conecte-se conosco


ESPORTES

Vôlei-Conquistas inéditas na Superliga e presença certa em Tóquio 2020

Publicado

A principal conquista do ano para o vôlei brasileiro foi assegurar a presença nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, no Japão. A classificação foi garantida em torneios Pré-Olímpicos feminino e masculino. As brasileiras foram as primeiras a conquistarem a vaga no início de agosto: elas derrotaram na final a seleção da República Dominicana, com vitoria no tie-break, por 3 sets a 2, em partida realizada em Uberlândia (MG).   

Poucos dias depois, foi a vez de a seleção masculina, atual campeã (Rio 2016), carimbar o passaporte rumo a Tóquio. O Pré-Olímpico foi em Varna (Bulgária) e a classificação heroica na grande final, diante da equipe da casa, que contava com a torcida a seu favor. O time brasileiro, comandado pelo técnico Renan Dal Zotto, começou perdendo por 2 sets a 0, mas se superou em quadra e conseguiu virar o placar contra a Bulgária: emplacou 3 sets a 2, sacramentando a classificação para a olimpíada no Japão.

Brasil vira o jogo contra a Bulgária e está garantido em Tóquio,Seleção masculina de vôlei

Brasil vira o jogo contra a Bulgária e está garantido em Tóquio,Seleção masculina de vôlei – Divulgação FIVB

Outra virada histórica da seleção masculina aconteceu em setembro, na final entre Brasil e Argentina, valendo o título do Campeonato Sul-Americano, disputado em Santiago (Chile). A equipe hermana abriu 2 sets a 0 em cima dos brasileiros mas, a partir da terceira parcial, a história do jogo mudou, com alterações na escalação feitas por Dal Zotto. O Brasil conseguiu igualar o placar e no set final salvou quatro match points, selando a vitória por 3 sets a 2. Com o triunfo, o Brasil manteve a supremacia no sul-americano: foi a 32ª conquista brasileira em 33 edições. O único ano sem títulos foi em 1964, em Buenos Aires, quando o país não participou do torneio.

E pra fechar o ano com chave de ouro, a equipe masculina conquistou de forma invicta, e com uma rodada de antecedência, seu terceiro título na Copa do Mundo de Vôlei. Na penúltima partida da competição, disputada em outubro, em Hiroshima (Japão), a seleção brasileira derrotou a equipe dona da casa por 3 sets a 1, alcançando 100% de aproveitamento. Um título até então inédito para Renan Dal Zotto, que assumiu o comando do time após a Rio 2016.

Leia mais:  Cuiabá vence o Sport e volta a ficar entre os 10 primeiro do Brasileirão

Na Copa do Mundo Feminina, em Sapporo (Japão), o Brasil encerrou sua participação em quarto lugar. Mas fez bonito no Campeonato Sul-Americano, realizado na cidade de Cajamarca (Peru). A seleção, comandada pelo técnico José Roberto Guimarães, faturou o 13º título consecutivo ao derrotar a Colômbia por 3 sets a 0.  Foi a 21ª vez que o Brasil se sagrou campeão na história do torneio.  

A seleção brasileira feminina de vôlei é campeã sul-americana pela 21ª vez sendo a 13ª consecutiva. Neste domingo (01.09), o Brasil venceu a Colômbia na decisão por 3 sets a 0 (25/22, 25/23 e 25/20), em 1h25 de jogo, em Cajamarca, no Peru. A

retrospectiva_esporte_2019_abr_0109198874, por Divulgação/CBV

Performance dos clubes

O ano começou bem para o Cruzeiro, que conquistou em janeiro o tetracampeonato da Copa Brasil de Vôlei Masculino ao bater o Minas, por 3 sets a 0, na cidade de Lages (SC). No entanto, em maio, o time de vôlei da Raposa, pentacampeão da Superliga, perdeu a hegemonia no principal campeonato nacional da modalidade. O Taubaté, equipe do Vale do Paraíba, interior paulista, faturou pela primeira vez o título da Superliga após vencer o Sesi-SP, por 3 sets a 1, fechando a série decisiva (cinco jogos) por 3 a 2.

TAUBATE , SESI-SP, SUPERLIGA DE VOLEI MASCULINO 2019

TAUBATE , SESI-SP, SUPERLIGA DE VOLEI MASCULINO 2019 – Renato Antunes | Maxx Sports Brasil

Comandada pelo técnico Renan dal Zotto, também treinador da seleção brasileira, a equipe do Taubaté teve vários integrantes convocados este ano para integrar a equipe canarinho, como os ponteiros Lucarelli e Douglas Souza; os centrais Lucão e Otávio; e ainda o líbero Thales.  

Na Superliga feminina, também teve novidade: após um jejum de 17 anos, o Minas voltou a levantar a taça depois de uma vitória de virada sobre o Praia Clube, de Uberlândia. A equipe do treinador italiano Stefano Lavarini ganhou por 3 sets a 1, encerrando a série final em 2 a 0.  

Foi o quarto título da história do Minas na Superliga. Este ano o time conquistou ainda o Sul-Americano de Clubes, garantindo presença no Mundial de Clubes de Vôlei. Quatro jogadoras do time integram a seleção brasileira: a líbero Léia, a levantadora Macris, a ponteira Lana e a oposta Sheilla.

Leia mais:  Timão se reapresenta e inicia preparação para Majestoso

No início de dezembro, a equipe masculina do Cruzeiro foi vice-campeã do Mundial de Clubes de Vôlei, que reúne a elite do vôlei. O time mineiro enfrentou na final o Lube Civitanova, atual campeão europeu, que conta no elenco com Bruninho e Leal, jogadores da seleção brasileira.  A equipe italiana levou o título após vencer o time mineiro por 3 sets a 1.

     CRUZEIRO É VICE-CAMPEÃO DO MUNDIAL DE CLUBES DE VÔLEI APÓS DERROTA PARA CIVITANOVA

CRUZEIRO É VICE-CAMPEÃO DO MUNDIAL DE CLUBES DE VÔLEI APÓS DERROTA PARA CIVITANOVA – Divulgação/SILVIO AVILA FIBV

Na disputa feminina do Mundial de Clubes, em Shaoxing (China), os dois representantes brasileiros foram o campeão nacional e o vice, Minas e Praia Clube respectivamente. O Minas, do técnico italiano Lavarini, fechou a competição na quinta posição, e o Praia Clube, comandado por Paulo Coco, terminou em sexto lugar.

Edição: Guilherme Neto

Comentários Facebook
publicidade

ESPORTES

Corinthians segue preparação para o Majestoso

Publicado



Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Na tarde desta sexta-feira (15), o Corinthians realizou mais uma atividade no CT Dr. Joaquim Grava, de olho na preparação para o Majestoso válido pelo Campeonato Brasileiro, na segunda-feira (18), no estádio do Morumbi.

Os atletas que atuaram por mais de 45 minutos na última quarta-feira (13), diante do Fluminense, realizaram aquecimento no gramado e depois retornaram para um trabalho regenerativo na parte interna. Os demais foram ao Campo 1 também para aquecimento com o preparador físico Flávio de Oliveira.
Na sequência, no Campo 2, o técnico Sylvinho promoveu uma atividade de posse de bola em espaço reduzido. Os goleiros realizaram exercícios específicos com os preparadores Marcelo Carpes e Luiz Fernando dos Santos.
Os meio-campistas Giuliano e Renato Augusto realizaram controle de carga na parte interna do CT e não foram ao gramado.
Já o meia Roni, em evolução na recuperação do entorse ligamentar do joelho direito, fez um trabalho com bola em campo sob a supervisão da equipe de fisioterapia.
Neste sábado (16), no período da manhã, o elenco faz o penúltimo treino preparatório para o Majestoso, na segunda-feira (18), às 20h, no Morumbi, pela 27ª rodada da competição.
Atualização médica: Willian
O meio-campista Willian sofreu uma lesão de grau 2 no músculo posterior da coxa esquerda e ficará em tratamento de quatro a cinco semanas.
O atleta será reavaliado após este período.

Tags: futebol, notícias

Categoria(s): futebolcorinthians

fonte: https://www.corinthians.com.br/noticias/direto-do-ct-corinthians-segue-preparacao-para-o-majestoso

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Leia mais:  Beira-Rio vira Wakanda, e Inter vence o América-MG por 3 a 1
Continue lendo

ESPORTES

NOVO TÉCNICO Vagner Mancini é apresentado oficialmente como novo técnico gremista

Publicado


NOVO TÉCNICO

Vagner Mancini é apresentado oficialmente como novo técnico gremista

Comandante assinou vínculo até o final de 2022

 15 OUT 2021 18:45 | ATUALIZADO EM 15 OUT 2021 18:50O técnico Vagner Mancini foi apresentado oficialmente como novo comandante do Tricolor, no final da tarde desta sexta-feira, após orientar seu primeiro trabalho junto aos atletas, no Centro de Treinamento Presidente Luiz Carvalho. Mancini assinou vínculo até dezembro de 2022. Na sala de conferências do CT, Vagner Mancini recebeu as boas vindas do vice de futebol Denis Abrahão, além de exibir uma camisa tricolor personalizada.

Na primeira resposta, o técnico fez questão de salientar a importância da união de todos para tirar o Grêmio da situação em que se encontra. “O Grêmio precisa começar uma reação o quanto antes. Eu aceitei a proposta pelo tamanho do Clube. Sei da sua grandeza, participei de conquistas como jogador. É preciso que a gente se reforce de toda a atmosfera criada pela torcida já neste domingo para iniciar uma retomada no Campeonato Brasileiro”.

Sobre a equipe, Mancini reforçou a ideia de ter jogadores ainda mais competitivos. “O time do Mancini vai ser sempre ofensivo naquilo que pede a partida. Um time de futebol tem que ser agressivo, tando para atacar, quanto para defender, com ou sem a posse de bola. Nós temos jogadores capazes e de grande técnica para jogar com a bola. Eu conto hoje com o lastro de trabalho de outros técnicos para ralizar alguns ajustes para eles terem melhor desempenho”.

Leia mais:  Rogério Ceni avalia reestreia: "Fomos dominantes"

O novo treinador terá alguns novos profissionais ao seu lado. O auxiliar técnico Regis Angelis; o analista de desempenho, Claudio Andrade; e o auxiliar de preparação física, Lucas Itaberaba.

Confira abaixo a entrevista coletiva remota de apresentação do novo técnico na íntegra, transmitida pela Grêmio TV.

Fotos: Lucas Uebel/Grêmio.

Notícias Relacionadas

COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana