conecte-se conosco


CUIABÁ

Natal da Gente segue com programação até o dia 06 de janeiro em Cuiabá

Publicado

A programação do Natal da Gente, promovido pela Prefeitura de Cuiabá, segue até o dia 06 de janeiro de 2020, na Praça Santos Dumont. O espaço conta com a Casa do Papai Noel, túnel de luz e decoração que embelezam ainda mais a Capital.

Para completar, a Avenida Getúlio Vargas também teve sua extensão inteiramente ornamentada, inserindo Cuiabá definitivamente na magia do Natal. O local foi especialmente preparado para visitação do público, que por sinal tem marcado presença. Um balanço estimado prevê que mais de 30 mil pessoas já passaram pela praça.

Além da praça Santos Dumont, o Natal da Gente trouxe como principal novidade para este ano a caravana natalina, que percorreu diversas regiões de Cuiabá, levando estrutura completa para os bairros mais afastados do Centro Histórico. Um caminhão bitrem, totalmente transformado, passou por bairros estratégicos, alcançando todas as localidades de Cuiabá.

Conforme a programação, o veículo da Prefeitura de Cuiabá começou a visita pelos bairros Santa Izabel, Jardim União, Três Barras, Planalto, Osmar Cabral e Parque Cuiabá, finalizando no bairro Pedra 90. As visitas tiveram início no dia 17 e encerram no dia 23 de dezembro.

Coordenado pela primeira-dama Márcia Pinheiro, o projeto surgiu com proposta de democratizar a festa natalina, facilitando à população o acesso à programação em comemoração a essa data especial. “Nós pensamos naquelas famílias simples que pagam seus impostos e merecem serviços de qualidade. Portanto, o Natal da Gente é feito para as famílias, para que as crianças cresçam em meio à magia do Natal e toda sua representatividade cristã”, declarou Márcia Pinheiro.

Todas as ações tiveram a participação e patrocínio da iniciativa privada como a Energisa, Águas Cuiabá e Rodobens que disponibilizou o caminhão que foi palco do presépio, chuva de neve e casa do Papai Noel.

Leia mais:  Projeto "Geladeira Solidária" atende 600 pessoas por semana com a distribuição de sacolões

 

Comentários Facebook
publicidade

CUIABÁ

‘Bares, restaurantes, boates e similares ainda terão que cumprir horários de fechamento estipulado em decreto’, orienta secretário da Ordem Pública

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

O secretário de Ordem Pública do Município, Leovaldo Sales,  orientou ao segmento econômico, principalmente, o comércio noturno, que uma das medidas previstas no Decreto nº 8.712 –  assinado pelo prefeito em exercício  José Roberto Stopa, na tarde desta terça-feira (26), revoga o toque de recolher (que funcionava de segunda-feira a domingo, no período das 2h às 5h). No entanto,  ele mantém em vigência os horários de fechamento do comércio ainda devem seguir o previsto no Decreto 8.430/2021, de 14 de maio.

Ele ainda informa que a Secretaria de  Ordem Pública continuará realizando fiscalizações para que o comércio continue observando  as  medidas de biossegurança previstas em normativas, como o distanciamento de mesas,  o uso de máscara, além capacidade de 70% em locais como restaurantes, bares e casas de shows com 50% da capacidade máxima do estabelecimento. Ainda, a fiscalização vai verificar a regularidade do estabelecimento com relação ao alvará de funcionamento.

“Queremos informar à população cuiabana e aos empresários  que trabalham com as atividades comerciais noturna, restaurantes, bares e casas de shows e conveniências, que o Decreto 8.712 /25 de out de 2021 – apesar de revogar o toque de recolher, mantém  em vigência as medidas de biossegurança, como o distanciamento, utilização das máscara  e outros. E a Ordem Pública vai continuar fiscalizando a regularidade dos estabelecimentos, se este possui alvará e principalmente  focando nas vigências do decreto. Queremos ter nesse prenúncio de normalidade a melhor relação possível assim como tivemos até agora, na esperança que essa normalidade venha o mais rápido possível”, pontuou Sales. 

O documento assinado pelo prefeito em exercício, autoriza a reativação da utilização do ponto eletrônico nos órgãos públicos municipais como forma de controle de frequência dos servidores públicos. A providência leva em consideração a retomada das atividades presenciais, ocorrida anteriormente, e não se aplica a secretários, adjuntos e ainda às pessoas que desempenham funções incompatíveis com o sistema eletrônico. determina que as demais medidas contidas no Decreto nº 8.430, de 14 de maio de 2021, continuam em vigor até o dia 1º de novembro de 2021. Respeitando os apontamentos técnico-científicos feitos com base no monitoramento diário da evolução da Covid-19 em Cuiabá, as medidas podem ser alteradas ou prorrogadas.  

Leia mais:  Dose de reforço passa a ser aplicada em pessoas com 60 anos a partir desta terça-feira (26)

O Disque-denúncia da Secretaria Municipal de Ordem Pública está  ativo para recebimento de denúncias em horário comercial. A denúncia recebida pode ser anônima ou identificada. Após o recebimento, a Gerência de Fiscalização acionará a equipe mais próxima para vistoria e demais procedimentos.  O telefone do disque-denúncia é o (65) 3616-9614, de segunda à sexta em horário comercial. No período noturno, finais de semana e feriados, o contato é direto com as equipes do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (CIOSP) pelo telefone 190.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

CUIABÁ

Toque de recolher é revogado e órgãos municipais devem retomar uso do ponto eletrônico

Publicado


Davi Valle

Clique para ampliar

Seguindo com planejamento executado pela gestão Emanuel Pinheiro visando o combate à Covid-19, o prefeito em exercício José Roberto Stopa editou o Decreto nº 8.712, estabelecendo novas medidas a serem seguidas na Capital. De acordo com o documento, a partir desta terça-feira (26), está revogado o toque de recolher, que funcionava de segunda-feira a domingo, no período das 2h às 5h.

Já publicado na Gazeta Municipal, o decreto traz também como novidade a reativação da utilização do ponto eletrônico nos órgãos públicos municipais como forma de controle de frequência dos servidores públicos. A providência leva em consideração a retomada das atividades presenciais, ocorrida anteriormente, e não se aplica a secretários, adjuntos e ainda às pessoas que desempenham funções incompatíveis com o sistema eletrônico.

Além dessas duas mudanças, o documento assinado pelo prefeito em exercício determina que as demais medidas contidas no Decreto nº 8.430, de 14 de maio de 2021, continuam em vigor até o dia 1º de novembro de 2021. Respeitando os apontamentos técnico-cientifico feitos com base no monitoramento diário da evolução da Covid-19 em Cuiabá, as medidas podem ser alteradas ou prorrogadas.  

“Todas as decisões tomadas pela gestão Emanuel Pinheiro durante a pandemia são embasadas em dados técnicos e ouvindo o Comitê Municipal de Combate à Covid-19. Estamos dando continuidade nesse planejamento, também seguindo essa mesma metodologia. Consideramos que essas mudanças podem ser feitas de forma segura e continuamos pedindo para a população tomar os devidos cuidados”, explica José Roberto Stopa.

Confira no anexo abaixo o decreto na íntegra 

Comentários Facebook
Leia mais:  Prefeitura de Cuiabá promove discussões sobre a revisão da Lei de Regularização e estima beneficiar 30 mil pessoas
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

DIAMANTINO

POLÍTICA MT

POLICIAL

MATO GROSSO

POLÍTICA NACIONAL

ESPORTES

Mais Lidas da Semana