele. O parlamentar foi alvo de operação por suposta participação em um esquema de desvios da área da Saúde em Roraima.

Barroso havia decidido pelo afastamento por 90 dias de Rodrigues  de forma de monocrática, o que deixou senadores desconfortáveis.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), recebeu nesta sexta-feira (16) o ofício do magistrado, mas o documento ainda não foi encaminhado para a Mesa Diretora da Casa.

Comentários Facebook
Leia mais:  Sabatina de Kassio Nunes pode durar de 8 a 10 horas; entenda como será a sessão
publicidade

POLÍTICA NACIONAL

Fux determina sorteio de novo relator para inquérito sobre Bolsonaro no STF

Publicado


source
moro
Reprodução

Fux determina sorteio de novo relator para inquérito sobre Bolsonaro no STF

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, determinou, nesta terça-feira (20), que o sistema eletrônico do STF sorteie um novo relator para o inquérito que apura se o presidente  Jair Bolsonaro (sem partido) tentou interferir na Polícia Federal (PF).

O relator original do processo era o ministro Celso de Mello, que se aposentou do cargo no último dia 12. O pedido para o sorteio partiu da defesa do ex-ministro Sérgio Moro, que também é investigado no inquérito e foi quem acusou o presidente da susposta interferência na estrutura da PF.

“A pedido dos advogados do ex-ministro Sérgio Moro, e em função da celeridade inerente a um inquérito, o presidente da Corte, ministro Luiz Fux, determinou a redistribuição do inquérito 4831 que estava sob a relatoria do ministro Celso de Mello. A redistribuição deve ocorrer ainda hoje pelo sistema eletrônico do STF”, diz o comunicado do STF.

O presidente Jair Bolsonaro indicou para a vaga o desembargador escolhido por ele, Kassio Nunes Marques, mas o nome precisa ser confirmado pelo Senado.

Comentários Facebook
Leia mais:  Jorge Oliveira é aprovado por 53 votos a 7 para ministro do TCU
Continue lendo

POLÍTICA NACIONAL

Jorge Oliveira é aprovado por 53 votos a 7 para ministro do TCU

Publicado


source
Jorge Oliveira foi indicado por Bolsonaro para o TCU
Edilson Rodrigues/Agência Senado

Jorge Oliveira foi indicado por Bolsonaro para o TCU

O ministro da secretaria-geral da Presidência da República, Jorge Oliveira , foi aprovado nesta terça-feira (20) pelo Senado para se tornar ministro do Tribunal de Contas da União (TCU). Oliveira  foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e é o primeiro aliado a ele a chegar a um cargo vitalício.

O futuro ministro do TCU recebeu 53 votos a favor e 7 votos contra. A vitória veio com folga, já que Oliveira precisava de pelo 41 votos da Casa. Ele vai José Múcio, que anunciou que se aposenta no dia em 31 de dezembro de 2020.

Mais cedo,  Oliveira foi sabatinado pelo Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado, mas também foi aprovado com tranquilidade. O placar foi de 23 a 3 a favor dele.

Jorge Oliveira é próximo de Bolsonaro e chegou a ter o nome cogitado para a vaga do ministro Celso de Mello no Supremo Tribunal Federal (STF). O presidente acabou optando pelo desembargador Kassio Nunes, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

Comentários Facebook
Leia mais:  Justiça determina bloqueio de R$ 29 milhões em bens de João Doria
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana