conecte-se conosco


CUIABÁ

Referencia da boemia cuiabana, Praça 8 de Abril é entregue à população

Publicado

O prefeito Emanuel Pinheiro entregou a revitalização da Praça 8 de Abril nesta segunda-feira (23). O espaço passou por processo de reconstrução, além da instalação da fonte “Pedra Flutuante”. O trabalho, fruto de parceria entre as Secretarias de Serviços Urbanos e Meio Ambiente, também garantiu a reconstrução do piso, pintura, instalação de iluminação de LED, bancos e lixeiras, jardinagem e paisagismo.

O coreto da Praça, que leve este nome em homenagem a data de fundação da Vila Real do Bom Jesus de Cuiabá, também foi reformado e está apto a receber novamente atividades de manifestações culturais. A última reforma realizada ali aconteceu no ano de 2008.

“É uma obra de valorização e respeito a um dos mais belos espaços públicos de Cuiabá, que representa um ponto de encontro da cuiabania, uma região de muita energia, de encontro popular, festividades e comemorações. Por algum motivo a sociedade essa Praça para extravasar suas alegrias, vitórias, amizades e celebrar seus grandes momentos, que imortalizam nossa noite”, disse o prefeito.

Situada entre duas das avenidas mais movimentadas da cidade (Getúlio Vargas e Isaac Póvoas, a praça passa a contar ainda com uma academia ao ar livre e playground. Vale destacar que o novo monumento foi construído com parceria da Associação dos Camelôs do Shopping Popular.

“Nós, que estamos revitalizando todas as regiões da cidade não poderíamos deixar de fora um dos símbolos da alegria cuiabana. Em parceria com o Shopping Popular realizamos esse sonho, fazendo que devolvêssemos à Praça aos legítimos donos deste local, os cidadãos”, afirmou Pinheiro.

A presidente da Associação dos Comerciantes da Praça 8 de Abril, Mariley Rosa, lembra que o cenário de abandono havia afugentado os frequentadores. “A promessa era de que no dia 23 de abril esta obra seria concluída. Para nossa surpresa e felicidade, isso foi correspondido. Então nós, comerciantes, e também os moradores queremos agradecer pela iniciativa, que representa uma nova realidade para nós.”

Leia mais:  Dose de reforço passa a ser aplicada em pessoas com 60 anos a partir desta terça-feira (26)

Na ocasião Pinheiro também falou sobre a futura criação de outro monumento, em reverência a boemia cuiabana. Ao redor de uma mesa, estátuas de Silva Freire, Rames Bucair, Renato Pimenta, Zelito Bicudo e Ditinho Cigano, imortalizarão as histórias que marcaram a noite da Capital. Dos homenageados, três estarão sentados e outros dois de pé, deixando duas vagas para que os visitantes possam se sentar e tirar fotos.

A respeito do monumento criado pelo poeta e artista plástico Wlademir Dias-Pino, anteriormente instalado no local, o titular da Secretaria de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa, garante que a peça está guardada e em segurança. A obra deverá ser realocada em outro ponto dali ou levada a outra praça do Município. “Tomamos todos os cuidados necessários para que a retirada não causasse nenhum dano.”

HISTÓRIA

A Lei 1315/73, sancionada pelo então prefeito José Villanova Torres, indica que a fundação da Praça 8 de Abril é anterior a década de 70. A publicação, que trata da delimitação de bairros de Cuiabá, é uma das poucas a mencionar a praça como parte da lista de logradouros e espaços públicos que integram o bairro Goiabeiras.  

Os registros históricos relatam ainda que, até o ano de 1978, o local recebia o nome de Praça Barão de Maracaju. No entanto, em abril do mesmo ano, Manoel Antônio Rodrigues Palma, chefe do Executivo da época, homologou a Lei 1538/78, mudando a denominação para Praça 8 de Abril.   

Comentários Facebook
publicidade

CUIABÁ

‘Bares, restaurantes, boates e similares ainda terão que cumprir horários de fechamento estipulado em decreto’, orienta secretário da Ordem Pública

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

O secretário de Ordem Pública do Município, Leovaldo Sales,  orientou ao segmento econômico, principalmente, o comércio noturno, que uma das medidas previstas no Decreto nº 8.712 –  assinado pelo prefeito em exercício  José Roberto Stopa, na tarde desta terça-feira (26), revoga o toque de recolher (que funcionava de segunda-feira a domingo, no período das 2h às 5h). No entanto,  ele mantém em vigência os horários de fechamento do comércio ainda devem seguir o previsto no Decreto 8.430/2021, de 14 de maio.

Ele ainda informa que a Secretaria de  Ordem Pública continuará realizando fiscalizações para que o comércio continue observando  as  medidas de biossegurança previstas em normativas, como o distanciamento de mesas,  o uso de máscara, além capacidade de 70% em locais como restaurantes, bares e casas de shows com 50% da capacidade máxima do estabelecimento. Ainda, a fiscalização vai verificar a regularidade do estabelecimento com relação ao alvará de funcionamento.

“Queremos informar à população cuiabana e aos empresários  que trabalham com as atividades comerciais noturna, restaurantes, bares e casas de shows e conveniências, que o Decreto 8.712 /25 de out de 2021 – apesar de revogar o toque de recolher, mantém  em vigência as medidas de biossegurança, como o distanciamento, utilização das máscara  e outros. E a Ordem Pública vai continuar fiscalizando a regularidade dos estabelecimentos, se este possui alvará e principalmente  focando nas vigências do decreto. Queremos ter nesse prenúncio de normalidade a melhor relação possível assim como tivemos até agora, na esperança que essa normalidade venha o mais rápido possível”, pontuou Sales. 

O documento assinado pelo prefeito em exercício, autoriza a reativação da utilização do ponto eletrônico nos órgãos públicos municipais como forma de controle de frequência dos servidores públicos. A providência leva em consideração a retomada das atividades presenciais, ocorrida anteriormente, e não se aplica a secretários, adjuntos e ainda às pessoas que desempenham funções incompatíveis com o sistema eletrônico. determina que as demais medidas contidas no Decreto nº 8.430, de 14 de maio de 2021, continuam em vigor até o dia 1º de novembro de 2021. Respeitando os apontamentos técnico-científicos feitos com base no monitoramento diário da evolução da Covid-19 em Cuiabá, as medidas podem ser alteradas ou prorrogadas.  

Leia mais:  Prefeitura de Cuiabá promove discussões sobre a revisão da Lei de Regularização e estima beneficiar 30 mil pessoas

O Disque-denúncia da Secretaria Municipal de Ordem Pública está  ativo para recebimento de denúncias em horário comercial. A denúncia recebida pode ser anônima ou identificada. Após o recebimento, a Gerência de Fiscalização acionará a equipe mais próxima para vistoria e demais procedimentos.  O telefone do disque-denúncia é o (65) 3616-9614, de segunda à sexta em horário comercial. No período noturno, finais de semana e feriados, o contato é direto com as equipes do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) pelo telefone 190.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

CUIABÁ

Toque de recolher é revogado e órgãos municipais devem retomar uso do ponto eletrônico

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Seguindo com planejamento executado pela gestão Emanuel Pinheiro visando o combate à Covid-19, o prefeito em exercício José Roberto Stopa editou o Decreto nº 8.712, estabelecendo novas medidas a serem seguidas na Capital. De acordo com o documento, a partir desta terça-feira (26), está revogado o toque de recolher, que funcionava de segunda-feira a domingo, no período das 2h às 5h.

Já publicado na Gazeta Municipal, o decreto traz também como novidade a reativação da utilização do ponto eletrônico nos órgãos públicos municipais como forma de controle de frequência dos servidores públicos. A providência leva em consideração a retomada das atividades presenciais, ocorrida anteriormente, e não se aplica a secretários, adjuntos e ainda às pessoas que desempenham funções incompatíveis com o sistema eletrônico.

Além dessas duas mudanças, o documento assinado pelo prefeito em exercício determina que as demais medidas contidas no Decreto nº 8.430, de 14 de maio de 2021, continuam em vigor até o dia 1º de novembro de 2021. Respeitando os apontamentos técnico-cientifico feitos com base no monitoramento diário da evolução da Covid-19 em Cuiabá, as medidas podem ser alteradas ou prorrogadas.  

“Todas as decisões tomadas pela gestão Emanuel Pinheiro durante a pandemia são embasadas em dados técnicos e ouvindo o Comitê Municipal de Combate à Covid-19. Estamos dando continuidade nesse planejamento, também seguindo essa mesma metodologia. Consideramos que essas mudanças podem ser feitas de forma segura e continuamos pedindo para a população tomar os devidos cuidados”, explica José Roberto Stopa.

Confira no anexo abaixo o decreto na íntegra 

Comentários Facebook
Leia mais:  Sine Municipal disponibiliza mais de 500 vagas de emprego; Confira
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana